Estação Ternes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ternes
A estação Ternes em obras em março de 2008.
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metrô de Paris
Linhas Linha 2
Código 1814
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 2
Informações históricas
Inauguração 07 de outubro de 1902
Próxima estação
Sentido Porte Dauphine Paris m 2 jms.svg Sentido Nation
Charles de Gaulle - Étoile Courcelles
Ternes

Ternes é uma estação da linha 2 do Metrô de Paris, localizado no limite do 8.º e do 17.º arrondissements de Paris.

Localização[editar | editar código-fonte]

A estação está estabelecida em uma curva sob a place des Ternes, entre o trecho sul da avenue de Wagram e o boulevard de Courcelles.

História[editar | editar código-fonte]

A estação de metrô deve a sua denominação à place des Ternes em que ela está situada. Este nome faz referência a uma fazenda da Idade Média antigamente batizada "Villa externe"[1].

A partir da década de 1950 até 2007, os pés-direitos foram revestidos com uma curvatura metálica com montantes horizontais azuis e quadros publicitários dourados iluminados. Antes de sua remoção para a renovação da estação no quadro do programa "Renouveau du métro" da RATP, foi completada com assentos "coque" característicos do estilo "Motte", em branco.

Em 2011, 3 930 362 passageiros entraram nesta estação[2]. Ela viu entrar 3 928 660 passageiros em 2013, o que a coloca na 125ª posição das estações de metro por sua frequência[3].

Serviços aos Passageiros[editar | editar código-fonte]

Acesso[editar | editar código-fonte]

A estação possui três vias de acesso: dois, um dos quais dotado de uma edícula Guimard, na place des Ternes e uma saída por escada rolante no boulevard de Courcelles.

Plataformas[editar | editar código-fonte]

Ternes é uma estação em curva de configuração padrão: ela possui duas plataformas laterais separadas pelas vias do metrô e a abóbada é elíptica. A decoração é do estilo usado pela maioria das estações de metrô: as faixas de iluminação são brancas e arredondadas no estilo "Gaudin" da renovação do metrô da década de 2000, e as telhas em cerâmica branca biseladas recobrem os pés-direitos, os tímpanos e as saídas dos corredores. A abóbada é revestida e pintada em branco. Os quadros publicitários são em cerâmicas brancas e o nome da estação é inscrito em fonte Parisine em placas esmaltadas. Os assentos são de estilo "Akiko" de cor verde.

Intermodalidade[editar | editar código-fonte]

A estação é servida pelas linhas 30, 31, 43, 93 e 341 da rede de ônibus RATP.

Pontos turísticos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. M. l'abbé Bellanger (1849). «Les Ternes Notice historique». Gallica. p. XIII. Consultado em 6 de junho de 2017 .
  2. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.) Arquivado em 18 de julho de 2014, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr. Consultado em 29 de outubro de 2013.
  3. Tráfego anual de entradas por estação (2013) Arquivado em 8 de março de 2013, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr, consultado em 31 de agosto de 2014.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Estação Ternes