Clube de Esportes União

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
União/ABC
UniaoABC.png
Nome Clube de Esportes União/ABC
Alcunhas CEU, Azulão,
Celeste, Águia do Pantanal
Fundação 19 de janeiro de 1998 (20 anos)
Estádio Estádio das Moreninhas
Capacidade 4.500
Localização Campo Grande, MS
Presidente Brasil Fábio Henrique Vicente da Silva
Treinador Brasil Robert
Patrocinador Brasil Colégio ABC
Brasil Sicredi
Material (d)esportivo Brasil Invictus Sports
Competição Mato Grosso do Sul Campeonato Sul-Mato-Grossense - Série B
Website [1]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

Clube de Esportes União/ABC, também conhecido como CEU, é um clube brasileiro de futebol com sede na cidade de Campo Grande, no estado de Mato Grosso do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

O União foi fundado no dia 19 de janeiro de 1998, por Gil Edson Mariano e Maurio Martins Pereira (conhecido por "Maroka"). Na eleição para a presidência para a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul daquele ano, os fundadores do União exigiram a participação do clube recém-criado no campeonato estadual. A equipe seria formada a partir de jogadores dos times amadores da capital do Estado que participavam dos campeonatos na Chácara do Gil.

O clube seria inicialmente chamado de "Estrela Vermelha". Porém, o presidente eleito da FFMS, Francisco Cesario, sugeriu o nome "Clube de Esportes União". No ato de fundação, José Plínio foi eleito, por unanimidade, primeiro presidente do clube.

Após sucesso em vários campeonatos amadores, surgiu então a ideia de profissionalizar uma equipe para disputar o Campeonato Sul-mato-grossense de Futebol.

Na eleição de Francisco Cesário para presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), em 1998, pediram para colocar um time, que seria feito a partir da união de todos os times amadores da capital, que por sua vez participavam dos eventos promovidos na Chácara do Gil.

Inicialmente o clube seria chamado de Estrela Vermelha, mas Cesário deu a ideia de CEU (Clube de Esportes União).

Com o nome já certo de que seria União, Gil e Maroka fizeram um convite a todos os dirigentes do futebol Amador, para fundação da equipe. A reunião foi um sucesso, onde compareceu: Zé Buião, Elias Moraes, José Plínio, Walter Alves, Helio Correia, Adalto Lopes, Santos, César Gayoso, Ademir Mariano, José Aparecido, Maria Berenice, Milton Santos, Hernandes Cardoso, José Antônio, além dos idealizadores.

Em 18 de janeiro de 1998 reuniu-se em Assembleia geral, às 20h00, na avenida das Bandeiras, em Campo Grande, os interessados na fundação do Clube de Esportes União. Na reunião, José Plínio de Oliveira foi eleito por unanimidade como presidente. No dia seguinte foi fundado oficialmente o CE União.

As cores adotadas pele equipe foram às mesmas do CEU. O primeiro uniforme do clube foi camisa azul, calção azul e meias azuis, sendo assim a cor que prospera até os dias atuais.

O primeiro jogo oficial do União aconteceu no dia 22 de Março de 1998, no estádio Elias Gadia, em Campo Grande. O União venceu por 3 a 0 a equipe do Esporte Clube Rio Pardo e deu início a gloriosa era União.

Os dois primeiro anos a equipe se tornou muito importante para todos que acompanhavam o futebol sul-mato-grossense, assim como a FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) que começou a olhar a nova equipe como uma das potências para o futebol da capital. Sempre demonstrando dentro de campo sua força, o União começou a ganhar novos torcedores, a maior parte concentrada no Bairro Tiradentes, em Campo Grande.

Foi em 1998 e 1999 que o CEU revelou grandes craques para o futebol nacional, como Edmilson Dubinha (Palmeiras), Jorge Henrique (ex-Vitória) e Tainha. Em 2008 o clube revelou o lateral Jefferson Feijão, que atuou pelo Paraná Clube e chegou a ser sondado pelo Grêmio.

A melhor colocação do União no Campeonato Sul-Matogrossense foi obtida em 1999, quando terminou na terceira colocação. Foi presidido até 2014 por Adailton Roberto Teixeira, ex-jogador do clube entre 2002 e 2005.

Cronologia[editar | editar código-fonte]

  • 1998 – Em 18 de janeiro de 1998, às 20h00, dirigentes de clubes amadores reuniram-se na Avenida das Bandeiras, em Campo Grande, com intenção de fundar uma equipe para o futebol profissional sul-mato-grossense.

No dia 19 de janeiro foi fundado oficialmente o Clube de Esportes União.

  • 1999 – Fez sua melhor campanha em competições estaduais, perdeu na semifinal para o Ubiratan e ficou na terceira colocação.
  • 2000 – A volta do treinador Edson Soares que em 1998 fez uma bela campanha, não surtiu o resultado esperado e o CEU com investimentos baixos fez uma campanha irregular.
  • 2001 – Sem muitos investidores o CEU teve que iniciar o estadual com sua categoria de base, a garotada não deu conta do recado e o União fez uma das piores campanhas.
  • 2002 – Nas três partidas iniciais, o União veio forte e goleou a equipe do Maracajú, por 4x2, o Operário, por 4x1 e o Águia Negra pelo placar de 4 tentos a 1.
  • 2003 – O clube só conseguiu participar do Campeonato Sul-Mato-Grossense graças a uma decisão do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva), que concedeu liminar em que determina a inclusão do Clube de Esportes União, Ladário Esporte Clube Águia Negra. A Federação havia excluído os clubes, alegando que eles não haviam enviado todos os documentos necessários. Os três clubes contra-atacaram, afirmando que não foram comunicados pela FFMS para reunião que definiu a tabela e o regulamento do Estadual, no dia 20 de dezembro de 2002.
  • 2004 – Sem estrutura o suficiente para disputar o campeonato sul-mato-grossense, o União acabou rebaixado para a Série B.
  • 2005 – Após rebaixamento, José Plínio renunciou à presidência. Roberto Teixeira assume o cargo.
  • 2006 – Com uma boa base formada a equipe surpreende muitas equipes, faz uma boa campanha, mas não passou da primeira fase.
  • 2007 – O time do treinador Valdir Fortini venceu oito partidas seguidas na primeira fase. Ficou na terceira colocação e conseguiu a tão sonhada volta para a elite do campeonato sul-mato-grossense.
  • 2008 – De volta à Série A, o Clube apostou na iniciativa de parcerias no interior. Foi para Camapuã e fez uma boa campanha.
  • 2009 – O C.E.União fez uma campanha mediana, teve altos e baixos no Campeonato, venceu equipes de prestigio no estado, destaque para às vitórias em cima do Operário F.C. por 3x2, em Camapuã e 2x0 em Campo Grande. Porém, terminou o Campeonato Estadual na 12ª colocação, entre as 18 equipes participantes.
  • 2010 – No Campeonato Sul-Mato-Grossense terminou em 17º lugar e acabou rebaixado pela segunda vez.
  • 2011 – Fica em 5º lugar no Grupo A da Segunda Divisão estadual.
  • 2012 – Classificado para a próxima fase da Série B, ao ficar em segundo lugar no Grupo A. Amargou a lanterna de sua chave, empatado em pontos com o Sidrolândia, porém com saldo de gols inferior (-12, contra -5).
  • 2013 – Lanterna do grupo A da Segunda Divisão, com 1 ponto.
  • 2016 – Depois de 2 anos longe dos gramados, o União, rebatizado como União/ABC, volta à ativa em grande estilo: classificado para a final, juntamente com o URSO, e garantindo o acesso à primeira divisão.
Escudo utilizado até 2014.

Símbolos[editar | editar código-fonte]

Uniforme[editar | editar código-fonte]

  • Primeiro uniforme: camisa listrada em azul e vermelho com listras brancas, calção azul e meias vermelhas com detalhes azuis;
  • Segundo uniforme: camisa branca com gola e punhos azuis e uma faixa horizontal bipartida em vermelho e azul, calção branco e meias brancas.

Mascote[editar | editar código-fonte]

O mascote adotado pelo União é a águia, presente no escudo do clube.

Recordes[editar | editar código-fonte]

*Maior artilheiro em competições oficiais: Tainha, com 24 gols em 1998.

*Jogador com maior número de partidas: Tarugo, atuando de 1998 a 2000 e de 2002 a 2005.

*Técnico com maior número de partidas: Valdir Fortini, com 48 partidas oficiais, atuando em 2004, 2007 e 2009

Histórico em competições oficiais[editar | editar código-fonte]

Campeonato Sul-Mato-Grossense da Série A[editar | editar código-fonte]

Ano Posição Ano Posição
1998 1999
2000 16°º 2001 16º
2002 13º 2003
2004 10º 2008 10º
2009 12º 2010 17º
2016 Em andamento 2016 Em andamento

Campeonato Sul-Mato-Grossense da Série B[editar | editar código-fonte]

Ano Posição Ano Posição
2005 10° 2006 10°
2007 2011
2011 5° (Grupo A) 2011 5° (Grupo A)
2012 2° (Grupo A) 2011 3° (Segunda fase)
2013 3° (Grupo A) 2011 3° (Grupo A)
2016 2° (Primeira fase) 2011 Vice-campeão

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Abaixo uma lista dos presidentes do clube (em ordem cronológica).

  • Adailton Roberto Teixeira (2006-2010 e 2010-2014)
  • José Plínio de Oliveira (1998-2002 e 2002-2006)
  • Fábio Henrique Vicente da Silva (desde 2016)

Treinadores[editar | editar código-fonte]

  • 1998 Brasil Edson Soares
  • 1999 Brasil Cido
  • 2000 Brasil Edson Soares
  • 2001 Brasil Edilson Lima
  • 2002 Brasil Manuel da Silva
  • 2003 Brasil Manuel da Silva
  • 2004 Brasil Valdir Fortini
  • 2005 Brasil Manuel da Silva
  • 2006 Brasil Milton Santos, Adelar Lanzarin e Alexandre Esquivel
  • 2007 Brasil Valdir Fortini
  • 2008 Brasil Marco Antônio, Anselmo Zuzart e Baianinho
  • 2009 Brasil Valdir Fortini
  • 2010 Brasil Anselmo Zuzart e Vitor Luis
  • 2011 Brasil Manuel da Silva
  • 2016 Brasil Robert

Artilheiros[editar | editar código-fonte]

Maiores artilheiros da história do Clube de Esportes União:

 
Goleadores
1. Tainha 24
2. Paulo Henrique 15
2. Paulinho 11
3. Diego Puff 6

Elenco atual[1][editar | editar código-fonte]

Legenda: Captain: Atual capitão

Goleiros
G Brasil Marco Aurélio
G Brasil Leonardo
G Brasil Helton
Defensores
L Brasil Lucas Cipriano
L Brasil Léo Maria
L Brasil Everton Rizato
L Brasil Jonatan
Z Brasil Douglas
Z Brasil Andrade
Z Brasil Marco Muraro
Z Brasil Gustavo
Meias
V Brasil Erick
V Brasil Winícius
M Brasil Rogério
M Brasil Luiz Júnior
M Brasil Lucas Alves
Atacantes
A Brasil Marcelo
A Brasil Everton
Treinador
T Brasil Robert


Referências

  1. «Caçula da elite, União ABC apresenta técnico Robert e 16 jogadores». GloboEsporte.com. 6 de janeiro de 2017. Consultado em 6 de janeiro de 2017. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.