Columba trocaz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Como ler uma infocaixa de taxonomiaColumba trocaz
pombo-trocaz
Trocaz.jpg
Estado de conservação
Quase ameaçada
Quase ameaçada (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Columbiformes
Família: Columbidae
Género: Columba
Espécie: C. trocaz
Nome binomial
Columba trocaz
Heineken, 1829
Distribuição geográfica
Distribuição geográfica
Distribuição geográfica
Sinónimos
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo pombo-torcaz comum (Columba palumbus), veja pombo-torcaz.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo pombo-torcaz-da-madeira (Columba palumbus maderensis) subspécie de pombo-torcaz endémica extinta da Madeira, veja pombo-torcaz-da-madeira.

Columba trocaz Heineken, 1829, conhecida pelos nomes comuns de pombo-trocaz, pombo-da-madeira e pombo-da-laurissilva-da-madeira, é uma espécie de ave pertencente à família Columbidae, endémica da ilha da Madeira.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Reproduz-se e abriga-se em cavernas e reentrâncias rochosas nas montanhas da ilha da Madeira, na zona de ocorrência da floresta laurissilva, de preferência áreas com onde exista abundância de til, árvore de cuja baga se alimenta, estando o seu número estimado em cerca de 10 000 aves. A postura é composta por um ovo de cor branca, colocado num ninho numa reentrância de falésia.

O seu voo é rápido, efectuado com batidas regulares. O seu levantamento é também barulhento. Quanto ao chamamento, trata-se de um arrulhar característico, semelhante ao do pombo-torcaz.

Com os seus 40–45 cm de comprimento e 68-74 cm de envergadura, assemelha-se a um grande pombo-torcaz (mas sem manchas brancas no pescoço ou asas e de asas curtas). É quase inteiramente de cor cinzenta escura azulada, com o peito rosado, laterais do pescoço cinza-prateadas. A ausência de quaisquer marcas brancas e a presença de uma faixa prateada no pescoço distinguem esta espécie das restantes do género Columba.

Referências

  1. Voisin, C.; Voisin, J.-F., Jouanin, C. & Bour, R. (2005). «Liste des types d'oiseaux des collections du Muséum national d'Histoire naturelle de Paris, 14: Pigeons (Columbidae), deuxième partie» (PDF). Zoosystema (em French). 27 (4): 839–866. Consultado em 31 de outubro de 2010. Arquivado do original (PDF) em 12 de junho de 2011 
  2. Shelley, G. E. (1883). «On the Columbidae of the Ethiopian Region». Ibis. 25 (3): 258–331. doi:10.1111/j.1474-919X.1883.tb07172.x 
  3. Godman, F du Cane (1872). «Notes on the Resident and Migratory Birds of Madeira and the Canaries». Ibis. 14 (3): 209–224. doi:10.1111/j.1474-919X.1872.tb08403.x 
  • IUCN 2010. IUCN Red List of Threatened Species Columba trocaz. Versão 2010.2. Acedido em 11 Agosto de 2010

Ligações externas[editar | editar código-fonte]