Grande Prêmio da Argentina de 1955

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Grande Prêmio da Argentina
de Fórmula 1 de 1955
Autódromo Oscar y Juan Gálvez Circuito N° 2 (Histórico).svg
Grande Prêmio da Argentina de 1955.
Detalhes da corrida
Data 16 de janeiro de 1955
Nome oficial III Gran Premio de la Republica Argentina
Local Autódromo Oscar Alfredo Gálvez, Buenos Aires, Argentina
Total 96 voltas / 375.552 km
Condições do tempo Muito quente e seco
Pole
Piloto
Argentina José Froilán González Ferrari
Tempo 1:43.1
Volta mais rápida
Piloto
Argentina Juan Manuel Fangio Mercedes
Tempo 1:48.3 (na volta 45[1])
Pódio
Primeiro
Argentina Juan Manuel Fangio Mercedes
Segundo
Argentina José Froilán González
Itália Giuseppe Farina
França Maurice Trintignant
Ferrari
Terceiro
Itália Giuseppe Farina
França Maurice Trintignant
Itália Umberto Maglioli
Ferrari

Resultados do Grande Prêmio da Argentina de Fórmula 1 realizado em Buenos Aires à 16 de janeiro de 1955. Etapa de abertura da temporada, nela a vitória coube ao argentino Juan Manuel Fangio sua 14º vitória e passou a ter o recorde de vitória mais uma vez.[2][3][nota 1]

Este grande prêmio registrou um recorde,o de maior número de carros de uma mesma equipe participando de um grande prêmio,a Maserati utilizou oito carros.

Classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 2 Argentina Juan Manuel Fangio[nota 2] Mercedes 96 3:00:38.6 3 9
2 12 Argentina José Froilán González
Itália Giuseppe Farina
França Maurice Trintignant
Ferrari 96 + 1:29.6 1 2
2
2
3 10 Itália Giuseppe Farina
França Maurice Trintignant
Itália Umberto Maglioli
Ferrari 94 + 2 voltas 5 1 13
1 13
1 13
4 8 Alemanha Hans Herrmann
Alemanha Karl Kling
Reino Unido Stirling Moss
Mercedes 94 + 2 voltas 10 1
1
1
5 18 Argentina Roberto Mieres Maserati 91 + 5 voltas 16 2
6 28 Estados Unidos Harry Schell
França Jean Behra
Maserati 88 + 8 voltas 7
7 22 Itália Luigi Musso
Itália Sergio Mantovani
Estados Unidos Harry Schell
Maserati 83 + 13 voltas 18
Ret 20 Itália Sergio Mantovani
França Jean Behra
Itália Luigi Musso
Maserati 54 Motor 19
Ret 26 Argentina Clemar Bucci
Estados Unidos Harry Schell
Argentina Carlos Menditeguy
Maserati 54 Pressão do combustível 20
Ret 42 Argentina Jesús Iglesias Gordini 38 Transmissão 17
Ret 14 França Maurice Trintignant Ferrari 36 Motor 14
Ret 36 Itália Eugenio Castellotti
Itália Luigi Villoresi
Lancia 35 Acidente 12
Ret 6 Reino Unido Stirling Moss Mercedes 29 Sistema de combustível 8
Ret 30 Uruguai Alberto Uria Maserati 22 Pane seca 21
Ret 32 Itália Alberto Ascari Lancia 21 Acidente 2
Ret 38 França Élie Bayol Gordini 7 Transmissão 15
Ret 16 França Jean Behra Maserati 2 Acidente 4
Ret 4 Alemanha Karl Kling Mercedes 2 Acidente 6
Ret 34 Itália Luigi Villoresi Lancia 2 Vazamento de combustível 11
Ret 40 Argentina Pablo Birger Gordini 1 Acidente 9
Ret 24 Argentina Carlos Menditeguy Maserati 1 Acidente 13

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Classificação do mundial de pilotos
Pos. Piloto Pontos
1 Argentina Juan Manuel Fangio 9
2= França Maurice Trintignant 3 13
2= Itália Giuseppe Farina 3 13
4 Argentina José Froilán González 2
5 Argentina Roberto Mieres 2
  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas. Apenas os cinco melhores resultados dentre os pilotos eram computados visando o título.

Notas

  1. Voltas na liderança: Juan Manuel Fangio 65 voltas (1-2, 26-34, 43-96); Alberto Ascari 12 voltas (3-4, 11-20); José Froilán González 11 voltas (5-10, 21-25); Harry Schell 4 voltas (35-38); Roberto Mieres 4 voltas (39-42).
  2. Sua pontuação inclui um ponto extra pela volta mais rápida da prova.

Referências

  1. «Melhor volta no GP da Argentina de 1955 (STATS F1)». Consultado em 14 de novembro de 2018 
  2. «1955 Argentine Grand Prix - race result». Consultado em 14 de novembro de 2018 
  3. Fred Sabino (26 de outubro de 2020). «Oito pilotos já foram recordistas de vitórias na história da Fórmula 1; veja a lista até Hamilton». globoesporte.com. Globo Esporte. Consultado em 17 de agosto de 2021 

Precedido por
Grande Prêmio da Espanha de 1954
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1955
Sucedido por
Grande Prêmio de Mônaco de 1955
Precedido por
Grande Prêmio da Argentina de 1954
Grande Prêmio da Argentina
3ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Argentina de 1956