Emanuel Dimas de Melo Pimenta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Emanuel Dimas de Melo Pimenta (nascido em 1957) é um músico brasileiro, arquiteto e artista multimedia. As suas obras têm sido incluídas em coleções de arte e tem sido reconhecido por instituições como o Whitney Museum of American Art de Nova Iorque, o Ars Aevi Contemporary Art Museum, a Bienal de Veneza, o Kunsthaus Zürich, a Bibliotèque Nationale of Paris e o MART - Modern Art Museum of Rovereto and Trento entre outros.

Emanuel Pimenta desenvolve música, arquitetura e projetos urbanos usando a realidade virtual e as tecnologias do ciberespaço. Os concertos de música integrar a arte visual são realizados em vários países nos últimos vinte anos, como o seu concerto na Bienal de Arte de São Paulo, em 1985, com John Cage, Francesco Clemente, Sandro Chia, e Robert Rauschenberg.

Serviu como curador da Bienal de São Paulo, da Fundação Calouste Gulbenkian, da Trienal de Milão, e do Centro Cultural de Belém.[1]

Projectos[editar | editar código-fonte]

  • Abell 2218[2]
  • Deep Ocean[3]
  • Dr. Jekyll & Mr. X, in 2004[4]
  • Kirkos[5]
  • RAWWAR (random accelerating world, world and revolution)[6]
  • Zyklus,[7]

Publicações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Música Viva/Entr'Artes 2005» (PDF). Consultado em 25 de junho de 2008 
  2. «Abell 2218». Consultado em 25 de junho de 2008 
  3. «Deep Ocean». Consultado em 25 de junho de 2008 
  4. «Dr. Jekyll and Mr. X». Consultado em 25 de junho de 2008 
  5. «Kirkos». Consultado em 25 de junho de 2008 
  6. «RAWWAR-Emanuel Dimas de Melo Pimenta». Consultado em 25 de junho de 2008 
  7. «Zyklus». Consultado em 25 de junho de 2008 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]