Lago Nyos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lago Nyos
Localização
Localização Noroeste
País Camarões
Características
Área * 1,58 km²
Perímetro * 7,8 km
Profundidade máxima 208 m
Volume * aprox. 0,15 km³
* Os valores do perímetro, área e volume podem ser imprecisos devido às estimativas envolvidas, podendo não estar normalizadas.

O Lago Nyos é um lago formado no interior de um "maar" situado no noroeste de Camarões, (6.36 N; 10.15 E). O Lago Nyos é profundo e situa-se a média altitude no flanco do Monte Oku, um vulcão inativo pertencente à Linha vulcânica dos Camarões. Uma barragem natural, formada por rocha vulcânica, mantém o lago.

A desgasificação dos materiais vulcânicos subjacentes faz com que as águas do lago sejam extremamente ricas em dióxido e monóxido de carbono, os quais, quando libertados subitamente para a atmosfera podem causar a asfixia nas zonas vizinhas. Esse fenômeno ocorreu em 1986, matando quase 2 000 pessoas e mais de 3 000 cabeças de gado.[1]

Erupção límnica[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Desastre do Lago Nyos

Em 21 de agosto de 1986, ocorreu a incomum erupção límnica, que fez com que o lago de origem vulcânica liberasse centenas de milhares de toneladas de monóxido e dióxido de carbono, num estouro que fez com que grande parte do volume de água do lago fosse lançada a quase 100 metros de altura e criasse um pequeno tsunami. Após isso, os gases mencionados, mais pesados que o ar comum, tomaram conta das localidades próximas ao Nyos, eliminando temporariamente o oxigênio do ar e matando qualquer ser vivo de que dependesse dele para viver, por asfixia.[1]

Para um lago vulcânico armazenar CO2 como o Nyos, deve haver pelo menos duas condições:

  • O lago deve ter pelo menos 50 metros de profundidade (porque a água que está nas profundezas do lago fica densa, impedindo o escapamento do CO2).
  • O clima predominante deve ser quente (equatorial).

Hoje em dia, para impedir que o CO2 se acumule novamente, as autoridades responsáveis pelo Nyos instalaram dispersores de CO2 pela superfície do lago, para que não ocorra uma tragédia como aquela que aconteceu em 1986.

Lago Nyos menos de um mês após a erupção límnica.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b A Redação (17 de abril de 2017). R7.com, ed. «Lago na África matou 1700 pessoas durante a noite, e pesquisadores não sabem como» (HTML). Consultado em 10 de novembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Lago Nyos
Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia em geral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.