Copa do Equador de Futebol de 2018–19

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Copa do Equador de 2018–19
Dados
Participantes 48
Organização Federação Equatoriana de Futebol
Período 10 de novembro de 201816 de novembro de 2019
Gol(o)s 251
Partidas 97
Média 2,59 gol(o)s por partida
Campeão LDU Quito (1.º título)
Vice-campeão Delfín
Soccerball.svg 2022 ►►

A Copa do Equador de 2018–19 foi a primeira edição desta competição futebolística organizada pela Federação Equatoriana de Futebol. Ela foi disputada por 48 equipes entre os dias 10 de novembro de 2018 e 16 de novembro de 2019.[1][2]

O título da primeira edição foi decidido entre Delfín e Liga de Quito.[2][3][4] Este último superou o adversário na primeira partida pelo placar de 2–0.[5][6] No entanto, o Delfín saiu vitorioso na finalíssima e igualou o placar agregado; contudo, a Liga consagrou-se campeã em decorrência do gol qualificado.[7][8][9]

Originalmente, o vencedor do torneio conquistaria uma vaga na Copa Sul-Americana de 2020.[10] Porém, os semifinalistas obtiveram as qualificações internacionais através do Campeonato Equatoriano. O El Nacional se beneficiou desta situação e ficou com a vaga na competição internacional.[11][12]

Participantes e regulamento[editar | editar código-fonte]

A primeira edição do torneio foi disputada por 48 agremiações, sendo os dezesseis participantes do primeira divisão nacional, os oito participantes da segunda divisão, os vinte campeões provinciais da terceira divisão e quatro convidados.[13][14] O torneio consistiu de sete fases eliminatórias, sendo as duas primeiras disputadas pelas agremiações de menores escalões. O vencedor de cada confronto prossegue na competição. O gol qualificado e disputa por pênaltis foram os critérios de desempates adotados.[15]

As 48 agremiações participantes foram:

Notas:

[a] ^ O Puerto Quito mudou de nome para Atlético Santo Domingo logo após afiliar-se oficialmente à Asociación de Fútbol Tsáchila.
[b] ^ Alianza Cotopaxi e Duros del Balón, mudaram suas denominações para Independiente Juniors e Atlético Porteño, respectivamente.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Fases preliminares[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Águilas 1–3 Brasilia 0–2 1–1
Duros del Balón[a] 0–2 Toreros 0–1 0–1
San Francisco 4–4 (gf) Audaz Octubrino 4–3 0–1
Valle Catamayo 2–12 Gloria 1–9 1–3
Everest 2–6 Insutec 0–3 2–3
San Pedro 1–8 Atlético Portoviejo 0–2 1–6
Dunamis 4–3 Chicos Malos 3–1 1–2
Espoli 2–2 (3–4 p.) Anaconda 2–0 0–2
Alianza Cotopaxi 5–4 Imbabura 3–0 2–4
Alianza 6–1 Deportivo Morona 2–0 4–1
América de Ambato 2–2 (gf) Deportivo Quito 2–1 0–1
Mineros 4–0 Spartak 2–0 2–0
  • Em itálico, os clubes que possuem o mando de jogo no confronto. Em negrito, os vencedores.
  • Fonte: Ecuafutbol.org

Segunda fase[editar | editar código-fonte]

Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Brasilia 0–1 Toreros 0–0 0–1
Audaz Octubrino 3–3 (6–7 p.) Gloria 2–1 1–2
Insutec 6–3 Atlético Portoviejo 4–3 2–0
Anaconda 5–2 Dunamis 3–1 2–1
Alianza Cotopaxi[b] 1–5 Alianza 1–3 0–2
Deportivo Quito[c] 3–1 Mineros 2–0 1–1
  • Em itálico, os clubes que possuem o mando de jogo no confronto. Em negrito, os vencedores.
  • Fonte: Ecuafutbol.org

Fase final[editar | editar código-fonte]

Primeira fase Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
                    
Guayaquil City 6 1 7
Clan Juvenil 1 2 3
Guayaquil City 0 0 0 (4)
Aucas (pen) 0 0 0 (5)
Aucas 2 2 4
Toreros 0 0 0
Aucas 0 0 0 (2)
LDU Quito (pen) 0 0 0 (4)
Olmedo 1 1 2
Alianza 0 3 3
Alianza 0 1 1
LDU Quito 0 5 5
LDU Quito 5 0 5
Gloria 0 0 0
LDU Quito (pen) 2 0 2 (5)
Emelec 0 2 2 (4)
Atlético Porteño 1 1 2
Macará 2 3 5
Macará 2 0 2
Técnico Universitario 1 2 3
Técnico Universitario 3 2 5
LDU Loja 0 1 1
Técnico Universitario 1 0 1
Emelec 0 2 2
América de Quito 4 2 6
Liga de Portoviejo 0 2 2
América de Quito 0 2 2
Emelec 2 2 4
Emelec 2 2 4
Atlético Santo Domingo 0 0 0
LDU Quito (gf) 2 1 3
Delfín 0 3 3
Independiente del Valle 1 0 1
Orense (gf) 1 0 1
Orense 1 0 1
El Nacional (gf) 1 0 1
Anaconda 1 0 1
El Nacional 1 4 5
El Nacional 1 0 1
Barcelona de Guayaquil (gf) 1 0 1
Mineros 1 0 1
Barcelona de Guayaquil 1 2 3
Barcelona de Guayaquil (gf) 1 1 2
Santa Rita 0 2 2
Santa Rita 1 3 4
Fuerza Amarilla 0 1 1
Barcelona de Guayaquil 4 0 4
Delfín (gf) 1 3 4
Independiente Juniors 2 1 3
Universidad Católica 0 1 1
Independiente Juniors (pen) 1 1 2 (3)
Deportivo Cuenca 1 1 2 (2)
Gualaceo 0 0 0
Deportivo Cuenca 1 1 2
Independiente Juniors 2 0 2
Delfín 3 1 4
Insutec 1 0 1
Delfín 2 0 2
Delfín 2 0 2
Mushuc Runa 0 1 1
Manta 0 0 0
Mushuc Runa 2 4 6
  • Em itálico, os clubes que possuem o mando de jogo no confronto. Em negrito, os vencedores.
  • Este chaveamento foi adaptado para uma melhor visualização.
  • Fonte: Ecuafutbol.org

Notas

  1. O Atlético Porteño jogou a primeira fase da competição sob a denominação de Duros del Balón. Apesar de ser eliminado, o clube conseguiu a vaga na terceira fase devido à qualificação para a segunda divisão de 2019.
  2. O Independiente Juniors jogou as primeiras fases da competição sob a denominação de Alianza Cotopaxi. Apesar de ser eliminado, o clube conseguiu a vaga na terceira fase devido à qualificação para a segunda divisão de 2019.
  3. O Deportivo Quito se classificou para a terceira fase da competição, mas a organização desqualificou o clube em decorrência de dívidas.[17] Por conseguinte, o Mineros herdou a vaga.[18]

Referências

  1. a b c «Copa Ecuador comenzará este sábado 10 de noviembre con seis encuentros» (em espanhol). Eluniverso.com. 6 de novembro de 2018. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 4 de julho de 2021 
  2. a b «Copa Ecuador: horarios para los partidos finales» (em espanhol). Eluniverso.com. 30 de outubro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 22 de fevereiro de 2020 
  3. «Delfín goleó 3-0 a Barcelona y es finalista de la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 30 de outubro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 22 de fevereiro de 2020 
  4. «Liga de Quito venció en penales a Emelec y es finalista de la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 30 de outubro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 22 de fevereiro de 2020 
  5. «Liga de Quito superó 2-0 a Delfín en la primera final de la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 10 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 25 de fevereiro de 2020 
  6. «Delfín o Liga de Quito, el primer campeón de Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 16 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2020 
  7. «Liga de Quito, campeón de la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 16 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 2 de maio de 2021 
  8. «Delfín roza la hazaña, pero un gol de visita corona a Liga de Quito campeón de la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 16 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 20 de junho de 2020 
  9. Alarcón, Fabián (16 de novembro de 2019). «Liga de Quito se convirtió en el primer campeón de la Copa Ecuador» (em espanhol). Elcomercio.com. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 4 de julho de 2021 
  10. «Alex De La Torre: "La Copa Ecuador entregará un cupo a Copa Sudamericana"» (em espanhol). Lared.com.ec. 11 de outubro de 2018. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2018 
  11. «Se modifican clasificados a Libertadores y Sudamericana en Liga Pro» (em espanhol). Ecuagol.com. 9 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 20 de setembro de 2020 
  12. «Independiente del Valle genera quinto cupo para Ecuador en la Copa Libertadores 2020 y beneficia a El Nacional con la Sudamericana» (em espanhol). Eluniverso.com. 11 de novembro de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 25 de fevereiro de 2020 
  13. «Copa Ecuador arranca en 2019» (em espanhol). Ecuadorinmediato.com. 4 de julho de 2018. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 4 de setembro de 2019 
  14. «La 'Copa Ecuador' se jugará desde el 2019 con equipos de primera y de segunda categoría» (em espanhol). Elcomercio.com. 16 de maio de 2018. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 5 de setembro de 2019 
  15. «Reglamento: Copa Ecuador 2018-2019» (PDF) (em espanhol). Ecuafutbol.org. Consultado em 4 de julho de 2021. Arquivado do original (PDF) em 14 de maio de 2019 
  16. «Deportivo Quito invitado a la Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 30 de agosto de 2018. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 24 de julho de 2019 
  17. «En duda la continuidad de Deportivo Quito en Copa Ecuador» (em espanhol). Eluniverso.com. 28 de março de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 4 de julho de 2021 
  18. «Deportivo Quito, desafectado de la Copa Ecuador por "falta de pago a acreedores"» (em espanhol). Eluniverso.com. 29 de março de 2019. Consultado em 4 de julho de 2021. Cópia arquivada em 4 de julho de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]