Saltar para o conteúdo

Fabrice Jeannet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Fabrice Jeannet
Fabrice Jeannet
esgrima
Especialidade espada
Representante França
Nascimento 20 de outubro de 1980 (43 anos)
Forte da França, França
Nacionalidade francêês
Período em atividade 2001–2008
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Atenas 2004 Espada por equipes
Ouro Pequim 2008 Espada por equipes
Prata Pequim 2008 Espada individual
Campeonato Mundial
Ouro Lisboa 2002 Espada por equipes
Ouro Havana 2003 Espada individual
Ouro Lípsia 2005 Espada por equipes
Ouro Turim 2006 Espada por equipes
Ouro S. Petersburgo 2007 Espada por equipes
Prata Lisboa 2002 Espada individual
Prata Lípsia 2005 Espada individual
Bronze Nimes de 2001 Espada individual
Bronze Nimes de 2001 Espada por equipes
Campeonato Europeu
Ouro Quieve 2008 Espada por equipes
Bronze Gante 2007 Espada por equipes

Fabrice Jeannet (Forte da França, 20 de outubro de 1980) é um ex-esgrimista francês, vencedor de múltiplas medalhas olímpicas, mundiais e continentais. Por sua contribuição esportiva, foi condecorado Cavaleiro da Ordem Nacional da Legião de Honra e Oficial da Ordem Nacional do Mérito.

Fabrice Jeannet nasceu na cidade de Forte da França, no dia 20 de outubro de 1980.[1] No ano de 2001, ganhou dois bronzes em Nimes, as primeiras medalhas em Campeonatos Mundiais.[2] No ano seguinte, ficou com a medalha de prata após perder a final para o russo Pavel Kolobkov.[3]

Sagrou-se campeão mundial em 2003,[4] feito repetido em 2005, 2006 e 2007.[1] Nos Jogos de Atenas, em 2004, integrou a equipe francesa que venceu o evento.[1] No mesmo ano, por sua contribuição esportiva, foi condecorado Cavaleiro da Ordem Nacional da Legião de Honra.[5] Quatro anos depois, recebeu o título de Oficial da Ordem Nacional do Mérito.[6]

Jogos Olímpicos
Ano Local Evento Posição Ref.
2004 Grécia Atenas Espada por equipes 1.ª [1]
2008 China Pequim Espada por equipes 1.ª [7]
2008 China Pequim Espada individual 2.ª [8]
Campeonatos Mundiais
Ano Local Evento Posição Ref.
2002 Portugal Lisboa Espada por equipes 1.ª [1]
2003 Cuba Havana Espada individual 1.ª [4]
2005 Alemanha Lípsia Espada por equipes 1.ª [1]
2006 Itália Turim Espada por equipes 1.ª [9]
2007 Rússia São Petersburgo Espada por equipes 1.ª [10]
2002 Portugal Lisboa Espada individual 2.ª [3]
2005 Alemanha Lípsia Espada individual 2.ª [11]
2001 França Nimes Espada individual 3.ª [1]
2001 França Nimes Espada por equipes 3.ª [1]
Campeonatos Europeus
Ano Local Evento Posição Ref.
2008 Ucrânia Quieve Espada por equipes 1.ª [12]
2007 Bélgica Gante Espada por equipes 3.ª [1]

Condecorações

[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i «Fabrice Jeannet». L'Équipe (em francês). Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  2. «Jeannet bute sur Kolobkov en finale de l'épée». Le Parisien (em francês). 21 de agosto de 2002. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  3. a b «CHAMPIONNATS DU MONDE À LISBONNE Jeannet, l'argent quand même». Le Télégramme (em francês). 21 de agosto de 2022. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  4. a b «Escrime: Fabrice Jeunet remporte la médaille d'or». Le Monde (em francês). 7 de outubro de 2003. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 11 de abril de 2021 
  5. a b «Décret du 24 septembre 2004 portant nomination» (em francês). Légifrance. 26 de setembro de 2004. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 28 de abril de 2021 
  6. a b «Décret du 14 novembre 2008 portant promotion et nomination» (em francês). Légifrance. 15 de novembro de 2008. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 3 de janeiro de 2022 
  7. Pierre Koetschet (15 de agosto de 2008). «L'or et la colère pour les épéistes français» (em francês). 20 Minutes. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  8. «Epée: l'argent pour Fabrice Jeannet». Le Parisien (em francês). 10 de agosto de 2008. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  9. Bertrand-Régis Louvet (6 de outubro de 2006). «Les Français pêchent de l'or». Le Parisien (em francês). Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 
  10. «LA FRANCE DOMINE LES MONDIAUX D'ESCRIME». Le Monde (em francês). 8 de outubro de 2007. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 11 de abril de 2021 
  11. «JEANNET CÈDE SON TITRE» (em francês). Eurosport. 9 de outubro de 2005. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  12. «Les épéistes français champions d'Europe». Le Parisien (em francês). 10 de julho de 2008. Consultado em 16 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2022 

Ligações externas

[editar | editar código-fonte]