H-IIA (foguete)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
O H-IIA decolando no voo 19.

O H-IIA ou (H-2A) é um foguete japonês de combustão líquida, fornecido para lançar um satélite artificial em órbita geoestacionária.

O antecessor do H-IIA, H-II, levando o satélite ADEOS em 1996.

É fabricado pela Mitsubishi Heavy Industries (MHI) para Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial. Os lançamentos ocorrem no Centro Espacial Tanegashima.

O foguete H-IIA é um derivado do anterior H-II, mas está definido para reduzir substancialmente os custos ao mínimo, com a tecnologia melhorada, o H-II revelou-se demasiado e sujeito a falhas. Existem quatro variantes de H-IIA, com diversas capacidades.

História[editar | editar código-fonte]

O H-IIA foi lançado em 29 de agosto de 2001. O sexto lançamento feito em 29 de novembro de 2003 falhou. A espaçonave tinha a intenção de atirar dois satélites para observar a Coreia do Norte. A JAXA anunciou que os lançamentos seriam retomados em 2005. Um foguete com capacidades superiores em lançamento é o H-IIB, um derivado do H-IIA. Este, utiliza dois motores LE-7A na sua primeira fase, ao contrário do antecessor. Foi lançado no ano de 2009.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre foguetes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.