Michael Herr

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Michael Herr (Syracuse, Nova Iorque, 13 de abril de 1940 - Delhi, Nova Iorque, 23 de junho de 2016) foi um escritor e correspondente de guerra, mais conhecido como o autor de Dispatches (1977),[1] um livro de memórias de seu tempo como correspondente da revista Esquire (1967-1969) durante a Guerra do Vietnã.

Chamado o melhor livro "escrito sobre a Guerra do Vietnã", pelo A Book Review do The New York Times, o romancista John le Carré chamou de "o melhor livro que já li sobre os homens e guerra do nosso tempo." Herr mais tarde foi creditado com um dos pioneiros do gênero literário do romance de não-ficção, juntamente com autores como Truman Capote, Norman Mailer e Tom Wolfe.

Herr co-escreveu o roteiro de Nascido para Matar com seu amigo diretor Stanley Kubrick e o autor Gustav Hasford. O filme foi baseado no romance de Hasford do The Short-Timers e o roteiro foi indicado ao prêmio da Academia. Ele também contribuiu para a narração de Francis Ford Coppola em Apocalypse Now.[1]

Publicações[editar | editar código-fonte]

  • Dispatches (1977 ISBN 0-679-73525-9
  • The Big Room: Forty-Eight Portraits from the Golden Age (1987) (with Guy Peellaert) ISBN 0-671-63028-8 (histórias sobre personalidades de Hollywood, incluindo Judy Garland, Howard Hughes, Marilyn Monroe, Elvis Presley, Frank Sinatra e Walter Winchell)
  • Walter Winchell: A Novel (1990) ISBN 0-679-73393-0 (romance biográfico sobre o jornalista Walter Winchell)
  • Kubrick (Grove, 2000) ISBN 0-8021-3818-7 (baseado no ensaio para a Vanity Fair)

Referências

  1. a b «Michael Herr no Internet Movie Database» (em inglês). imdb.com 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.