Jong Song-ok

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jong Song-ok
Atletismo
Modalidade maratona
Nascimento 18 de agosto de 1974 (45 anos)
Haeju, Coreia do Norte
Nacionalidade Coreia do Norte norte-coreana
Medalhas
Campeonatos Mundiais
Ouro Sevilha 1999 maratona
Jogos Mundiais Militares
Prata Roma 1995 maratona

Jong Song-ok ( coreano:정성옥; Haeju, 18 de agosto de 1974) é uma ex-fundista e política norte-coreana.

Uma das primeiras corredoras norte-coreanas a participar de competições globais de atletismo, vice-campeã nos nos Jogos Mundiais Militares de 1995 onde ficou com a medalha de prata, participou da maratona de Atlanta 1996, ficando em 20º lugar. Três anos depois, conquistou a medalha de ouro da prova no Campeonato Mundial de Atletismo de 1999 em Sevilha, Espanha, a primeira e única atleta norte-coreana campeã mundial de atletismo.[1] Pelo feito, foi tornada "Heroína da República" pelo presidente Kim Jong-il.[2]

Em 2000, ela entrou para a carreira política tornando-se delegada da Assembleia Popular Suprema, o parlamento unicameral da República Popular Democrática da Coreia.[2] Com grande prestígio e popularidade até hoje, Song-ok foi a última pessoa a transportar a tocha olímpica de Pequim 2008 durante o revezamento da tocha feito nas ruas de Pyongyang, a capital do país.[3]

Referências

  1. «MARATHON WOMEN 7TH IAAF WORLD CHAMPIONSHIPS IN ATHLETICS». IAAF. Consultado em 9 outubro 2019 
  2. a b North Korea Handbook 2002, p. 493.
  3. «Pyongyang Torch Relay Passes Without Hitch». Chosunilbo Media. Consultado em 6 dezembro 2012