Ismael Souza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ismael Souza
Cinturão.jpg
Informações
Nascimento 23 de novembro de 1972 (47 anos)
Rio de Janeiro, RJ
 Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Outros nomes "
Residência  Brasil
Cônjuge Verônica (Esposa)
Filho(s) 1 - Maria Clara

2 - Antônio Pedro

Parentes notáveis Raymundo Souza (Pai)
Crioneide Souza (Mãe)
Gustavo Souzae (Irmão)
Raphael Souza (Irmão)
Eduardo Souza (Irmão)
Raquel Souza (Irmã)
Israel Souza (Irmão)
Altura 1,80 m
Peso 93 kg
Divisão Meio-Pesado
Envergadura 188 cm
Modalidade Jiu-jitsu brasileiro
judô
Luta por Rio de Janeiro
 Brasil
Equipe I.S.T
Treinador I.S.T (BJJ)
Graduação      (faixa preta) em BJJ
Período em
atividade
1997-2000-2013 (MMA)(JIU-JITSU)
Cartel nas artes marciais mistas
Total 06
Vitórias 05
Por nocaute 0
Por finalização 06
Por decisão 0
Derrotas 0
Por nocaute 0
Por finalização 0
Por decisão 0
Ligações externas
Página oficial:
Ismael Souza.com

Ismael Souza Nascido no Rio de Janeiro, 23 de novembro de 1972, é professor de Jiu-jitsu brasileiro e lutador de MMA e Vale-Tudo. Membro da segunda maior família de Jiu-Jitsu do mundo, a "Família Souza". É pastor evangélico possuindo uma vasta experiência acadêmica. Idealizou o projeto "Lute e Coexista" onde promove a filosofia esportiva e a paz entre as religiões. Reside no Rio de Janeiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ismael Souza é faixa preta de Jiu-Jitsu há 22 anos. Membro da renomada família Souza (a segunda maior família de praticantes de Jiu-Jitsu no mundo). Iniciou no Jiu-Jitsu na década de 1980. Desde então colecionou mais de uma centenas de títulos e mais de 250 vitórias na modalidade. Campeão mundial do IVC-XII , o mais temido evento de história do Vale Tudo. É Campeão Brasileiro, Carioca e Paulista de Jiu-Jitsu. Na família Souza o Jiu-Jitsu é uma tradição de berço. Em sua função de pastor evangélico atua na pastoral cristã, no ensino e na implantação de Igrejas.

A Segunda Maior Família de Jiu-Jitsu do Mundo [1][2][3][4][5][6][7][8][editar | editar código-fonte]

Em 1918, Mitsuyo "Conde Koma" Maeda foi enviado ao Brasil em missão diplomática com o objetivo de receber os imigrantes japoneses e fixá-los no país. Mytsuo Maeda, além de ter ensinado Jiu-Jitsu a Carlos Gracie, graduou a professor Luiz França, França graduou à faixa preta Oswaldo Fadda. Mestre Fadda graduou à faixa preta a família Souza. Atualmente a Família Souza é a segunda maior família em números de praticantes de Jiu-Jitsu do mundo. O Jiu-Jitsu na Família Souza iniciou há mais de 35 anos quando o irmão mais velho do clã, Gustavo Souza, hoje Mestre Faixa Coral (Vermelha e Preta), começou a treinar com o Professor Hildebrando (um dos principais nomes do Jiu-Jitsu do Rio de Janeiro). Quase que simultaneamente os irmão Raphael Souza(também Faixa coral vermelha e preta) e Eduardo Souza seguem o exemplo do irmão mais velho, treinando na mesma academia. Posteriormente chega a vez de Ismael Souza tornar-se discípulo do professor Hildebrando. Em seguida o irmão mais novo segue o exemplo de todos. Posteriormente os irmãos foram chamados a dar aulas de Jiu-Jitsu na ACADEMIA FADDA, onde o mestre Faixa Vermelha Oswaldo Fadda graduou todos à Faixa Preta.

O mestre Oswaldo Fadda é o principal nome do Jiu-Jitsu Mundial ao lado de Carlos Gracie e Hélio Gracie.

Hoje a família dos cinco irmãos, somados aos demais integrantes, contabilizam 19 praticantes de Jiu-Jitsu, número que deve ser dobrado na próxima década.

Trajetória no Jiu-Jitsu [9][10][11][12][13][14][15][16][17][editar | editar código-fonte]

Iniciou os treinos de Jiu-Jitsu no início da década de 1980. Ainda com a idade de 14 anos venceu competições na categoria faixa azul adulto, e aos 15 anos venceu competições onde participavam lutadores da faixa azul a preta. Em um mesmo dia subiu ao pódio na categoria 16 anos, 17 anos e na categoria adulto. Nas competições de Jiu-Jitsu possui mais de 100 títulos e mais de 250 vitórias. Recebeu o troféu de atleta mais técnico em mais de 30 campeonatos de Jiu-Jitsu. Foi atleta mais novo do Brasil a ser graduado à Faixa Preta de Jiu-Jitsu.

O Vale-Tudo [18][19][20][21][22][23][24][25][26][27][28][29][30][31][32][33][editar | editar código-fonte]

É o único faixa preta de Jiu-Jitsu do mundo a vencer o extinto Circuito Mundial de Vale-Tudo, International Vale Tudo Championship (IVC ) XII. O IVC é conhecido como o mais difícil evento da história do Vale Tudo. Para obter o cinturão é necessário vencer três lutas em uma só noite. Cada luta possui um único round de 30 minutos sem intervalo, apenas com regras básicas (como enfiar dedo nos olhos e morder) e sem luvas. Nas década de 80-90 era normal acontecer duelos de Vale Tudo dentro das próprias academias. Ismael participou de diversos combates neste modelo, sangrando-se campeão de todos. Posteriormente com a maior divulgação do Vale Tudo, já na Era do UFC, Ismael realizou 6 lutas de Vale Tudo sagrando-se campeão de 5 lutas e tendo sido desclassificado em uma, por ter segurado nas cordas do ringue, isso lutando contra um adversário 30 quilos mais pesado, luta que durou 19 minutos. Seu primeiro confronto de Vale Tudo foi aos 14 anos de idade. Como de costume na carreira de muitos atletas da década de 80-90, diversos confrontos de Vale Tudo não foram registrados pela mídia da época, desta forma oficialmente não podem contar no cartel dos atletas.

Sobre o evento pode-se observar os seguintes comentários:

Em todas as 14 edições do IVC, Ismael foi o campeão que lutou menos tempo em 3 lutas numa única noite, vencendo o primeiro adversário em 2 minutos, o segundo adversários em 1 minutos e o terceiro adversário em 7 minutos.

O Acidente e o Retorno [34][35][editar | editar código-fonte]

Após um grave acidente (2000), Ismael passou por 5 cirurgias sendo necessário a fixação de 8 parafusos na perna direita para recuperação articular. Operações que foram realizadas entre 2001 à 2008. Após 13 anos afastado das competições de Jiu-Jitsu e MMA, aos 40 anos de idade, Ismael retornas as competições (2013), retornando também ao pódio. Apesar de poder lutar na categoria sênior (de 40-45 anos), Ismael retornou a lutar na categoria adulto (de 18-29 anos), onde já subiu ao pódio logo na primeira competição, o que demonstrou um dos maiores gestos de superação dentro do esporte. Segundo Ismael esse atitude é para completar o que ficou incompleto na categoria adulto pois ainda faltam alguns títulos para completar a sua galeria de vitórias, na categoria adulto. Mas isso não descarta a possibilidade de lutar alguns eventos na master e sênior. Considerado em sua época como uma das maiores promessas do MMA mundial, foi desafiante de Wanderlei Silva e já esteve perto de lutar no UFC e no PRIDE. Em 2013 anunciou a possibilidade do seu retorno ao octógono dependendo das negociações.

A Equipe I.S.T de Jiu-Jitsu [36][editar | editar código-fonte]

Ismael Souza é fundador e professor da Equipe I.S.T de Jiu-Jitsu. Desenvolveu uma metodologia de Treinamento Competitivo e Educacional. Tal conceito levou diversos atletas ao pódio e resultou de forma positiva no comportamento ético e moral dos alunos de sua equipe. Treinou diversos atletas que hoje se destacam no cenário mundial no Jiu-Jitsu e no MMA. A equipe se expande em todo Brasil e no Exterior. A formação adequada e a seleção de professores é um dos motivos que proporciona o crescimento ordenado e respeito da equipe. Possui um programa de expansão para implantação da equipe.

O Pastor [37][38][editar | editar código-fonte]

A paixão pela teologia desde cedo e o interesse pela espiritualidade culminou com a vocação pastoral. Após anos de estudo e atividades eclesiais Ismael recebe a licença pastoral. Em suas atividades pastorais atua na pregação em congressos, no ensino, na relação da pastoral com o mundo contemporâneo e na realização de casamentos. Hoje desenvolve a implantação de uma iniciativa que abarque as linhas teológicas e pastorais absorvidas pela experiência pastoral e acadêmica. Enfatiza a urgente necessidade do diálogo ecumênico e inter-religioso que proporcione respeito mútuo entre as religiões.

Formação Acadêmica [39][40][41][editar | editar código-fonte]

Buscando uma formação integrada, Ismael realizou o bacharelado e a licenciatura em educação física, buscando um melhor aperfeiçoamento pessoal e de seus atletas. Com o objetivo de melhor compreensão sobre a existência, realiza o bacharelado e o mestrado em Teologia. Integrando a esta formação a licenciatura e a pós-graduação em Filosofia. Associando e completando sua formação com estudos de pós-graduação em Ciências da Religião. Atualmente aguarda o processo seletivo para o doutorado em teologia. Lançou o livro Jiu-Jitsu e Defesa Pessoal: História e Filosofia. Participou, junto com a campeão Mundial de Boxe Duda Yankovich, do livro Preparação Física com Utilização de Sobrecargas nos Esportes de Luta do renomado professor Waldemar Guimarães Neto. Linha de Pesquisa: Modernidade, Secularização, Novos Paradigmas na Teologia, Diálogo inter-religioso , Ecumenismo, Espiritualidade, Ciência vs. Religião, Ateísmo, Preparação Física, Ética e Gestão nos Esportes de Luta.

Lute e Coexista [42][editar | editar código-fonte]

Implantou o projeto Lute e Coexista. Acreditando que a coexistência é um princípio básico primordial para existência dos seres humanos, Ismael promove em todas as oportunidades possíveis a filosofia esportiva e o respeito mútuo entre as religiões. Nas questões religiosas acredita que só pode haver uma postura: respeito à religião e a religiosidade das pessoas.

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Cartel[editar | editar código-fonte]

Total 5 Vitórias 1 Derrota
6 Lutas Nocaute 0 0
Finalização 5 0
Desclassificação 0 1
Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Vitória Win 5–1 Brasil Magno Penha Desistência (Submission-Exhaustion) IVC 12 - The New Generation of Middleweights 01999-08-26 26 de agosto de 1999 1 7:43 min São Paulo, Brasil
Vitória Win 4–1 Brasil Cleisson Fofão Finalização (Submission-Smother) IVC 12 - The New Generation of Middleweights 01999-08-26 26 de agosto de 1999 1 1:25 min Rio de Janeiro, Brasil
Vitória Win 3–1 Estados Unidos Adrian Serrano Finalização (Submission-Rear Naked Choke) IVC 12 - The New Generation of Middleweights 01999-08-26 26 de agosto de 1999 1 2:45 min São Paulo, Brasil
Derrota Loss 2–1 Brasil Pedro Otávio Desclassificação - DQ (Rope Grabbing) IVC 3 - The War Continues 01997-12-10 10 de dezembro de 1997 1 18:02 min São Paulo, Brasil
Vitória Win 2–0 Brasil Mestre Touro Finalização (Submission-Rear Naked Choke) Championship of North 01997-11-01 1 de novembro de 1997 1 1 min Pará, Brasil
Vitória Win 1–0 Brasil Ribas Street Finalização (Submission-Rear Naked Choke) Championship of North 01997-11-01 1 de novembro de 1997 1 1 min Pará, Brasil

Referências

  1. Revista Show da Fé-Ano 5- N°67 - p.16-17-18-19
  2. Revista Fighting News -Ano 2-n° 18 -p.34-35-36-37
  3. Revista Kumite- Ano 1- n°4 p.8-9.
  4. Jornal do Brasil.
  5. Jornal Opinião, Ano III, n°28, Setembro, 1999.
  6. Jornal O Dia
  7. Revista Fighter Magazine n° 4. p. 12-13-14.
  8. Jiu-Jitsu e Defesa Pessoal: Filosofia, História e Regras Editora Escala.
  9. Revista Kumite- Ano 1-n°4 p.8-9.
  10. Revista Fighting News Ano 1 - N° 8.
  11. Revista Tatame Ano 5 - N° 42 -p .48.
  12. Jiu-Jitsu e Defesa Pessoal: Filosofia, História e Regras Editora Escala.
  13. Revista Fighting News -Ano 2-n° 18 -p.34-35-36-37
  14. Revista Graça Ano 1- N° 3
  15. Revista Graça- Ano 2-N°6 -p.55
  16. Revista Memory Ano 1-N°4-2002
  17. Revista na Faixa n° 4
  18. Revista Gracie Magazine - Ano 4- N° 32
  19. Revista O Tatame- Ano 3 n° 21 - p. 42
  20. Revista Tatame - Ano 4 - N° 35 p. 34.
  21. Revista Fighting News-Ano 2- n° 10 -p.45
  22. Revista Graça Ano 1- N° 3
  23. Revista Graça- Ano 2 - N°6 -p.55.
  24. Revista Show da Fé-Ano 5- N°67 - p.16-17-18-19
  25. Revista Fighting News-Ano 2- n° 10- p.45
  26. Revista Fighting News - Ano 2-n° 18 -p. 34-35-36-37
  27. Revista Muscle in Form- Ano 4 -Nº 22 - p. 64-64.
  28. Revista Fighter Magazine-N° 8-p.42-43.
  29. Revista Fighter Magazine-Edição 6-p.39-44.
  30. Revista Fighter Magazine n° 4. p. 12-13-14.
  31. Jornal Ring - Ano I - N° 4.
  32. Jornal Radical News Ano 2 – n°5
  33. Coleção Musculação Total V.4. Waldemar Guimarães Neto. Editora Phorte.
  34. Revista Fighter Magazine n° 4. p. 12-13-14.
  35. Revista Show da Fé-Ano 5- N°67 - p.16-17-18-19
  36. Idem; notas anteriores.
  37. Revista Fighter Magazine n° 4. p. 12-13-14.
  38. Revista Show da Fé-Ano 5- N°67 - p.16-17-18-19.
  39. Revista Fighter Magazine n° 4. p. 12-13-14.
  40. Revista Show da Fé-Ano 5- N°67 - p.16-17-18-19
  41. Folha Universitária UCB -Ano VI-N° 46
  42. Informações Gerais:http://www.ismaelsouza.com.br