Noite de São Silvestre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A Noite de São Silvestre é a “passagem-do-ano”, noite-de-ano-novo ou véspera de Ano-Novo, a noite de 31 de dezembro em vários países da Europa.

No folclore português está associado a uma lenda popular.[1]

Segundo essa lenda, a Virgem Maria estaria muito triste contemplando o oceano Atlântico, quando se aproximou São Silvestre e tentou consolá-la. A Virgem explicou-lhe que estava com saudades da antiga Atlântida e então o santo disse-lhe que deviam fazer algo de alegre que ficasse na memória dos homens. Então a Virgem chorou e as suas lágrimas transformaram-se em “pérolas” no oceano, uma das quais foi a ilha da Madeira, a “pérola do Atlântico”; ao mesmo tempo, apareceram no céu lindas luzes, segundo o “testemunho dos antigos”. Essa lenda teria sido a motivação para o lançamento de fogos-de-artifício durante a noite de passagem do ano.

Referências