Joana III de Navarra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Joana III de Navarra
Rainha de Navarra
Duquesa de Vendôme
Retrato por François Clouet.
Reinado 25 de maio de 15559 de junho de 1572 (rainha)
20 de outubro de 1548 - 17 de novembro de 1562 (duquesa)
Consorte Guilherme de Jülich-Cleves-Berg
António de Bourbon, Duque de Vendôme
Coroação 18 de agosto de 1555 em Pau
Antecessor(a) Henrique II de Navarra
Sucessor(a) Henrique IV de França
Casa Albret
Bourbon (por casamento)
Nascimento 7 de janeiro de 1528
  Saint-Germain-en-Laye
Morte 9 de junho de 1572 (44 anos)
  Paris
Enterro Vendôme
Filho(s) Henrique IV de França
Catarina de Bourbon
Pai Henrique II de Navarra
Mãe Margarida de Angoulême

Joana III de Navarra, também conhecida como Joana d'Albret (em espanhol: Juana, em francês: Jeanne; Saint-Germain-en-Laye, 7 de janeiro de 1528Paris, 9 de junho de 1572) foi rainha de Navarra entre 1555 e a sua morte.

Família[editar | editar código-fonte]

Joana era a única filha dos reis Henrique II de Navarra e de Margarida de Angoulême. Seus avós paternos eram a rainha soberana de Navarra, Catarina de Foix e o rei jure uxoris João III de Navarra. Já seus avós maternos eram o conde Carlos d'Orléans-Angoulême e Luísa de Saboia, Duquesa de Némours.

Casamento e posteridade[editar | editar código-fonte]

Foi educada por Nicolas de Bourbon l’Ancien, poeta neo-latino, primo de António de Bourbon, Duque de Vendôme, que viria a tornar-se seu cônjuge.

Seu primeiro marido foi o duque Guilherme de Jülich-Cleves-Berg, mas o casamento foi anulado em 1546 por ele ser protestante, tendo Guilherme se casado, posteriormente, com Maria de Habsburgo, arquiduquesa da Áustria, filha de Fernando I do Sacro Império Romano-Germânico e de Ana da Boêmia e Hungria.

Casou depois, em 1548, com António de Bourbon, Duque de Vendôme, e depois duque d'Albret.

Descendência[editar | editar código-fonte]

De seu segundo casamento:


Ancestrais[editar | editar código-fonte]