Fatmir Sejdiu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fatmir Sejdiu
Nome nativo Fatmir Sejdiu
Nascimento 23 de outubro de 1951 (67 anos)
Pakaštica
Cidadania República Socialista Federativa da Iugoslávia, República de Kosova, República do Kosovo
Alma mater Universidade de Pristina
Ocupação historiador jurídico, pedagogo, professor universitário
Religião Islã

Fatmir Sejdiu (Pakaštica, 23 de outubro de 1951) foi o segundo Presidente do Kosovo, antiga província sérvia sob administração das Nações Unidas desde o final da Guerra do Kosovo, em 1999. Exerceu o cargo entre 10 de fevereiro de 2006 e 27 de setembro de 2010.

Vida[editar | editar código-fonte]

Fatmir Sejdiu nasceu em Pakaštica, um pequeno vilarejo próximo de Podujevo, Kosovo, na então Iugoslávia (atual Sérvia). Vive em Priština, capital kosovar, com sua esposa Nezafete e seus três filhos.

Influente parlamentar da Liga Democrática do Kosovo (LDK, partido do ex-presidente e líder kosovar Ibrahim Rugova), Fatmir Sejdiu foi um dos autores da Constituição de Kosovo em 2001. Sejdiu foi eleito presidente pela Assembleia do Kosovo[1] após a morte de Rugova no começo de 2006.[2]

Após assumir a presidência de Kosovo, Sejdiu reuniu-se com líderes da Sérvia sobre o futuro da província, realizadas em Viena (Áustria),[3] mas as negociações não avançaram.[4]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]