Governo Mantere

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Mantere
Finlândia

Governo Mantere
Início 22 de dezembro de 1928
Fim 16 de agosto de 1929
Duração 7 meses e 16 dias
Organização e Composição
Tipo Coligação política
Primeiro-ministro Oskari Mantere
Presidente Lauri Kristian Relander
Partido Partido Nacional Progressista
Governo da Finlândia
Sunila I Kallio III

O governo Mantere corresponde ao período da história política finlandesa que se inicia com a posse de Oskari Mantere como primeiro-ministro, em 22 de dezembro de 1928. Foi um governo minoritário do Partido Nacional Progressista, que durou 238 dias, tendo seu fim em 16 de agosto de 1929.[1][2]

Logo após o término do governo anterior de Juho Sunila, o presidente Lauri Kristian Relander ofereceu a sucessão aos sociais-democratas, mas eles recusaram. Por sua vez, os partidos burgueses estavam divididos por um conflito linguístico e a Liga Agrária não estava apta para uma nova gestão. Esta escassez de postulantes animou a extrema-direita finlandesa e isso exigiu uma solução rápida, resultando no governo minoritário de Mantere.[3]

O mandato de Mantere teve como principal desafio o reajuste salarial de funcionários públicos; contudo, o contexto não era propício, a Finlândia enfrentou um ano sabático devido às condições climáticas ruins, o que aumentou as importações de alimentos. Ao mesmo tempo, a entrada da União Soviética no mercado madeireiro e as greves portuárias interromperam a exportação de produtos e o resultado foi uma crise no balanço de pagamentos, um aperto no mercado monetário e um aumento nas taxas de juros. Neste contexto, o parlamento rejeitou a proposta de aumento salarial, o que serviu como pretexto para dissolução do governo.[4]

Composição[editar | editar código-fonte]

O governo Mantere foi composto pelos seguintes ministros:[1]

Ministério Ministro Período Partido
Primeiro-ministro Oskari Mantere 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Partido Nacional Progressista
Relações Exteriores Hjalmar J. Procopé 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Independente
Justiça Anton Kotonen 22 de dezembro de 1928 - 18 de fevereiro de 1929 Independente
Oiva Huttunen 18 de fevereiro de 1929 - 16 de agosto de 1929
Interior Toivo Kivimäki 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Partido Nacional Progressista
Defesa Aimo Cajander 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Liga Agrária
Finanças Hugo Relander 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Independente
Educação Lauri Ingman 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Independente
Agricultura Eemil Linna 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Partido Nacional Progressista
Transportes e Obras Públicas Jalmar Castrén 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Independente
Comércio e Indústria Kyösti Järvinen 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Independente
Assuntos Sociais Niilo Mannio 22 de dezembro de 1928 - 16 de agosto de 1929 Partido Nacional Progressista

Referências

  1. a b «16. Mantere» (em finlandês). Governo da Finlândia. Consultado em 15 de julho de 2022. Arquivado do original em 13 de setembro de 2014 
  2. «Oskari Mantereen hallitus 1928-1929» (em finlandês). Finna. Consultado em 15 de julho de 2022. Cópia arquivada em 16 de julho de 2022 
  3. Eskelinen 1966, p. 84–85.
  4. Eskelinen 1966, p. 85.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]