Dolores Claiborne

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dolores Claiborne
Eclipse Total (BR)
 Estados Unidos
1995 •  cor •  132 min 
Direção Taylor Hackford
Roteiro Tony Gilroy
Elenco Kathy Bates
Jennifer Jason Leigh
Christopher Plummer
Género Drama
Suspense
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Dolores Claiborne (Eclipse Total (título no Brasil) ) é um filme produzido nos Estados Unidos em 1995, escrito por Tony Gilroy e dirigido por Taylor Hackford. Baseado no livro intitulado no Brasil de "Eclipse Total" (Dolores Claiborne) escrito por Stephen King em (1992).

Stephen King escreveu o personagem de Dolores com Kathy Bates em mente. Bates o impressionou depois de conhecê-la nos sets do filme Louca Obsessão (1990).

Sinopse[editar | editar código-fonte]

1955. Dolores Claiborne(Kathy Bates)trabalha como empregada doméstica em Little Tall Island, ao largo da costa do Maine. Ela foi contratada pela viúva semi-rica Vera Donovan(Judy Parfitt)que perdeu os filhos e o marido num acidente de carro, e atualmente mora sozinha em uma casa de verão.

Dolores sofre abusos do marido alcóolatra Joe St. George ,e isso faz com que Vera a incentive a mata-lo, para que Dolores não viva mais com esse sofrimento. Durante uma briga entre Dolores e Joe, ela o atrai para uma armadilha na qual ele cai para a morte em um poço.

20 anos depois, Dolores agora conturbada e sozinha, abandonada pela filha Selena, ainda trabalha como governanta para Vera(agora uma senhora de 60 anos que vive numa cadeira de rodas), que se sente culpada pela morte do marido e tende a ouvir coisas, ter alucinações, e passa a sofrer diante disso.

Então Vera pede para Dolores mata-la de uma vez por todas, para que ela possa viver em paz junto aos filhos e ao marido no céu. Dolores cumpre o pedido e então empurra Vera escada abaixo, terminando assim sua tarefa. Vera ainda ferida, fala que Dolores merece algo mais por isso, e então pede que Dolores deixe-a morrer ali mesmo. Vera finalmente morre depois de uma queda brusca da escada.

Dolores acha que tudo terminou, portanto naquele momento, um carteiro passa por ali e flagra Dolores segurando o cadáver de Vera, e então ele chama a polícia, que prende Dolores.

Sua filha Selena, que trabalha como jornalista no New York Times, fica sabendo do ocorrido e retorna a ilha para apoiar sua mãe, apesar de duvidar de sua inocência.

Dolores fala para o detetive Mackey que Vera era cruel e a torturava, mas logo depois, se sentindo arrependida de sua vida infeliz, Dolores revela que ela e Vera sempre foram amigas, e que Dolores sempre esteve ao lado de Vera e sempre lhe impedia de cometer algum tipo de suicídio. Ela ainda fala que matou o seu marido em legítima defesa, já que ele torturava sua filha, quando esta era mais jovem.

O detetive sem acreditar em nada, tenta prender Dolores, mas é impedido por Selena, que fala que ele não tem provas o suficiente para culpar Dolores pelo assassinato de Vera.

Dolores, então é liberada, e após isso, leva sua filha até o cais para pegar a balsa. As duas se despedem.

Dolores, então descobre que recebeu 30 milhões de dólares de Vera, na qual Vera herdou de seu pai, que era milionário e usou todo seu dinheiro para construir a casa de verão de Vera; e o que sobrou, ele deu a sua filha. Dolores, por sua vez, doa os 30 milhões para um orfanato.

Os eventos do filme se passam em 1975, durante uma eclipse solar, por isso, o título em português.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.