Eva Pierrakos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eva Pierrakos
Nascimento 1915
Viena
Morte 1979 (64 anos)
Cidadania Áustria
Ocupação sensitivo

Eva Broch Pierrakos (Viena, 1915 - Nova York,1979), filha do famoso romancista Jacob Wassermann, cresceu no meio de alguns dos grandes escritores do seu tempo, que eram amigos de seu pai - Herman Hesse, Thomas Mann e Rudolf Steiner. Todavia, Eva se rebelou contra a vida intelectual. Na verdade, ela queria ser uma dançarina[1].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era uma jovem brilhante e expansiva, o que a levou mais tarde, em Nova York, a tornar-se instrutora de dança. Eva deixou a Áustria antes da invasão nazista e mudou-se para Nova York. Foi na Suíça, entretanto, onde viveu durante alguns anos, que seu dom psíquico começou a se manifestar sob a  forma de escrita automática[2], canalizando os ensinamentos de uma entidade espiritual que, posteriormente, foram compilados na obra The Pathwork Guide Lectures[3] e constituem os fundamentos do caminho espiritual conhecido como Pathwork[4].

Ela passou a meditar por longas horas, mudou sua dieta e assumiu o compromisso de usar o seu dom exclusivamente para ajudar as pessoas, assumindo o risco de perder amigos, que pensavam que ela estava enlouquecendo. Começou então a desenvolver a clariaudiência, não ouvindo vozes externas, mas vozes internas que provinham do seu cérebro[5].

O Pathwork foi elaborado por Eva Pierrakos como um método de autoconhecimento. De 1957 a 1979, Eva entrava em estado de leve transe e o seu guia espiritual falava através dela. Foram 258 palestras[3], cujos temas versavam sobre a natureza das realidades psicológica e espiritual e sobre o processo de transformação pessoal[6].

Em 1967, Eva conheceu John Pierrakos, psiquiatra, com quem se casou alguns anos depois[7]. A fusão dos seus trabalhos individuais conduziu a uma grande expansão da comunidade  do Pathwork. Eva aprimorou a forma de trabalhar com grupos de estudos do Pathwork, com base na terapia de grupo da Core Energetics, proposta por John Pierrakos e Alexander Lowen. E assim o método começou a difundir-se pelo mundo.

Em 1972, o Trabalho do Caminho foi transformado em fundação educacional sem fins lucrativos a “Pathwork Foundation”.

Eva morreu em 1979, legando-nos uma rica herança de material canalizado. Além de 258 palestras, há o registro de centenas de sessões de perguntas e respostas e consultas particulares com o Guia[5].

Obra[editar | editar código-fonte]

  • O Caminho da Autotransformação. Eva Pierrakos. Editora Cultrix.
  • Não Temas o Mal. Eva Pierrakos e Donovan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Criando União. O significado espiritual dos relacionamentos. Eva Pierrakos e Judith Saly. Editora Cultrix.
  • Eu sem Defesas. Susan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Entrega ao Deus Interior. Eva Pierrakos e Donovan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Caminho para o Eu Real. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.
  • Orações e Afirmações. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.
  • Perguntas & Respostas - Volume 1, 2 e 3. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.

Pathwork[editar | editar código-fonte]

O Pathwork é uma metodologia esotérica desenvolvida a partir dos ensinamentos que teriam sido canalizados pelo guia espiritual de Eva Pierrakos, sendo considerado como um caminho espiritual de auto-purificação e auto-transformação, envolvendo todos os níveis de consciência.

Referências

  1. «Eva Pierrakos». www.the50-50work.com (em inglês). Consultado em 10 de fevereiro de 2018. 
  2. «PATHWORK BRASIL». www.pathworkbrasil.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 
  3. a b «Pathwork Lectures: Search and Read the Guide's Psychology & Spirituality  »  » Eva Pierrakos & The Source of Her Lectures». www.pathworklectures.com. Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 
  4. «Eva Pierrakos». www.the50-50work.com (em inglês). Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 
  5. a b Brasil, Construsite. «Eva Pierrakos - Biografia - Oficina da Alma». www.oficinadaalmabh.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 
  6. «O caminho do autoconhecimento Bem-estar e saúde Meditação». www.triada.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 
  7. «Editora de livros Pensamento Cultrix». www.pensamento-cultrix.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]