Malta no Festival Eurovisão da Canção Júnior

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde julho de 2019).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde julho de 2019).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.

Malta

Bandeira de Malta
Euro Bandeira de Malta
Bandeira Nacional EuroBandeira
Estação televisiva representante PBS Malta.svg
Seleção Nacional
Seleção Nacional Junior
País Anfitrião Júnior 2014, 2016
Histórico no Festival Eurovisão da Canção
Participações 35
Primeira participação 1971
Anos em que não participou 1970, 2000, 2002, 2013, 2016
Melhor resultado nas finais 2º Lugar: 2002, 2005
Pior resultado nas finais 25º Lugar: 2003
Melhor resultado nas semifinais 3º lugar: 2016
Pior resultado nas semifinais 19º lugar: 2007
Histórico no Festival Eurovisão da Canção Júnior
Participações 14
Primeira participação 2003
Anos em que não participou 2011, 2012
Melhor resultado 1º lugar 2013, 2015
Pior resultado 16º Lugar: 2005
Histórico no Festival Eurovisão de Dança
Histórico no Festival Eurovisão da Canção de Jovens Músicos
Histórico no Festival Eurovisão da Canção de Jovens Dançarinos
Histórico no Coro do Ano da Eurovisão
Website Nacional Oficial PBS
Página na Eurovisão Malta na Eurovisão
Página na Eurovisão Junior Malta na Eurovisão Junior

Malta foi um dos países fundadores do Festival Eurovisão da Canção Júnior em 2003.[1]

Participou das oito primeiras edições e esteve ausente por dois anos. Ele voltou para o festival de 2013, onde ganhou com Gaia Cauchi e a música "The start". Durante suas oito participações consecutivas, ele foi apenas três vezes entre os dez primeiros (em 2003, em 2008 e em 2009). No festival de 2005, ele estava na última posição. Depois de voltar a 2013, ele teve bons resultados, com um primeiro e quarto lugar.

É um dos poucos países fundadores que ainda participam do festival infantil. Os outros países são a Holanda e a Bielorrússia que estiveram presentes em todas as edições realizadas. A participação de 2015 alcançou o recorde de pontos em uma vitória, assim desbancando Maria Isabel da Espanha, depois de vencer em 2004.

Participação[1][editar | editar código-fonte]

Legenda
     Vencedor
     2.º lugar
     3.º lugar
     Pontuação Nula ("Null Points")/Último Lugar
     Melhor qualificação (fora do top 3)


# Ano Sede Artista Canção Tradução Lingua Lugar Pts
2003 (1º) Copenhaga Sarah Harrison "Like a Star" Como uma Estrela Inglês 7/16 56
2004 (2º) Lillehammer Young Talent Team "Power of a Song" O poder de uma Musica Inglês 12/18 14
2005 (3º) Hasselt Thea & Friends "Make It Right" Faça certo Inglês 16/16 18
2006 (4º) Bucareste Sophie Debattista "Extra Cute" Extra fofo Inglês 11/15 48
2007 (5º) Roterdão Cute "Music" Musica Inglês 12/17 37
2008 (6º) Limassol Daniel Declara "Junior Swing" Junior Swing Inglês 4/15 100
2009 (7º) Kiev Francesca & Mikaela "Double trouble" Duplo problema Inglês 8/13 55
2010 (8º) Minsk Nicole Azzopardi "Knock Knock!...Boom! Boom!" Knock Knock!...Boom! Boom! Inglês, Maltês 13/14 35
Não participou de 2010 até 2013
2013 (11º) Kiev Gaia Cauchi "The Start" O Começo Inglês 1/12 130
10º 2014 (12º) Marsa Federica Falzon "Diamonds" Diamantes Inglês 4/16 116
11º 2015 (13º) Sófia Destiny Chukunyere "Not My Soul" Não é minha alma Inglês 1/17 185
12º 2016 (14º) Valeta Christina Magrin "Parachute" Pára-quedas Inglês 6/17 191
13º 2017 (15º) Tbilisi Gianluca Cilia "Dawra Tond" Andar à roda Inglês, Maltês 9/16 107
14º 2018 (16º) Minsk Ela Mangion "Marchin’ On" Marchando Inglês 5/20 181
15º 2019 (17º) Gliwice Eliana Gomez Blanco Fire Fogo - -

Votação[editar | editar código-fonte]

As tabelas abaixo mostram os cinco principais rankings do histórico de votações de Malta até a participação mais recente em 2018 e levam em conta o novo sistema de votação que permite que os júris adultos e crianças atribuam um conjunto de pontos, introduzido pela União Europeia de Radiodifusão a partir do concurso de 2016 em diante.[2]


12 pontos[editar | editar código-fonte]

Ano País
2003   Reino Unido
2004   Grécia
2005   Bielorrússia
2006   Bielorrússia
2007   Bielorrússia
2008   Ucrânia
2009   Bélgica
2010   Rússia
2013   Ucrânia
2014   Arménia
2015   Itália
2016   Irlanda
2017   Bielorrússia
2018   França


Referências

  1. a b «Malta». junioreurovision.tv. Consultado em 17 de julho de 2019 
  2. Jordan, Paul (13 May 2016). «Format changes for the Junior Eurovision 2016». junioreurovision.tv. European Broadcasting Union. Consultado em 17 May 2016  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)