Coinbase

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Coinbase
Atividade Criptomoedas
Fundação 2012 [1]
Fundador(es) Brian Armstrong

Fred Ehrsam

Sede São Francisco, Califórnia,  Estados Unidos
Empregados 1.000[2]
Clientes 35 milhões[3]
Posição no Alexa Baixa 956 (Global, Julho de 2019)[4]
Website oficial www.coinbase.com

A Coinbase é uma casa de câmbio digital com sede em São Francisco, Califórnia. A empresa intermedia trocas de Bitcoin, Bitcoin Cash, Ethereum, Ethereum Classic, Litecoin, Tezos e muitas outras criptomoedas, com moedas fiduciárias em aproximadamente 32 países e transações e armazenamento de Bitcoin em 190 países em todo o mundo.

História[editar | editar código-fonte]

A Coinbase foi fundada em junho de 2012 por Brian Armstrong e Fred Ehrsam.[5][6] O co-fundador da Blockchain.info, Ben Reeves, fazia parte da equipe original, mas depois se separou de Armstrong devido a uma diferença na forma como a carteira da Coinbase deveria operar.[7]

A equipe fundadora restante se matriculou no programa de incubação inicial do verão de 2012 do Y Combinator. Em outubro de 2012, a empresa lançou os serviços para comprar e vender Bitcoin por meio de transferências bancárias.[8]

Em maio de 2013, a empresa recebeu um investimento de US $ 5 milhões na Série A liderado por Fred Wilson da empresa de capital de risco Union Square Ventures.[9] Em dezembro de 2013, a empresa recebeu um investimento de US $ 25 milhões, das firmas de capital de risco Andreessen Horowitz, Union Square Ventures (USV) e Ribbit Capital.[10]

Listagem na NASDAQ[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2020, a Coinbase anunciou um pedido de abertura de capital. A empresa pode vir a ser a primeira focada em criptomoedas a entrar na Bolsa de Valores.[11] Com a confirmação, a IPO (oferta pública inicial) da Coinbase seria uma das primeiras de 2021.[12] A Coinbase atingiu uma avaliação pré-IPO de US$ 100 bilhões em leilão privado[13]. Esse valuation faz com que, além de ser a primeira empresa de criptomoedas nativa a abrir capital, ela seja também, a empresa mais valiosa a fazer um IPO.

No dia 14 de abril de 2020, a empresa realizou sua listagem, abrindo o mercado com um preço referência das ações fixado em em US$ 250[14]. No dia do lançamento, a exchange adicionou uma mensagem oculta na blockchain do BTC[15], fazendo alusão à mensagem de Satoshi Nakamoto incluída no bloco gênesis. Além disso, Binance e FTX listaram tokens de ações da Coinbase antes da estreia da exchange na Nasdaq[16].

Referências

  1. Ludwig, Sean (8 de fevereiro de 2013). «Y Combinator-backed Coinbase now selling over $1M Bitcoins per month». VentureBeat. Consultado em 10 de agosto de 2020 
  2. «Foxbit». Coinbase. Consultado em 14 de janeiro de 2021 
  3. «Coinbase». Coinbase. Consultado em 14 de janeiro de 2021 
  4. «Coinbase.com Site Overview». Alexa.com (em inglês). Alexa Internet. Consultado em 10 de agosto de 2020 
  5. Ludwig, Sean (8 de fevereiro de 2013). «Y Combinator-backed Coinbase now selling over $1M Bitcoins per month». VentureBeat. Consultado em 10 de agosto de 2020 
  6. «Dish Network Says It Will Accept Bitcoin». The New York Times (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2020 
  7. McMillan, Robert (26 de março de 2014). «The Fierce Battle for the Soul of Bitcoin». WIRED (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2020 
  8. Ludwig, Sean (8 de fevereiro de 2013). «Y Combinator-backed Coinbase now selling over $1M Bitcoins per month». VentureBeat (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2020 
  9. Needleman, Sarah E. (7 de maio de 2013). «Coinbase Nabs $5M in Biggest Funding for Bitcoin Startup». The Wall Street Journal (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2020 
  10. Alex Williams (12 de dezembro de 2013). «Coinbase Raises $25M Led By Andreessen Horowitz To Build Its Bitcoin Wallet And Merchant Services». TechCrunch (em inglês). Consultado em 10 de agosto de 2020 
  11. «Maior corretora de criptos vai entrar na bolsa de valores /». Voce S/A. 8 de janeiro de 2021. Consultado em 15 de janeiro de 2021 
  12. «Coinbase, empresa focada em bitcoins, vai entrar em Bolsa de Valores». IstoÉ Dinheiro. 17 de dezembro de 2020. Consultado em 15 de janeiro de 2021 
  13. «Coinbase atinge supostamente avaliação pré-IPO de US$ 100 bilhões em leilão privado». Cointelegraph. Consultado em 15 de abril de 2021 
  14. «Preço referência das ações da Coinbase é fixado em apenas US$ 250, com pré-negociação na FTX em US$ 600». Cointelegraph. Consultado em 15 de abril de 2021 
  15. «Coinbase adiciona mensagem oculta na blockchain do BTC no dia da sua listagem direta». Cointelegraph. Consultado em 15 de abril de 2021 
  16. «Binance e FTX listam tokens de ações da Coinbase antes da estreia da exchange na Nasdaq». Cointelegraph. Consultado em 15 de abril de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.