LHS 1140

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2017). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.


LHS 1140
Impressão artística de LHS 1140 e LHS 1140b.
Dados observacionais (J2000.0)
Constelação Cetus
Asc. reta 00h 44m 59.31s
Declinação -15° 16′ 16.7″
Magnitude aparente 14.18[1]
Características
Tipo espectral M4.5V[1]
Variabilidade Anã vermelha
Astrometria
Velocidade radial -13.23 ± 0.60[1]
Mov. próprio (AR) 317[2]
Mov. próprio (DEC) -589[2]
Distância 40.67 ± 1.37 anos-luz
12.47 ± 0.42[1] pc
Detalhes
Massa 0.146 ± 0.009 M
Raio 0.186 ± 0.013 R
Luminosidade 0.002981 ± 0.00021 L
Temperatura 3131 ± 100 K
Metalicidade -0.24 ± 0.10
Rotação 131 d
Idade >5 anos
Outras denominações
GJ 3053, G 270-58, G 268-38, 2MASS J00445930-1516166

LHS 1140 é uma anã vermelha na constelação de Cetus. Com base em suas propriedades estelares, a estrela deve estar a 41 anos-luz de distância do Sol. A estrela tem mais de 5 bilhões de anos de idade e 15% da massa do Sol. O período de rotação de LHS 1140 é de 130 dias.

LHS 1140 tem um planeta rochoso, LHS 1140b, em órbita. O planeta é uma super-Terra na zona habitável e transita a sua estrela. Isso permite que a sua atmosfera seja estudada no futuro: a combinação do trânsito da super-Terra e a estrela-mãe relativamente pequena fazem deste sistema um dos mais promissores conhecido para estudar a atmosfera, juntamente com o sistema TRAPPIST-1. A massa de LHS 1140b é 6,7 ± 1,8 vezes a da Terra e seu raio é 1.4 ± 0.1 vezes ao da Terra, dando-lhe uma densidade de cerca de 2,3 ± 0,6 vezes a da Terra.

A órbita de LHS 1140b é quase circular com um raio de 0,09 AU. LHS 1140b orbita e transita a estrela a cada 24.7 dias. O planeta foi descoberto em 2017 pelo Projeto MEarth. A velocidade radial foi medida pelo HARPS.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome NAT-20170419
  2. a b Salim, Samir; Gould, Andrew (2003). «Improved Astrometry and Photometry for the Luyten Catalog. II. Faint Stars and the Revised Catalog». The Astrophysical Journal. 582 (2). 1011 páginas. Bibcode:2003ApJ...582.1011S. arXiv:astro-ph/0206318Acessível livremente. doi:10.1086/344822