Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias Fundamentalista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Templo da FLDS em Eldorado (Texas)

Igreja Fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Fundamentalist Church of Jesus Christ of Latter Day Saints - FLDS) é o nome de uma ramificação A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias da qual se separaram na década de 1940 após a morte de Joseph Smith Jr.

A sua sede é em Hilldale (Utah). Não há com a A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, sendo denominações distintas e separadas principalmente pelo fato da Igreja Fundamentalista praticar a poligamia.

Até 2007, esta seita era presidida por Warren Jeffs, que sucedeu a seu pai Rulon Jeffs em 2002. Durante cerca de dois anos, Warren Jeffs foi procurado por crimes sexuais, e de Maio de 2004 até ser preso em Agosto de 2006 esteve na lista dos Dez mais procurados do FBI.[1] Em 25 de Setembro de 2007, Jeffs foi considerado culpado de violação[2][3] e sentenciado a prisão perpétua em regime fechado até os 100 anos e a uma multa de US $10.000,00 pelo abuso das meninas de 12 e 15 anos de idade.[4] Resignou formalmente à presidência da FLDS em 20 de Novembro de 2007.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [1]
  2. «Jeffs guilty on both counts» The Salt Lake Tribune [S.l.] 2007-09-25. Consultado em 2007-09-25. 
  3. «Leader of Utah Polygamist Sect Guilty in Rape Case» The Associated Press [S.l.] 2007-09-25. Consultado em 2007-09-25. 
  4. [2]
  5. Nancy Perkins, "Warren Jeffs resigns as leader of the FLDS Church", Deseret Morning News, 2007-12-05.
Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.