Fanfic

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Fan-fiction)
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde junho de 2016).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Fan fiction (em português, literalmente, "ficção de fã"), também grafada fanfiction ou, abreviadamente, fanfic é uma narrativa ficcional, escrita e divulgada por fãs em blogs, sites e em outras plataformas pertencentes ao ciberespaço, que parte da apropriação de personagens e enredos provenientes de produtos midiáticos como filmes, séries, quadrinhos, videogames, etc, sem que haja a intenção de ferir direitos autorais ou obter de lucros. Portanto, tem como finalidade a construção de um universo paralelo ao original e também a ampliação do contato dos fãs com as obras que apreciam para limites mais extensos.[1]

Origem[editar | editar código-fonte]

Com a popularização da Internet, no final dos anos 1990, muitos escritores desse tipo de literatura encontraram uma forma mais fácil de atingir a outros fãs e pessoas com os mesmos interesses. [1]Com o avanço dos mecanismos de busca, tornou-se mais fácil encontrar sites dedicados a fanfics. Embora uma grande parcela desses sites aborde um único personagem ou "gênero" (por exemplo: fanfics sobre mangá), existem outros que possuem textos de vários gêneros, bem como traduções de histórias em outras línguas.

Contudo, o surgimento das primeiras fanfictions deu-se muito antes da concretização da web.[2] Esse tipo de narrativa teria surgido nos EUA, na década de 1970, com a publicação, em fanzines, de histórias que eram tributos à série Jornada nas estrelas. No Brasil, a veiculação e a escrita dessa literatura só se concretizou mediante a publicação e adaptação para o cinema da obra Harry Potter e a Pedra Filosofal.

Além de sites dedicados à armazenagem de fanfics, com o desenvolvimento de ferramentas de publicação de texto mais acessíveis, como os blogs e fóruns, foi desenvolvida um grande área de fanfics interativas, uma espécie de cruzamento entre este tipo de literatura e os jogos de RPG. Os personagens destes são usualmente originais, seguindo uma história paralela à da obra original, tomando emprestados algumas situações e seus personagens e acompanhando sua cronologia. Cada autor/jogador controla um personagem, e os rumos da história são discutidos em fóruns e e-mails.

Existem diversos blogs e sites brasileiros como Spirit, Nyah, e Wattpad além de estrangeiros como Fanfiction.net que trabalham neste formato, além de comunidades do Facebook que se dedicam a postagem de fanfics.

Embora os primeiros blogs de fanfics interativas sejam dedicados a aventuras inspiradas pela série Harry Potter, atualmente podem-se encontrar blogs dedicados a fics inspiradas por Transformers, X-Men, bandas como o Linkin Park,One Direction,Crônicas de Nárnia, Senhor dos Anéis, Eragon, Turma da Monica Jovem, Naruto, Harry Potter, Jogos Vorazes, Crepúsculo, Supernatural, Percy Jackson e os Olimpianos, K-pop, CSI, RBD, Miraculous Ladybug dentre outros.

Controvérsias sobre Direitos Autorais[editar | editar código-fonte]

Normalmente as fanfics costumam dar a impressão de infringir as leis de direitos autorais pois utilizam personagens criados originalmente por terceiros. Com exceção de casos em que os personagens já sejam de domínio público, as histórias que utilizem personagens ainda sob copyright podem ser proibidas por seus criadores originais. Contudo, devido ao grande número de sites de fanfics na Internet e aos altos custos de um processo judicial, geralmente esse tipo de criação literária é tolerada, considerando-se também que o seu conteúdo é criado por fãs que provavelmente consumiram o produto original e não têm o intuito de obter lucro. Fanfics também costumam ser vistas como uma forma de aumentar a publicidade e a popularidade das tramas originais.

Tipos de fanfictions [3][4][editar | editar código-fonte]

Doujinshi[editar | editar código-fonte]

Termo usado para revistas independentes no Japão produzidas por fãs destas séries, semelhante aos fanzine ocidentais. O termo deriva de doujin ou grupo literário, que era a forma tradicional de produção, e shi, que significa revista ou distribuição. Alguns podem considerar trabalhos de aficcionados (fanwork); para muitos, são simplesmente publicações de mangá de pequena tiragem.[5]

Normalmente, o termo usualmente se refere a mangás de artistas não profissionais, podendo conter tanto histórias originais quanto histórias baseadas em um mangá ou um anime da moda ou muito popular, tais como as paródias, chamadas de aniparo.[6] Entretanto, escritores de fanfics que se dedicam a criar histórias inspiradas em animes e mangás classificam seus trabalhos como doujinshi, mesmo quando são apenas textos, sem ilustrações.

A expressão "círculo doujinshi" é utilizada para designar um grupo de artistas que trabalham juntos na criação de uma obra.[7] O grupo de mangaka Clamp começou sua carreira como um círculo doujinshin, contando inicialmente com 11 integrantes.

Mary Sue[editar | editar código-fonte]

Alguns tipos de fanficções são do estilo denominado Mary Sue, um formato mais "açucarado", em forma de conto, romance ou novela melodramática e apelativa. O nome do estilo é uma homenagem à Tenente Mary Sue, uma personagem de fanfics da série Jornada nas Estrelas, dos anos 1980, que definiu o arquétipo da personagem perfeita altamente idealizada. Também são chamados Mary Sue (ou Gary Stu, na versão masculina) as fanfictions onde o personagem principal é praticamente onipresente, sendo completamente inatingível.

Crossover[editar | editar código-fonte]

Fanfics nas quais se misturam universos (fandoms) diferentes. Exemplos: Pretty Little Liars/Scream, Arrow/The Flash/Supergirl

Darkfic[editar | editar código-fonte]

Fanfic abundante em cenas depressivas, atmosferas sombrias e situações angustiantes. É o oposto das fanfics definidas como "waffy".

Deathfic[editar | editar código-fonte]

Onde pelo menos um ou mais personagens principais morrem.

Drabble[editar | editar código-fonte]

É uma fanfic que contém 100 palavras, porém, algumas pessoas consideram Drabble, qualquer história com menos de 1000 palavras.

Double Drabble[editar | editar código-fonte]

É uma fanfic com no máximo 200 palavras.

Slash[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Ficção slash

Fanfic cujo tema principal concentra-se na relação geralmente amorosa entre dois homens. "Slash" é a palavra em inglês para "barra". Ex: Joshua/Seungcheol, Mingyu/Wonwoo, Vernon/Seungkwan ou Sehun/Xiumin

Femslash[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Femslash

Fanfic com relacionamento amoroso entre duas mulheres. Ex: Jennie/Jisoo, Mina/Momo, Taeyeon/Tiffany, Moonbyul/Solar, Seulgi/Irene ou Sana/Tzuyu

Fanon[editar | editar código-fonte]

Indica a presença de idéias já propagadas em outras fanfics, que se tornaram tão populares quanto a história.

+Lemon[editar | editar código-fonte]

Fanfics com cenas de sexo explícito entre homens. Deve ser classificada como 18+.

Lime[editar | editar código-fonte]

História com romance adulto, não precisamente sexual. Pode conter cenas de sexo implícitas, tanto entre casais héteros, quanto homossexuais. Deve ser classificada como 16+.

OC[editar | editar código-fonte]

"Original Character". É quando a fic possui algum personagem criado pelo autor da fanfic.

OOC[editar | editar código-fonte]

"Out of Character". Quando a personalidade ou comportamento de um personagem são inconsistentes e diferentes do esperado, de acordo com a obra original.

Orange[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de sexo explícito entre mulheres.

PWP[editar | editar código-fonte]

"Porn Without Plot?" Significa: "Pornô sem plot". Esse tipo de fic não tem muito enredo, dando prioridade ao sexo. Pode também significar "Plot? What Plot?", uma história sem sentido e confusa. Os personagens podem agir OOC e muitas vezes essas fanfics também são TWT (Time? What Time?), sendo o foco a relação sexual e não um contexto lógico ou roteiro.

Saga[editar | editar código-fonte]

São fics com muitos capítulos, geralmente mais de 20/25. ou com até temporadas, que normalmente variam de 2 a 3 temporadas.

Self Inserction[editar | editar código-fonte]

Quando o ficwriter (escritor/escritora) participa da trama, interagindo com os personagens.

Yaoi[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de romance entre dois homens onde é incitado o sexo, mas não é retratado explicitamente.

Yuri[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de romance entre duas mulheres onde é incitado o sexo, mas não é retratado explicitamente.

Shounen-ai[editar | editar código-fonte]

Fanfic contendo cenas leves de relacionamento entre homens, contendo geralmente, no máximo, beijos.

Shoujo-ai[editar | editar código-fonte]

Fanfic contendo cenas leves de relacionamentos entre mulheres, contendo geralmente, no máximo, beijos.

Bondage[editar | editar código-fonte]

Quando ocorre na fic imobilização de um dos parceiros para satisfação sexual, raramente sem uso pra isso.

Dark Lemon/Orange[editar | editar código-fonte]

Fics com cenas de sexo com relação homossexual, sendo Lemon relação entre homens e Orange relação entre mulheres, com violência explícita. Geralmente estupro.

Fetichismo[editar | editar código-fonte]

Atração por peças de roupas, objetos, situações ou determinadas partes do corpo.

Fluffy[editar | editar código-fonte]

Fanfic extremamente açucarada. Chega a ser mais do que um romance, onde os personagens são muito carinhosos.

MPREG[editar | editar código-fonte]

Male Pregnant. Fanfic onde personagens do sexo masculino tem a capacidade de engravidar.

G!P[editar | editar código-fonte]

Fanfic onde um ou mais personagens do sexo feminino tem o órgão genital masculino.

NCS[editar | editar código-fonte]

Non Consensual Sex. Eufemismo para estupro.

POV[editar | editar código-fonte]

Point of View (ponto de vista). Indica de quem é o ponto de vista da cena, ou seja, quem a narra. Pode ser um personagem principal ou secundário.

SAP[editar | editar código-fonte]

Sweet as possible. Significa: tão doce quanto possível. Fanfic açucarada, mas sem excesso.

Side Storie[editar | editar código-fonte]

Fanfic curta que explica um fato ocorrido numa outra fic. Um tipo de "bônus". Um capítulo que não se encaixa no meio da história original. Geralmente é de um capítulo apenas.

SM[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de sadomasoquismo.

Maintext[editar | editar código-fonte]

Enredo, situações ou romances que aparecem explicitamente na obra original e são explorados na fanfic. Ex: Romance Niklaus Mikaelson x Caroline Forbes

Subtext[editar | editar código-fonte]

Situações ou romances que são subentendidos na obra original e desenvolvidos na fanfic. Ex: Romance Castiel x Dean Winchester.

Threesome[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de sexo entre três pessoas. Ex: Jeonghan/Joshua/S.Coups

TWT[editar | editar código-fonte]

Time? What time? Fora da linha temporal. Não tem tempo cronológico. O personagem conta do passado e volta para o futuro, assim sucessivamente, mas normalmente coloca-se, algo como "Flash Back" indicando que voltou a certo ponto passado da história.

Voyeurism[editar | editar código-fonte]

Quando se observa alguém com o objetivo de obter satisfação sexual.

What If[editar | editar código-fonte]

O que aconteceria se a história tomasse um rumo diferente. (Ex: Harry Potter voltar ao passado para salvar o mundo bruxo; etc.)

Shotacon[editar | editar código-fonte]

Fanfic com romance entre um homem/mulher mais velho com um menino. Abreviação de "Shōtarō Complex", lit. Complexo de Shoutarou, um personagem do mangá/anime Tetsujin 28-Go.

Lolicon[editar | editar código-fonte]

Fanfic com romance entre uma mulher mais nova e uma mulher/homem mais velho(a) - O termo deriva da história “Lolita".

Ecchi[editar | editar código-fonte]

Fanfics que possuem insinuações de sexo mas não necessariamente o sexo explícito em si.

Hentai ou Restrita[editar | editar código-fonte]

Fanfic com cenas de sexo heterossexual explícito.

Citrus[editar | editar código-fonte]

Fanfic de romance adulto, pode ou não conter cenas de sexo.

Canon[editar | editar código-fonte]

Segue o "Cânone". Refere-se a fanfics que sigam fielmente a história, principalmente em termos de shippings (casais como por exemplo: Gil Grissom e Sara Sidle, Harry Potter e Ginna Weasley) e caracterização de personagens.

Oneshot[editar | editar código-fonte]

Fanfic que contém somente um capítulo (one-shot: um-tiro (por ser uma leitura rápida), seja ele curto e postado de uma só vez ou longo e postado em partes.)

Shortfic[editar | editar código-fonte]

Fanfic de poucos capítulos (de 3 a 15). Essas fanfics são como minisséries e os capítulos podem ser longos ou curtos.

Songfic[editar | editar código-fonte]

Quando a fanfic segue acompanhada da letra (e/ou tradução) da música, escolhida pelo(a) autor(a), como trilha sonora. Geralmente seu gênero é drama e são Oneshots ou Shortfics.

U.A. (Universo Alternativo)[editar | editar código-fonte]

Também chamado de AU (do inglês Alternative Universe). Quando a fanfic se passa num mundo diferente do criado pelo(a) autor(a) original da série, mas utilizando os personagens já existentes na história, na maioria das vezes buscando não alterar as características físicas e psicológicas das personagens.

Longfic[editar | editar código-fonte]

Quando a história tem capítulos longos e geralmente a história tem muitas voltas.

R.A. (Realidade Alternativa)[editar | editar código-fonte]

Quando a fanfiction se passa com os mesmos personagens e locais dos criados pelo(a) autor(a) original, porém, um dos fatos mudam. (Ex.: Draco e Harry lutam lado a lado contra Voldemort ou Draco se apaixonar por um sangue-ruim).

Tipos de classificação [8][editar | editar código-fonte]

G (Livre ou K/K+)[editar | editar código-fonte]

Fic liberada para todas as idades. O site Fiction Ratings subdivide esta classificação em duas categorias: K e K+.

K[editar | editar código-fonte]

Conteúdo livre de qualquer linguagem grosseira, violência e temas adultos.

K+[editar | editar código-fonte]

Conteúdo com menor grau de violência, insinuações de linguagem grosseira e ausência de temas adultos, recomendável para crianças maiores de 9 anos.

PG-13 (NC-13 ou T)[editar | editar código-fonte]

Não recomendável para menores de treze anos por conter alguma violência, linguagem levemente grosseira, e sugestão de temas adultos. Cenas leves.

PG-15 (PG ou NC-15)[editar | editar código-fonte]

Não recomendável para menores de quinze anos por conter cenas de violência, linguagem grosseira e temas adultos leves . Cenas estilo médio.

PG-17 (NC-17, M/MA ou R)[editar | editar código-fonte]

Não recomendável para menores de dezessete anos por conter cenas de descrição explicita de violência, uso liberado de forte linguagem grosseira, e temas adultos tratados de modo detalhado e explícito. Cenas fortes.

Hentai (ou R-18)[editar | editar código-fonte]

Contem cenas de sexo explícito, não recomendado para menores de 18 anos.

Alguns termos relacionados a fanfictions[editar | editar código-fonte]

Ship[editar | editar código-fonte]

Termo originado da palavra inglesa "relationship" (relação ou relacionamento, em português). O ship é a crença em um relacionamento amoroso entre personagens, diferentemente do friendship, que supõe uma relação de amizade. Um ship pode ser cannon: Um casal presente na obra original; Ex: Brittana (Brittany/Santana) . Ou fannon: Um casal que não existe na obra original; Ex: CheolSoo (Seungcheol/Joshua) ou Meanie (Mingyu/Wonwoo) . Também pode ser de várias categorias como bandas, artistas e muito mais.

Shipper[editar | editar código-fonte]

Diz-se "shipper" de toda pessoa que admira ou torce para determinado shipp (casal), ex: Taeny shipper: pessoa que shippa Taeny (Taeyeon e Tiffany). Também há a subdivisão dos "friendshippers", que designa aqueles que apoiam amizades ex: Pones (Poynter e Jones) da McFly. Não confundir shipper com fangirls/fanboys.

Subtexters[editar | editar código-fonte]

Fãs de situações ou romances subentendidos na trama original. Alguns subtexters podem defender que o subtext é na verdade um maintext (ex: Naruto/Sasuke).

Referências

  1. a b Fan Fiction—TV Viewers Have It Their Way: Year In Review 2001. Por Nancy Schulz. Originalmente publicada no Britannica Book of the Year.
  2. VARGAS, 2005
  3. (em italiano) EFP Fanfiction. Guide e altri contenuti
  4. Glossário
  5. Lawrence Lessig. Cultura Livre 🔗 (PDF). [S.l.: s.n.] pp. 45 e 46 
  6. Galbraith, Patrick W. (2011). "Fujoshi: Fantasy Play and Transgressive Intimacy among "Rotten Girls" in Contemporary Japan". Signs . 37 (1): 211-232. doi : 10,1086 / 660182
  7. Peixoto Silva, Sérgio (2002). «Comic Market - A Maior Feira de fanzines do mundo». Editora Trama. Anime EX (20): 8-11 
  8. Adaptado do site Fiction Ratings
Bibliografia

Ligações externas[editar | editar código-fonte]