Edna Veiga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Edna
vice-campeã mundial
Edna com camisa do Leites Nestlè (1996)
Voleibol
Nome completo Edna Maria Conrado Veiga
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 24 de dezembro de 1964 (56 anos)
Maceió, AL
Nacionalidade brasileira
Compleição Peso: 72 kg Altura: 1,82 m
Clube Aposentada
Medalhas
Competidora do Bandeira do Brasil Brasil
Campeonato Mundial de Voleibol
Prata Brasil 1994 Equipe
Grand Prix de Voleibol
Ouro Xangai 1994 Equipe
Prata Xangai 1995 Equipe
Copa do Mundo
Prata Japão 1995 Equipe
Campeonato Sul-Americano
Ouro Porto Alegre 1995 Equipe
Competidora de Nossa Caixa/Recra
Campeonato Sul-Americano de Clubes
Ouro Medellín 1994 Equipe

Edna Maria Conrado Veiga (Maceió, (24 de dezembro de 1964) é uma ex-voleibolista indoor brasileira, que atuava na posição de Central em clubes nacionais, também de Ponta no exterior.Pela Seleção Brasileira participou de títulos e resultados importantes como a inédita medalha de prata no Campeonato Mundial de 1994 e o primeiro título do país na história do Grand Prix no mesmo ano.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Como jogadora, iniciou a carreira no CRB/AL, Flamengo nos anos de 1982 e 1983, S.C.Juiz de Fora[1].Passou pelos clubes Transbrasil/Pinheiros, na temporada de 1985-86 alcançou o sétimo lugar na correspondente edição do Campeonato Brasileiro[2], na temporada seguinte continuou na equipe ainda comandada pelo técnico Inaldo Manta[3]

No período esportivo de 1987-88 foi contratada pelo Minasgás/Minas[4], transferiu-se para a A.A.Supergasbrás disputando o bronze na Liga Nacional 1988-89[5], permanecendo no mesmo clube na temporada seguinte e conquistou o vice-campeonato na Liga Nacional 1989-90[6].

No período esportivo 1990-91 retornou ao Minas Tênis Clube e transferiu-se para Matita Rosso e Blu Napoli para disputar a Liga A2 Italiana 1991-92, finalizando na décima sexta colocação[7]e também o clube foi eliminado da Copa A2 Itália[8];depois voltou a jogar pelo clube italiano Toshiba Albamotor Cassano e finalizou na décima quinta posição[9] e também eliminação na Copa A2 Itália[10].

Retornou ao voleibol brasileiro para atuar pela equipe Nossa Caixa/Recreativa e conquistou o título da Liga Nacional 1993-94[11], destando-se na competição como a primeira colocada entre as dez melhores jogadoras de toda competição[12], o que lhe rendeu a convocação pada Seleção Brasileira, comandada pelo técnico Bernardo Rezende disputando: Grand Prix de Voleibol , Sul-Americanos e fez parte do grupo que conquistou o vice-campeonato do Mundial de 1994 realizado no Brasil[13][14][15].Em 1995 também disputou pela seleção a edição do Grand Prix na cidade de Xangai, quando vestiu a camisa#6[16].

Em 1994 conquistou pelo Nossa Caixa/Recreativa a medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano de Clubes realizado na cidade de Medellín[17][18] e disputou a Superliga Brasileira A 1994-95Vref>Melhor do Vôlei. «Superliga 94/95- Sollo/Tietê» (em portugues). 17 de março de 2010. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 24 de setembro de 2013 </ref>alcançando o quarto lugar nesta edição[19].

Atuou pelo Leite Moça/Sorocaba na temporada 1995-96, sagrando-se campeã do Campeonato Paulista de 1995[20]e da Copa Internacional pelo Leite Moça[21]e disputou a Superliga Brasileira A 1995-96[22] conquistando o título de forma invicta[23][24];

Permaneceu no Leite Moça/Jundiaí no período esportivo 1996-97, conquistou o título da Copa Sul de 1996[25]e por este disputou a correspondente Superliga Brasileira A[26]e conquistou seu tricampeonato nacional[23], e sagrou-se vice-campeã do Campeonato Paulista de 1997[20].

Foi convocada para Seleção Brasileira em 1997 e na jornada esportiva 1997-98 voltou a ser atleta do MRV/Suggar/Minas[27] conquistando o bronze na Superliga Brasileira A 1997-98[28]. Pela Petrobrás/Macaé competiu na temporada 1998-99[1] e alcançou a oitava colocação na Superliga Brasileira A correspondente[29][30].

Títulos e resultados[editar | editar código-fonte]

Premiações individuais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Jornal do Vôlei (ed.). «Perfil EDNA VEIGA». Consultado em 21 de fevereiro de 2016 
  2. Revista Placar. «Placar Magazine-Nº 859-Pág.68» (em portugues). 10 de novembro de 1986. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  3. Vôlei Master. «Transbrasil /Pinheiros – 1986» (em portugues). Consultado em 15 de setembro de 2012. Cópia arquivada em 24 de abril de 2013 
  4. Revista Placar. «Placar Magazine-Nº 874-Pág.88» (em portugues). 2 de março de 1987. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  5. «Placar Magazine - Nº 979 - Pág. 36». Placar. 17 de março de 1989. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  6. a b SuperGasBras. «Há 30 anos, Supergasbras conquistava título brasileiro de vôlei feminino e iniciava uma era de glórias» (em portugues). 16 de dezembro de 2013. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 11 de fevereiro de 2014 
  7. «Matita Rosso e Blu Napoli». Lega Pallavolo Serie A Femminile (em italiano). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  8. «Matita Rosso e Blu Napoli-Piazzamenti Stagioni Precedenti-1991-1992». Lega Pallavolo Serie A Femminile (em italiano). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  9. «Toshiba Albamotor Cassano». Lega Pallavolo Serie A Femminile (em italiano). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  10. «Toshiba Albamotor Cassano-Piazzamenti Stagioni Precedenti-1992-1993». Lega Pallavolo Serie A Femminile (em italiano). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  11. a b «4-5-Folha Nordeste-Vôlei Feminino- Nossa Caixa conquista título inédito na Liga- Página 04». Folha de S.Paulo. 23 de março de 1994. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  12. a b «4-3-Folha Nordeste-As dez mais são eleitas- Página 04». Folha de S.Paulo. 5 de março de 1994. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  13. Todor66.com. «Women Volleyball II Grand Prix 1994 Shanghai (CHN) - Winner Brazil» (em ingles). Consultado em 15 de setembro de 2012 }
  14. Edgard Alves; Sérgio Kraselis. «Folga de S.paulo Bloqueio cubano desequilibra final» (em portugues). 31 de outubro de 1994. Consultado em 15 de setembro de 2012. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  15. Edgard Alves; Sérgio Kraselis. «Folga de S.paulo Bernardinho diz que Cuba fez um massacre» (em portugues). 31 de outubro de 1994. Consultado em 15 de setembro de 2012. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  16. Todor66.com. «Women Volleyball III Grand Prix 1995 - Shanghai (CHN) - Winner United States» (em ingles). Consultado em 15 de setembro de 2012 
  17. «De los Inicios al Sub Campeonato Sudamericano». Alianzalimavoley.com (em espanhol). 23 de maio de 1998. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  18. Cruz, Ivan (11 de abril de 1994). «FINAL RECREATIVA DE LAS BRASILEÑAS». El Tiempo (em espanhol). Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  19. a b «O INÍCIO – 94/95 - Selecionar Classificação Geral - 1994/1995 – I Superliga - Feminina». CBV. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Arquivado do original em 25 de dezembro de 2017 
  20. a b c d FPV. «FPV-Campeonato Paulista 2011» (em portugues). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  21. a b Marcos Almeida. «Aconteceu no Cabo: ex-jogadora de vôlei Ana Moser foi Prestigia o Centro de Referência Esportiva Pernambuco» (em portugues). 6 de junho de 2013. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  22. Melhor do Vôlei. «Superliga 95/96- Leite Moça» (em portugues). 3 de novembro de 2007. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 24 de setembro de 2013 
  23. a b c d CBV. «História & Campeões» (em portugues). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2017 
  24. Melhor do Vôlei. «MOLICO/Osasco inicia quartas diante do Brasília e pode superar marca do Leite Moça» (em portugues). 19 de março de 2014. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  25. a b A Notícia. «Leites é tri na Copa Sul» (em portugues). 8 de novembro de 1998. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 20 de maio de 2014 
  26. Melhor do Vôlei. «Superliga 96/97- Leites Nestlé» (em portugues). 3 de novembro de 2007. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  27. Folha de Londrina. «Paranaenses jogam hoje na Superliga» (em portugues). 20 de dezembro de 1997. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 
  28. a b «NOVA FORÇA NO MASCULINO – 95/96 - Selecionar Classificação Geral - 1997/1998 – IV Superliga- Feminina». CBV. Consultado em 31 de dezembro de 2017. Arquivado do original em 25 de dezembro de 2017 
  29. «Universo Online-Esportes-Últimas Notícias do Esporte». 28 de novembro de 2008. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  30. «O BI DA ULBRA – 98/99- Selecionar Classificação Geral-1998/1999 – V Superliga-Feminino». CBV (em portugues). Consultado em 31 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2017 }