Danielle Steel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Danielle Steel
Nome completo Danielle Fernande Dominique Schuelein-Steel
Nascimento 14 de agosto de 1947 (69 anos)
Nova Iorque, EUA
Nacionalidade  Estados Unidos
Género(s) Romance
Ocupação Escritora
Cônjuge Danny Zugelder (1978–1981, divorciada)
William George Toth (1978–1981; divorciada)
John Traina (1981–1998; divorciada)
Thomas Perkins (1998–2002; divorciada)
Prémios Ordem Nacional da Legião de Honra de França de 2014

Danielle Fernande Dominique Schuelein-Steel, ou Danielle Steel (Nova Iorque, 14 de Agosto de 1947) é uma escritora americana e seus livros estão entre os mais vendidos do mundo.

É muito conhecida por suas histórias de dramas românticos e já vendeu aproximadamente 600 milhões de cópias dos seus livros, traduzidos em 28 línguas e vendidos em 47 países. Os seus romances estiveram na lista de best-sellers do New York Times mais de 39 semanas consecutivas e 22 foram adaptados para cinema. Em 2001 ela foi considerada uma das "30 Mulheres mais Poderosas da América" pelo Ladies' Home Journal. [carece de fontes?]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Danielle Steel nasceu em 14 de agosto de 1947, em Nova Iorque, EUA, porém passou a maior parte da sua infância na França. Sua mãe chamava-se Norma da Câmara Stone dos Reis e era filha de um diplomata português.[1] Desde muito cedo interessa-se por literatura, e durante sua adolescência escreveu poesias. Editou seu primeiro romance em 1973, de título Going Home (O Apelo do Amor). Com o seu quarto romance, The Promisse (O Segredo de uma Promessa), lançado em 1978, Danielle obtém o indestronável estatuto de autora de best-sellers tendo editado mais de 60 romances.

Mãe de nove filhos e casada por cinco vezes, Steel viveu períodos de agitação sentimental. Em 1998 edita o livro O Brilho de sua Luz (título no Brasil) ou A luz que brilha: a história do meu filho (título em Portugal)(His Bright Light), sobre a vida e morte de seu filho, Nicholas Traina. Diagnosticado com transtorno bipolar e usuário de drogas, Nicholas suicidou-se em 1997. Criou e preside à Fundação Nick Traina, que apoia projetos de saúde mental, bem como à Associação Yo! Anjo!, onde prestou ajuda a pessoas sem abrigo, durante 11 anos. Conta esta experiência no livro A Casa na Rua Esperança (título no Brasil) ou A Casa na Rua da Esperança (título em Portugal).[2]

Obras da Autora[editar | editar código-fonte]

Romances[editar | editar código-fonte]

Não-ficção[editar | editar código-fonte]

  • 1984 Love: Poems
  • 1984 Having a Baby
  • 1998 O Brilho de sua Luz (título no Brasil) ou A luz que brilha: a história do meu filho (título em Portugal) - no original His Bright Light
  • 2013 Alegria pura: os cães que amamos - no original Pure Joy: The Dogs We Love

Livros Infantis[editar | editar código-fonte]

Série "Max & Martha"[editar | editar código-fonte]

  • 1989 Martha's New Daddy
  • 1989 Max and the Babysitter
  • 1989 Martha's Best Friend
  • 1989 Max's Daddy Goes to the Hospital
  • 1989 Max's New Baby
  • 1989 Martha's New School
  • 1990 Max Runs Away
  • 1990 Martha's New Puppy
  • 1991 Max and Grandma and Grampa Winky
  • 1991 Martha and Hilary and the Stranger

Série "Freddie"[editar | editar código-fonte]

  • 1992 Freddie's Trip
  • 1992 Freddie's First Night Away
  • 1992 Freddie and the Doctor
  • 1992 Freddie's Accident

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]