Copa Brasil de Voleibol Masculino de 2016

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Copa Brasil de Voleibol
Campinas 2016
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Informações gerais
País  Brasil
Organizador CBV
Período 623 de janeiro
Participantes 10
Resultados
Campeão Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei (2 título)
Vice-campeão São Paulo Vôlei Brasil Kirin
Estatísticas
Número de jogos 3
◄◄ Campinas 2015 Bola de volei de quadra.svg Campinas 2017 ►►

A Copa Brasil de Voleibol Masculino de 2016 foi a quarta edição desta competição organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol através da Unidade de Competições Nacionais. Participaram do torneio nove equipes provenientes de três estados brasileiros: São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. A fase final do torneio foi realizada no Ginásio do Taquaral, em Campinas, São Paulo[1].

Regulamento[editar | editar código-fonte]

Classificaram-se para a disputa da Copa Brasil de 2015 o BVC Campinas, como representante da sede, e as nove melhores equipes do primeiro turno da fase classificatória da Superliga Série A 2015/2016 (excetuando-se a equipe campineira). O torneio foi disputado em sistema de eliminatória simples, em jogos únicos, dividido em quatro fases: classificatória, quartas-de-final, semifinais e final.

Na fase classificatória, as equipes que ficaram entre a quinta e a décima colocação fizeram um cruzamento olímpico: (A) 5º x 10º, (B) 6º x 9º e (C) 7º x 8º. As equipes vencedoras dessas partidas passaram às quartas-de-final, cujos cruzamentos find: (1) 1º x vencedor de C, (2) 2º x vencedor de B e (3) 4º x vencedor de A.

Os três times vitoriosos passaram às semifinais unindo-se ao BVC Campinas, nas quais o anfitrião enfrentou o vencedor do jogo 3 das quartas-de-final e as equipes vitoriosas dos jogos 1 e 2 confrontaram-se na outra partida. Os jogos da fase classificatória e quartas-de-final foram jogados com mando dos melhores clubes após o primeiro turno da Superliga 14/15. Já as semifinais e a final foram realizadas no Ginásio do Taquaral, Campinas (SP).[2]

Equipes participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Ginásio Capacidade Posição no primeiro turno de 2015/16
Bento Vôlei/Isabela Rio Grande do Sul Bento Gonçalves Municipal 5 000
FUNVIC Taubaté São Paulo Taubaté Abaeté 3 000
Lebes/Gedore/Canoas Rio Grande do Sul Canoas La Salle 1 200
Minas Tênis Clube Minas Gerais Belo Horizonte Arena JK 3 650
Montes Claros Vôlei Minas Gerais Montes Claros Tancredo Neves 5 000
Sada Cruzeiro Vôlei Minas Gerais Contagem Riacho 2 000
São José dos Campos São Paulo São José dos Campos Tênis Clube 1 500 10º
Sesi-SP São Paulo São Paulo Vila Leopoldina 800
Vôlei Brasil Kirin São Paulo Campinas Taquaral 2 600
Voleisul/Paquetá Rio Grande do Sul Novo Hamburgo Sociedade Ginástica 2 300

Resultados[editar | editar código-fonte]

  Classificatória     Quartas-de-finais     Semifinais     Final
                                     
         Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 3  
   Rio Grande do Sul Lebes/Gedore/Canoas 3      Rio Grande do Sul Lebes/Gedore/Canoas 0    
   Rio Grande do Sul Bento Vôlei/Isabela 2         '  Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 3  
      '  São Paulo Sesi-SP 2    
         São Paulo FUNVIC/Taubaté 0           '  Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 3
   Minas Gerais Montes Claros Vôlei 2      Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes 3         '  São Paulo Vôlei Brasil Kirin 1
   Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes 3        São Paulo Vôlei Brasil Kirin 3    
      '  Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes 1  
         São Paulo Sesi-SP 3    
   Minas Gerais Minas Tênis Clube 0     10º  São Paulo São José dos Campos 0  
  10º  São Paulo São José dos Campos 3  

Fase classificatória[editar | editar código-fonte]

6 de janeiro
19:30
Lebes/Gedore/Canoas Rio Grande do Sul 3 — 2 Rio Grande do Sul Bento Vôlei/Isabela Ginásio Poliesportivo La Salle, Canoas
Árbitro(s):
Rio Grande do SulRS Alex Hennemann
Rio Grande do SulRS Fabiano Bastiani
24
15
25
27
15
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
Set 5
26
25

21
25
12

6 de janeiro
19:30
Montes Claros Vôlei Minas Gerais 2 — 3 Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, Montes Claros
Árbitro(s):
Minas GeraisMG Gustavo Rodolfo Costa
Minas GeraisMG Andreza Nogueira Mesquita
23
25
25

26
13
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
Set 5
25
20
23
28
15

6 de janeiro
19:30
Minas Tênis Clube Minas Gerais 0 — 3 São Paulo São José dos Campos Arena Juscelino Kubitschek, Belo Horizonte
Árbitro(s):
Minas GeraisMG Anderson Caçador
Minas GeraisMG Marcos Salles
20
20
21
Set 1
Set 2
Set 3
25
25
25

Quartas de final[editar | editar código-fonte]

13 de janeiro de 2016 Sada Cruzeiro Vôlei Minas Gerais 3 — 0 Rio Grande do Sul Lebes/Gedore/Canoas Ginásio Poliesportivo do Riacho, Contagem
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
18
15
14

13 de janeiro de 2016 FUNVIC/Taubaté São Paulo 0 — 3 Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes Ginásio do Abaeté, Taubaté
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
23
22
23
Set 1
Set 2
Set 3
25
25
25

13 de janeiro de 2016 Sesi-SP São Paulo 3 — 0 São Paulo São José dos Campos Ginásio da Vila Leopoldina, São Paulo
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
22
18
21

Semifinal[editar | editar código-fonte]

21 de janeiro Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 3—2 Sesi-SP São Paulo Ginásio do Taquaral, Campinas
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
25
25

21
26
15
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
Set 5
22
18
25
28

12

21 de janeiro Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes 1—3 São Paulo Vôlei Brasil Kirin Ginásio do Taquaral, Campinas
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
21
22
25
22
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
25
25

22
25

Final[editar | editar código-fonte]

23 de janeiro Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 3—1 São Paulo Vôlei Brasil Kirin Ginásio do Taquaral, Campinas
Árbitro(s):
Flag of None.svgND
Flag of None.svgND
24
25
25
25

Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
26
16
21
20

Classificação final[editar | editar código-fonte]

Campeão
Vice campeão
Eliminados na semifinal
Eliminados nas quartas de final
Eliminados na fase classificatória
Jogos Resultados Sets Pontos
Pos Equipe Pts T V D 3–0 3–1 3–2 2–3 1–3 0–3 V P R V P R
1 Minas Gerais Sada Cruzeiro Vôlei 8 3 3 0 1 1 1 0 0 0 9 3 3,000 286 235 1.217
2 São Paulo Vôlei Brasil Kirin 3 2 1 1 0 1 0 0 1 0 4 4 1,000 180 189 0.952
3 São Paulo Sesi-SP 4 2 1 1 1 0 0 1 0 0 5 3 1.667 190 173 1.098
3 Rio Grande do Sul Voleisul/Paquetá Esportes 3 2 1 1 1 0 0 0 1 0 4 3 1.333 165 165 1,000
5 São Paulo São José dos Campos 3 2 1 1 1 0 0 0 0 1 3 3 1,000 136 136 1,000
6 Rio Grande do Sul Lebes/Gedore/Canoas 2 2 1 1 0 0 1 0 0 1 3 5 0.600 153 184 0.832
7 São Paulo FUNVIC/Taubaté 0 1 0 1 0 0 0 0 0 1 0 3 0,000 68 75 0.907
8 Minas Gerais Montes Claros Vôlei 1 1 0 1 0 0 0 1 0 0 2 3 0.667 112 111 1.009
9 Rio Grande do Sul Bento Vôlei/Isabela 1 1 0 1 0 0 0 1 0 0 2 3 0.667 99 106 0.934
10 Minas Gerais Minas Tênis Clube 0 1 0 1 0 0 0 0 0 1 0 3 0,000 61 75 0.813

Premiação[editar | editar código-fonte]

Copa Brasil de 2016
Minas Gerais
Sada Cruzeiro Vôlei
Campeão
(2º título)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências