Clélia Bessa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Clélia Bessa (Curitiba, Paraná, 1963) é uma produtora brasileira. Nasceu em Curitiba, mas foi criada em Manaus, Amazonas, de onde saiu em 1982 para fazer faculdade no Rio de Janeiro. Formada em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, iniciou sua carreira em 1987, na Embrafilme, e sempre atuou na área do audiovisual. Trabalhou na equipe do Programa Legal e do Casseta & Planeta, no núcleo do Guel Arraes, na TV Globo. Trabalhou com Júlio Worcman na Synapse Distribuidora, além de ter passado pelo CTAV - Centro Técnico Audiovisual do Ministério da Cultura, pela Fundação do Cinema Brasileiro e pela Funarte. Foi assistente de Zelito Viana, na Mapa Filmes, onde foi Coordenadora de Produção do filme Veja Esta Canção (1995), de Carlos Diegues, uma das primeira coproduções entre cinema e televisão feitas no Brasil. Neste filme conheceu Rosane Svartman, a quem se associaria na Raccord Produções.

Durante a chamada "retomada do cinema brasileiro",[1] na década de 1990, trabalhou na produção do filme Como Ser Solteiro (1990), dirigido por sua sócia, Rosane Svartman.

Desde 2008, é professora titular da cadeira de Produção I do curso de Cinema da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), além de ser conselheira da ABPITV - Associação Brasileira de Produtores Independentes do TV e da diretoria do SICAV - Sindicato da Indústria Cinematográfica e Audiovisual.

Produziu o canal Humanóides,[2][3] primeiro canal stream para celular, totalizando 130 de programação inédita. Com o apoio do Oi Futuro, produziu a primeira websérie voltada para o público adolescente, Desenrola, que contou com intensa participação do público e foi mais tarde transformada em um filme de mesmo nome.

Produções no cinema[editar | editar código-fonte]

Título Direção Ano Cargo
Os Maias João Botelho 2015 Produtora
Copa de Elite Vitor Brandt 2014 Produtora Executiva
Desenrola Rosane Svartman 2011 Produtora
Cartola - Música Para os Olhos Lírio Ferreira e Hilton Lacerda 2006 Produtora
Cafuné Bruno Vianna 2006 Produtora
Mais Uma Vez Amor Rosane Svartman 2005 Produtora
Vida de Menina Helena Soldberg 2005 Coprodutora
Separações Domingos de Oliveira 2002 Produtora
O Rap do Pequeno Príncipe Contra as Almas Sebosas Paulo Caldas e Macelo Luna 2000 Produtora
Como Ser Solteiro Rosane Svartman 1998 Produtora

Produções na televisão[editar | editar código-fonte]

Título Direção Ano Canal
Futebol Série C Samir Abujamra 2016 TV Brasil
As Canções da Minha Vida Bruno Levinson 2016 Canal Curta!
BIS DOCS Bruno Levinson 2013 Canal BIS
Paidecendo no Paraíso Rosane Svartman 2007 GNT
Desenrola Aí Marianna Rhosa 2010/2011 Multishow
Quando Éramos Virgens Rosane Svartman 2006 GNT
Caro Que É Rock Rosane Svartman e Bruno Levinson 2005 Multishow
Como Ser Solteiro - A Série Rosane Svartman 1999 Multishow
Mulheres no Cinema Brasileiro Sonia Necerssian 2000 Canal Brasil
Retratos Brasileiros Marcus Vinicius Cezar 1998 Canal Brasil
Registro Marcus Vinicius Cezar 1998 Multishow

Referências

  1. Nagib, Lucia (2002). O cinema da retomada: depoimentos de 90 cineastas dos anos 90. São Paulo: Editora 34 
  2. «Converge Comunicações». Converge Comunicações. Consultado em 6 de julho de 2016 
  3. «FNDC - Oi lança serviço de TV móvel e promete IPTV para início de 2008». FNDC. Consultado em 6 de julho de 2016