Discussão:Operação Lava Jato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Neutralidade da Recepção[editar código-fonte]

Atualmente temos longas seções sobre Apoio popular e Premiações no corpo do artigo. Entretanto, as críticas estão segregadas em artigo separado. Além disso, a seção Controvérsias tem significativa sobreposição com o artigo Controvérsias envolvendo a Operação Lava Jato. Portanto, gostaria de propor mesclar aquele artigo aqui. Alternativamente, proponho criar um artigo Recepção à Operação Lava Jato, incluindo tantos as críticas quanto os elogios (seções Controvérsias e Impacto). Fgnievinski (discussão) 04h35min de 16 de outubro de 2019 (UTC)

Na Wikipédia Anglófona há orientação a respeito do assunto: en:Wikipedia:Criticism#Approaches. Fgnievinski (discussão) 04h43min de 16 de outubro de 2019 (UTC)

@Fgnievinski: Faz 2 anos que estamos tentando reduzir o tamanho deste artigo. Páginas como a das controvérsias envolvendo a Lava Jato foram criadas recentemente justamente para esse fim, Não e agora ninguém vai trazer o conteúdo de volta não! Mas Sim concordo que talvez as seções sobre premiações e apoio popular possam ser resumidas. --Bageense(fala) 12h51min de 16 de outubro de 2019 (UTC)
PS: O certo é "fundir", não "mesclar" --Bageense(fala) 12h53min de 16 de outubro de 2019 (UTC)
Então podemos proceder com a alternativa de redução do artigo, dividindo a atual seção Impacto em um novo artigo Recepção à Operação Lava Jato? Fgnievinski (discussão) 15h58min de 16 de outubro de 2019 (UTC)
@Fgnievinski: Citação: Alternativamente, proponho criar um artigo Recepção à Operação Lava Jato, incluindo tantos as críticas quanto os elogios (seções Controvérsias e Impacto) Quer dizer que tudo estaria nesse novo artigo, incluindo as controvérsias? Pode ser, talvez. Não acho correto criar vários artigos diferentes sobre um mesmo assunto, então que fique tudo em um grande artigo sobre recepção (ou que tal "consequências"?).
Mas a alternativa mais simples seria apenas resumir a seção impacto, sem levar o conteúdo a lugar nenhum. --Bageense(fala) 16h11min de 16 de outubro de 2019 (UTC)

───────────────────────── Symbol declined.svg Discordo. É mais simples resumir o conteúdo sobre as premiações do que criar um Frankenstein que una críticas positivas e negativas. Chronus (discussão) 07h39min de 22 de outubro de 2019 (UTC)

Proposta para melhorar o artigo[editar código-fonte]

Sugiro substituirmos o confuso conteúdo da seção "Histórico" por parte da lista de fases da Operação Lava Jato. Colocamos a lista até certo ponto, e, ao final, uma ligação dizendo: Ver mais: lista de fases da Operação Lava Jato. --Bageense(fala) 15h04min de 11 de janeiro de 2020 (UTC)

O artigo já faz isso. Proposta sem sentido. Chronus (discussão) 09h47min de 12 de janeiro de 2020 (UTC)

Ataque a soberania nacional brasileira[editar código-fonte]

Por que removeu? Dr. LooFale comigo 22h04min de 1 de julho de 2020 (UTC)

Em conversas vazadas o FBI e o governo dos Estados Unidos influenciou as investigações e colaborou para o hackeamento de dados privado em território nacional, o que caracterizou um ataque a soberania nacional brasileira.[1] O governo dos Estados Unidos já havia dado demonstração de ataques a soberania nacional do Brasil quando no ano de 2015 grampeou 29 telefonemas da então presidenta do Brasil Dilma Rousseff mesmo infringindo tratados internacionais.[2] Assim também como houve espionagem pelo Estados Unidos sobre a Petrobras antes da operação iniciar.[3]

Referências

  1. «O FBI e a Lava Jato». Agência Pública. 1 de julho de 2020. Consultado em 1 de julho de 2020 
  2. G1, Do; Brasília, em; GloboNews, com informações da (4 de julho de 2015). «EUA grampearam Dilma, ex-ministros e avião presidencial, revela WikiLeaks». Política. Consultado em 1 de julho de 2020 
  3. «Espionagem mostraria interesse econômico dos EUA, diz Dilma». Exame. 9 de setembro de 2013. Consultado em 1 de julho de 2020 
Eu acho que o conteúdo é válido e merece um espaço no artigo. Porém, também acho que deva ser reformulado porque a escrita está visivelmente tomando lado, com algumas afirmações bem contudentes (Ex. "O governo dos Estados Unidos já havia dado demonstração de ataques a soberania nacional do Brasil"). Em vez de Ataque a soberania nacional brasileira, eu colocaria algo como Influência norte-americana na operação, mostrando as revelações do Wikileaks. A terceira fonte é apenas uma nota da presidente e em nenhum momento confirma as espionagens, mas diz que houve denúncias. Totalmente descartável essa parte.∇vecchio (discussãocontrib) 23h03min de 1 de julho de 2020 (UTC)
Fake news e teorias da conspiração são ruins de qualquer lado do espectro ideológico, portanto Symbol declined.svg Discordo da inserção do material conspiratório que não diz nada de concreto. Aliás, este artigo já foi promovido, então é bom evitar fazer alterações controversas desse tipo. --Bageense(fala) 19h18min de 2 de julho de 2020 (UTC)
Eu entendo o motivo de teorias da conspiração serem relacionadas a fake news, mas isso não quer dizer que todas são. Investigação jornalística, baseadas em fatos, documentos, argumentos, e a partir de fontes reputadas, são relevantes, por mais loucas que pareçam ser. É o minímo que o Jornalismo sério deveria fazer, investigar e questionar, sempre! Agora, as fontes 2 e 3, o que tem a ver com a lava-jato? Eu colocaria um resumo do caso: "Em julho de 2020, áudios divulgados pelo The Intercept e a Agência Pública, sugerem que a Operação Lava-Jato sofreu interferência de membros ligados ao governo dos Estados Unidos." Para comentar se isso afeta a soberania nacional, ou não, deveria ter a opinião de um ou mais especialistas no assunto: um historiador, um juíz ou cientista político... Theys Y☺rk (discussão) 23h24min de 2 de julho de 2020 (UTC)
Nao acredito no argumento que envolvimento do FBI e' "Fake news e teorias da conspiração" Note on 22 April 2018 ""federal police in Curitiba asked the FBI for help. It turned out we'd need a lot of computers doing only this for more than 100 years in order for us to have a lucky strike." BBC, "...the influence of the USA on the Brazilian prosecutors office is shown in various US diplomatic communications that were leaked to Wikileaks...The fact is that the USA uses its own laws from its own legal system to impose its interests on the world."Brazilwire, "...the CIA whistleblower John Kiriakou, told Pravda's Montesanti. The well-known mucky Brazilian "Justice" system has been mostly composed of the same elitist white families through the years. It is deeply corrupted, a solid caste secretly trained by the Washington regime." TeleSur, "...Dallagnol did not inform government about meeting..." Time24 News. Tem muita fonte pra ser fakenews. Dr. LooFale comigo 17h34min de 3 de julho de 2020 (UTC)
Toda visão histórica tem um lado, essa discussão é rasa. Ser imparcial e neutro, não quer dizer escrever sobre ótica alguma. Aliás você @Vecchio: dizendo que o texto tem um lado, você está exigindo que prevaleça o seu. É FATO que o EUA atacou a soberania nacional. E isso não tem lado. Grampear presidente é um ataque. Se você quiser adicionar alguma observação adicione. Mas o texto, como as referências mostra não está apenas citando os fatos, se nesse caso eles favorecem "um lado", isso pouco importa. Vou voltar a minha edição para como estava. Até porque há pessoas aqui que não concordam com a deleção. (Anhaabaete (discussão) 18h23min de 17 de agosto de 2020 (UTC))

Alteração no primeiro período da introdução[editar código-fonte]

@Luizpuodzius e Anhaabaete: Aquele conteúdo inserido por vocês prejudica o tom enciclopédico do artigo. Primeiro deve-se apresentar o que a operação é, e só depois falar das controvérsias. As controvérsias podem ficar na introdução sim, mas não logo no início do primeiro parágrafo! Enfim, a discussão está aberta caso tenham o interesse. Vale lembrar que o artigo recebeu destaque da forma em que estava. --Bageense(fala) 14h44min de 16 de agosto de 2020 (UTC)

República de Curitiba[editar código-fonte]

Alguém sabe dizer o porquê do redirecionamento para este artigo (quando pesquiso pelo termo) e da inexistência da explicação sobre a origem do termo tanto no artigo quanto na própria Wikipédia? comentário não assinado de 2804:d45:7f85:5b00:9cbf:a192:8e63:6e77 (discussão • contrib) (data/hora não informada)

Olá. Eu sou o criador do artigo República de Curitiba. Acontece que a comunidade resolveu eliminá-lo e redirecioná-lo para cá, simples assim. Acho uma pena, pois a expressão é notória. A discussão que gerou a eliminação está aqui. Saudações. --Bageense(fala) 08h50min de 26 de janeiro de 2021 (UTC)

Fim[editar código-fonte]

Lembrete para eu ir outra pessoa escrever uma seção sobre o fim da lava jato.----Bageense(fala) 18h01min de 4 de fevereiro de 2021 (UTC)

@Instambul: Ando meio sem tempo, não sei se voê teria interesse em fazer isso. Sugiro criar uma subseção chamada "2021 e fim", onde será exposto o que aconteceu na Lava Jato em janeiro e início de fevereiro deste ano, e explicar o término. Não sei quando estarei disponível para fazer isso, por isso deixo a ideia aqui. --Bageense(fala) 19h13min de 11 de fevereiro de 2021 (UTC)

Precisa ser explicado que a força tarefa acabou, mas que as atividades continuam (só que agora integradas ao GAECO). Daveout (discussão) 02h23min de 22 de fevereiro de 2021 (UTC)

@Daveout: Não arrumei tempo para pesquisar sobre o que aconteceu. A reversão do GustavoDortmund foi válida então? --Bageense(fala) 01h04min de 23 de fevereiro de 2021 (UTC)
Como surgiu essa dúvida decidi deixar o artigo como estava e ver a opinião dos outros aqui.
Pelo que entendi, a força tarefa foi encerrada, mas os processos continuam e foram transferidos para o GAECO. Talvez seja melhor especificar que a força tarefa foi encerrada, sem dizer que a operação em si foi encerrada. Eu acho.Daveout (discussão) 02h33min de 23 de fevereiro de 2021 (UTC)