Mariner 5

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde dezembro de 2012). Ajude e colabore com a tradução.


Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Mariner 5
O lançamento da Mariner 5
Propriedades
Massa 244.9 kg


A Mariner 5 (Mariner Venus 1967) foi uma nave espacial norte-americana que fez parte do Programa Mariner que transportou experimentos complementares para estudos da atmosfera de Vênus.

A Mariner 5 foi originalmente construída como uma cópia de segurança para a Mariner 4, mas depois do sucesso daquela, foi modificada para a "missão Venus", removendo a camera de televisão, invertendo e reduzindo os quatro painéis solares, e adicionando isolamento térmico extra.

Ela foi lançada em direção a Vênus em 14 de junho de 1967 e chegou ao planeta em 19 de outubro desse mesmo ano, a uma altitude de 3,990 quilômetros (2,480 milhas). Com instrumentos mais sensíveis do que a sua antecessora, a Mariner 2. A Mariner 5 obteve mais informações sobre Vênus e também sobre as características do espaço profundo, em viagens interplanetárias.

Dados sobre a "ocultação de Rádio" ocorridas na Mariner 5 ajudaram a compreender os dados sobre pressão e temperatura enviados pela sonda Venera 4 em seu pouso, que chegou a Vênus um dia antes. Após estas missões, ficou claro que Vênus tinha uma superfície muito quente e uma atmosfera ainda mais densa do que a esperada.

As operações da Mariner 5 terminaram em Novembro de 1967 e a sonda foi deixada em uma órbita heliocêntrica.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.