George Wildman Ball

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
George Ball

George Wildman Ball (Des Moines, Iowa, 21 de dezembro de 1909Nova Iorque, 26 de maio de 1994) foi um diplomata e banqueiro americano. Ele serviu como vice-chefe do Departamento de Estado dos Estados Unidos de 1961 até 1966. Ele ficou conhecido como uma das principais vozes de oposição a Guerra do Vietnã dentro do governo do presidente Lyndon Johnson. Ele manteve suas críticas a política externa americana para o sudeste da Ásia fora da mídia, mas batia boca com outros membros da administração Johnson. Ele também trabalhou para expandir acordos de comércio, questões da Guerra Fria, políticas com aliados, como a França de Charles de Gaulle, Israel e o Oriente Médio.[1]

Deixou o governo Johnson em 1966 desiludido sobre a questão do Vietnã e serviu como embaixador do país para as Nações Unidas entre junho e setembro de 1968. Faleceu em 1994, em Nova Iorque, e foi enterrado no Cemitério de Princeton.[2]

Referências

  1. "George W. Ball Dies at 84; Vietnam's Devil's Advocate". Página acessada em 17 de abril de 2016.
  2. VanDeMark, Brian (1991). Into the Quagmire: Lyndon Johnson and the Escalation of the Vietnam War. Oxford: Oxford University Press. p. 87. ISBN 0195065069.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.