Mwai Kibaki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mwai Kibaki
3.º Presidente do Quénia
Período 30 de dezembro de 2002
a 9 de abril de 2013
Antecessor(a) Daniel arap Moi
Sucessor(a) Uhuru Kenyatta
Dados pessoais
Nascimento 15 de novembro de 1931 (85 anos)
Gatuyaini, Othaya, Distrito de Nyeri, Quénia
Partido PNU

Mwai Kibaki (nascido em 15 de novembro de 1931) é um político queniano e ex-presidente do Quénia. Kibaki foi Vice-presidente (1978 - 1988), e assumiu outros cargos de gabinete, sendo Ministro de Finanças (1978 - 1981), Ministro do Interior (1982 - 1988) e Ministro da Saúde (1988 - 1991)[1].Foi presidente de dezembro de 2012 até abril de 2013.

Ele é católico, e foi batizado como Emilio Stanley por missionários italianos na sua juventude, mas raramente utiliza esse nome.

Eleições[editar | editar código-fonte]

2002[editar | editar código-fonte]

Ele venceu as eleições de 2002 com 62% dos votos, contra 31% para Uhuru Kenyatta.

2007[editar | editar código-fonte]

Ele venceu as eleições de 2007 por apenas 232.000 votos, à frente de Raila Odinga, que teve o apoio de Barack Obama. Houve um período de instabilidade após as eleições, por causa de acusações de fraude eleitoral.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Precedido por
Daniel arap Moi
Presidente do Quênia
2002 - 2013
Sucedido por
Uhuru Kenyatta