Diego de Siloé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diego de Siloé
Nascimento 1495
Burgos
Morte 22 de outubro de 1563 (68 anos)
Granada
Cidadania Coroa de Castela
Progenitores Pai:Gil de Siloé
Ocupação arquiteto, escultor
Sagrada Familia
Obra de Diego de Siloé actualmente no Museu Nacional Colégio de São Gregório de Valladolid.

Diego de Siloé, também citado pelos historiadores como Diego de Siloe, (Burgos, 14951563), arquitecto e escultor espanhol, um dos primeiros artistas do renascimento no seu país.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Gil de Siloé, importante escultor do Gótico tardio, iniciou sua carreira em Burgos. A sua primeira grande encomenda, e uma das suas obras primas, foi a Escada Dourada da Catedral de Burgos.

Em 1528, mudou-se para Granada onde construiu suas obras mais ambiciosas, o Mosteiro de São Jerónimo e a Catedral. Em Úbeda projeou a Capela do Salvador que foi construida por Andrés de Vandelvira.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Chilvers, Ian. - Dicionário Oxford de Arte. São Paulo: Martins Fontes, 2001.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Diego de Siloé