Chukchis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Chukchis
Чукчи
Foto de 1906 em Anadyr mostrando chukchis com trajes nativos, russos e ocidentais
População total

15 7671 (2002)

Regiões com população significativa
 Rússia 15 7672 (2002)
Línguas
Russo, Chukchi
Religiões
Igreja Ortodoxa Russa e xamanismo.

Os chukchis ou Chukchee (em russo: чукчи (plural), чукча (singular)) são nômades nativos da Sibéria (Rússia). São caçadores de Renas e vivem em tendas de pele de rena, que são bem vedadas para reter o calor. Habitam a Península Chukchi e o litoral do Mar de Chukchi e Mar de Bering, no Oceano Ártico. Suas origens vêm dos habitantes da área do Mar de Okhotsk.

Nome[editar | editar código-fonte]

A denominação Chukchi é uma adaptação para o russo da palavra Chukota chauchu, "ricos em renas". Os Chukchis chamam a si próprios de /ɬəɣʔorawətɬʔat/ (singular /ɬəɣʔorawətɬʔan/), "o povo verdadeiro".

Grupos[editar | editar código-fonte]

Há dois grupos de Chukchis: os da Tundra ou do interior, que vivem tradicionalmente da criação de renas e que são chamados Chauchu ("rico em renas"); e os do litoral, que vivem da pesca de mamíferos marinhos e que são chamados Ankallyt ("povo do mar"). O conjunto dos dois grupos é denominado Lygoravetlyan ou Luorawetlan, "pessoa verdadeira".

Idiomas[editar | editar código-fonte]

A grande maioria dos Chavchu fala Chukoto e resiste ao uso da língua russa e também à cultura russa. Os Ankalyn mais jovens do que 50 anos em sua maioria falam o russo, além do Chukoto. Entre os Chukchis, há vários que falam Yakut, Lamut e/ou Yukaghir.

História[editar | editar código-fonte]

Nos tempos pré-históricos, os chukchis eram nômades e viviam da caça, pesca e coleta. Em 1643, os russos tiveram o primeiro contato com os chukchis no rio Kolyma. Em 1649, tiveram novo contato no rio Anadyr. O trecho entre Nizhnekolymsk e o forte de Anadyrsk tornou-se, então, uma grande rota comercial. Durante a primeira metade do século XVIII, o Czarado da Rússia (e, posteriormente, o Império da Rússia) tentou conquistar os chukchis. Diante da resistência dos chukchis, os russos optaram pelo estabelecimento de relações comerciais pacíficas com estes a partir da segunda metade do século XVIII.

Na primeira metade do século XIX, chegaram os primeiros missionários ortodoxos. No começo da década de 1920, os soviéticos criaram fazendas estatais e cooperativas agrícolas na região, baseadas na criação de renas, na pesca de mamíferos marinhos e no artesanato de presas de morsa. Os chukchis foram educados em escolas soviéticas: como resultado, hoje, quase 100 por cento dos chukchis fala e escreve, fluentemente, a língua russa. Atualmente, apenas uma pequena parte dos chukchis tem um estilo de vida nômade e baseado na criação de renas, na caça de ursos-polares e na pesca de mamíferos marinhos.

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Chukchis
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.