Metil-hidrazina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Monomethylhydrazine
Alerta sobre risco à saúde
Monomethylhydrazine.png
Methylhydrazine-3D-balls.png
Nome IUPAC Methylhydrazine
Identificadores
Número CAS 60-34-4
PubChem 6061
Propriedades
Fórmula molecular CH3N2H3
Massa molar 46.07 g/mol
Densidade 0,88 g·cm-3 [1]
Ponto de fusão

-52 °C [1]

Ponto de ebulição

87 °C [1]

Solubilidade em água solúvel[1]
Pressão de vapor 50 hPa (20 °C)[1]
88 hPa (30 °C)[1]
235 hPa (50 °C) [1]
Riscos associados
Frases R R11 R24/25 R26 R34 R40 R51/53
Frases S S16 S26 S28 S36/37/39 S45 S60
Compostos relacionados
Derivados da hidrazina relacionados Dimetil hidrazina assimétrica
Etil-hidrazina
Fenilidrazina
Compostos relacionados Metilamina
Metildiazeno (CH3N2H)
Peróxido de metila (CH3OOH)
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Metil-hidrazina ou mono-metil hidrazina é um composto derivado da hidrazina, por substituição de um hidrogênio por um grupo metil.

Vários satélites artificiais, como os satélites da linha Brasilsat B (Brasilsat B1 até Brasilsat B4) [carece de fontes?] utilizam este composto (MMH) como combustível, reagindo com o oxidante tetróxido de nitrogênio (NTO, N2O4).[2] [3]

Referências

  1. a b c d e f g Registo de Methylhydrazin na Base de Dados de Substâncias GESTIS do IFA
  2. Basics of Space Flight: Rocket Propellants [em linha]
  3. Diário oficial da União, 16 de novembro de 2010, citado no blogue Panorama Espacial, 17 de novembro de 2010, Concorrência do INPE para propulsores de 400 N (blogue bloqueado pelo filtro de spam)