Júnior Assunção

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Júnior Assunção
Informações
Nome de
nascimento
Cleuder F. Assunção Junior
Nascimento 24 de junho de 1981 (41 anos)
Recife, Pernambuco, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,75 m
Peso 66-70 kg
Divisão Peso Pena
Peso Leve
Modalidade Boxe, jiu-jitsu
Equipe Ascension MMA
Graduação      Faixa preta em Brazilian jiu-jitsu

faixa preta em Capoeira

Período em
atividade
2006-presente
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog
editar

Cleuder F. "Júnior" Assunção (Recife, 24 de junho de 1981) é um lutador brasileiro de MMA. Ele compete na categoria Peso Pena.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em Recife, Junior cresceu em Miami e depois residiu em Atlanta, nos Estados Unidos. Hoje está morando em Jacaraípe, no Espírito Santo, onde é proprietário de uma academia. Ele é o irmão mais velho de Raphael Assunção e de Freddy Assunção, que também lutam no MMA.

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Junior é versado no Boxe, Judô, Muay Thai e Wrestling. Ele treinou na Academia Casa Preta com as personalidades do MMA Anderson Silva e Lyoto Machida.

Sua arte marcial de origem é a capoeira. Foi treinado por Mestre Delei por 12 anos, e Junior credita seu sucesso no esporte na disciplina que aprendeu com o mestre. Da capoeira, Junior incorporou muitas técnicas, como a agilidade, a ginga e a força física. Ele também treinou no Combat Sports Center em Richmond, Virgínia.

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Ele estreou em 2006 com derrota para Kurt Pellegrino, e após vencer o inglês David Lee, perdeu novamente (Nate Diaz) e foi afastado do evento. Na sequência, porém, conseguiu um cartel de 8-1 (oito vitórias e uma derrota) que incluiu um nocaute contra o veterano Mark Miller no IFL.

Em 2011, Assunção re-assinou com os promotores do evento. Ele enfrentou o estreante Eddie Yagin na categoria Peso Pena em 24 de Setembro, no UFC 135. Assunção venceu a luta por decisão unânime.[1]

Assunção encarou Ross Pearson em 30 de Dezembro de 2011, no UFC 141.[2] Perdeu por decisão unânime e foi novamente dispensado pelos promotores.[3] Após esta luta, acabou se machucando em treino, tendo que operar o cotovelo e ficando mais de um ano e meio parado, reabilitando o ligamento. Retornou em setembro de 2013, com vitória sobre Guilherme Faria.[4] Junior Assunção espera nova chance no UFC, tendo a seu favor o bom momento de seu irmão no esporte.

Campeonatos[editar | editar código-fonte]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Win 14-5 Brasil Guilherme Faria de Souza Submissão (kimura) Premium Fight Championship 2 02013-09-13 13 de setembro de 2013 4 2:05 Campinas, São Paulo, Brasil
Loss 13-5 Inglaterra Ross Pearson Decisão (unânime) UFC 141 02011-12-03 3 de dezembro de 2011 3 5:00 Las Vegas, Nevada, Estados Unidos
Win 13-4 Estados Unidos Eddie Yagin Decisão (unânime) UFC 135 02011-09-24 24 de setembro de 2011 3 5:00 Denver,Colorado, Estados Unidos
Win 12-4 Inglaterra Wesley Murch Submissão (mata-leão) Recife FC 4 02011-03-31 31 de março de 2011 1 5:00 Recife, Pernambuco, Brasil
Win 11-4 Estados Unidos Mark Miller Nocaute (socos) Recife FC 3 02010-12-03 3 de dezembro de 2010 1 4:03 Recife, Pernambuco, Brasil
Win 10-4 Estados Unidos John Mahlow Submissão (guilhotina) XFC 10: Night of Champions 02010-03-19 19 de março de 2010 1 4:02 Flórida, Estados Unidos Conquista do título vago XFC Lightweight
Win 9-4 Estados Unidos Pete Grimes Decisão (dividida) ShineFights 2 02009-09-04 4 de setembro de 2009 3 5:00 Flórida, Estados Unidos
Win 8-4 Canadá Kamrin Naville Decisão (unânime) KOTC - Invencível 02009-03-27 27 de março de 2009 3 3:00 Geórgia, Estados Unidos
Win 7-4 Estados Unidos Kalvin Hackney Decisão (unânime) Wild Bill's Full Throttle 02008-11-08 8 de novembro de 2008 3 5:00 Geórgia, Estados Unidos
Loss 6-4 Estados Unidos Torrance Taylor Decisão (unânime) AFL - Bulletproof (a prova de balas) 02008-05-30 30 de maio de 2008 3 5:00 Geórgia, Estados Unidos
Win 6-3 Estados Unidos Steve Sharp Submissão (guilhotina) AFL: Erupption (Erupção) 02008-03-07 7 de março de 2008 3 4:26 Kentucky, Estados Unidos
Loss 5-3 Estados Unidos Nate Diaz Submissão (guilhotina) UFC Fight Night 11 02007-09-19 19 de setembro de 2007 1 4:10 Nevada, Estados Unidos
Win 5-2 Inglaterra David Lee Submissão (mata-leão) UFC 70 02007-04-21 21 de abril de 2007 2 1:55 Manchester, Inglaterra
Loss 4-2 Estados Unidos Kurt Pellegrino Submissão (mata-leão) UFC 64 02006-10-14 14 de outubro de 2006 1 2:04 Nevada, Estados Unidos
Win 4-1 Belize Scott Hope Nocaute técnico (socos) ISCF - Knuckle Up 4 02006-04-28 28 de abril de 2006 1 1:43 Geórgia, Estados Unidos
Win 3-1 Estados Unidos Dustin Hazelett Nocaute técnico (socos) FT 3 - Full Throttle 3 02005-07-15 15 de julho de 2005 1 4:27 Geórgia, Estados Unidos
Win 2-1 Estados Unidos Danny Payne Submissão (mata-leão) FT 2 - Full Throttle 2 02005-06-03 3 de junho de 2005 1 0:50 Geórgia, Estados Unidos
Win 1-1 Estados Unidos Will Bradford Submissão (guilhotina) ISCF - Compound Fracture 2 02005-02-04 4 de fevereiro de 2005 1 1:55 Geórgia, Estados Unidos
Loss 0-1 Estados Unidos Andrew Chappelle Decisão (unânime) ISCF - Fight Party 02004-04-23 23 de abril de 2004 3 3:00 Geórgia, Estados Unidos

Referências

  1. Stupp, Dann. «UFC 135 preliminary-card results: Ferguson breaks Riley's jaw, Boetsch cruises». MMAJunkie.com. Consultado em 25 de setembro de 2011. Arquivado do original em 26 de setembro de 2011 
  2. «Twitter Exchange Helps Make Junior Assuncao vs. Ross Pearson at UFC 141». mmaweekly.com. 31 de outubro de 2011 
  3. Dana Becker (23 de janeiro de 2012). «UFC Cuts Junior Assuncao After Loss To Ross Pearson». fightline.com 
  4. http://globoesporte.globo.com/es/noticia/2013/09/radicado-no-es-junior-assuncao-disputa-cinturao-do-premium-fight-2.html  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]