Chop Suey!

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a canção da banda System of a Down. Para outros significados, veja Chop suey (desambiguação).
"Chop Suey!"
Single de System of a Down
do álbum Toxicity
Lançamento 13 de Agosto de 2001
Formato(s) CD, Vinil, Airplay
Gravação Fevereiro - março de 2001
Cello Studios
Hollywood, Califórnia
Gênero(s)
Duração 3:30
Gravadora(s) American
Composição Serj Tankian, Daron Malakian
Produção Rick Rubin, Daron Malakian, Serj Tankian
Cronologia de singles de System of a Down
"Spiders"
(1999)
"Toxicity"
(2002)

"Chop Suey!" é uma canção da banda norte-americana System of a Down, incluída no álbum Toxicity, de 2001. Foi o primeiro single a ser retirado desse álbum. O single foi lançado em agosto de 2001 e rendeu à banda sua primeira indicação ao Grammy, em 2002, na categoria Best Metal Performance (Melhor Performance/Desempenho Metal). A revista de rock americana Loudwire incluiu a canção na lista das melhores canções do século XXI, sendo a primeira colocada na referida lista.[4]

Visão geral[5][editar | editar código-fonte]

Em uma entrevista, o guitarrista Daron Malakian explicou: "A música é sobre como somos vistos de maneira diferente dependendo de como vivemos. Todo mundo merece morrer. Tipo, se eu morresse agora por causa do uso de drogas, eles poderiam dizer que eu mereci porque abusei de drogas perigosas. Daí a frase "Eu choro quando os anjos merecem morrer".[6] A frase presente no verso da ponte ("Pai, em Tuas mãos eu entrego o meu espírito") - retirada do evangelho segundo Lucas, 23:46 - foi escolhida aleatoriamente por Tankian enquanto estava procurando por ideias que encaixassem.[7] A ponte inclui outra referência bíblica, neste caso ao evangelho segundo Mateus, 27:46: "Pai, por que me abandonaste?"

Título da música[editar | editar código-fonte]

A canção foi originalmente intitulada "Self-righteous Suicide" (algo como "suicídio sobranceiro"), mas a Columbia Records forçou a banda a alterá-la para evitar polêmicas.[8][9] O título da música é, portanto, um jogo de palavras: "Suey" é "Suicide" (suicídio), "cortado" ao meio.[9] No entanto, os membros da banda afirmam que essa mudança não foi causada pela pressão de sua gravadora; Odadjian disse que a banda simplesmente escolheu suas batalhas com cuidado.[9] A maioria das gravações do álbum inclui uma introdução à faixa onde o vocalista Serj Tankian pode ser ouvido dizendo "estamos gravando 'Suicide'", enquanto o baterista John Dolmayan está contando o ritmo com as baquetas.

Sua introdução é um cânone. A ordem é guitarra, baixo e bateria.

O videoclipe foi dirigido por Marcos Siega. O videoclipe apresenta vários fãs da banda, que foram convidados para participar das filmagens, em um parque de estacionamento.

Faixas[editar | editar código-fonte]

N.º TítuloLetrasMúsica Duração
1. "Chop Suey!"  Tankian, MalakianMalakian 3:30
2. "Johnny"  TankianTankian 2:07
3. "Sugar"  TankianOdadjian, Malakian 2:27
4. "War?" (ao vivo)TankianMalakian 2:47
N.º TítuloLetrasMúsica Duração
1. "Chop Suey!"  Tankian, MalakianMalakian 3:30
2. "Johnny"  TankianTankian 2:07
3. "Know"  TankianOdadjian, Malakian, Tankian 3:04

Posições nas paradas[editar | editar código-fonte]

País Posição Data Semanas nos gráficos
 Austrália[5] 14 3 de fevereiro de 2002
11 semanas
 Bélgica[10] 18 26 de janeiro de 2002
9 semanas
 Estados Unidos[11] 76 5 de janeiro de 2002
20 semanas
 Países Baixos[12] 25 10 de novembro de 2001
13 semanas
 Reino Unido[13] 17 3 de novembro de 2001
4 semanas

Referências

  1. «Crashing the Party - The Boar». theboar.org (em inglês). Consultado em 11 de outubro de 2018 
  2. Stone, Rolling (18 de julho de 2011). «100 Best Albums of the 2000s». Rolling Stone (em inglês) 
  3. Chesler, Josh (18 de maio de 2015). «10 Nu-Metal Songs That Actually Don't Suck». Phoenix New Times 
  4. July 1, Spencer KaufmanPublished:; 2012. «No. 1: System of a Down, 'Chop Suey!' – Top 21st Century Hard Rock Songs». Loudwire (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  5. a b australian-charts.com: Chop Suey! nos gráficos australianos, acessado em 25 de março de 2009
  6. «A Deep Dive Into System Of A Down's Chop Suey! Video — Kerrang!». web.archive.org. 21 de junho de 2020. Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  7. «System of a Down: Reuniting the Band, "Protect the Land," and Armenia | Apple Music» 
  8. Grow, Kory; Grow, Kory (11 de fevereiro de 2016). «Rick Rubin: My Life in 21 Songs». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  9. a b c «System of a Down's Shavo Odadjian - Wikipedia: Fact or Fiction?» 
  10. ultratop.be: Chop Suey! nos gráficos belgas, acessado em 25 de março de 2009
  11. billboard.com: Chop Suey! no Billboard-Charts, acessado em 25 de março de 2009
  12. dutchcharts.nl: Chop Suey! nos gráficos holandeses, acessado em 25 de março de 2009
  13. chartstats.com: System of a Down no UK-Charts, acessado em 25 de março de 2009
Ícone de esboço Este artigo sobre um single de System of a Down é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.