Non, je ne regrette rien

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Non, je ne regrette rien é uma canção composta em 1956, com letra de Michel Vaucaire, e melodia de Charles Dumont. Foi gravada a primeira vez por Édith Piaf em 10 de novembro de 1960.

Piaf dedicou a sua gravação à Legião Estrangeira, que atuava, na época, na Guerra da Argélia (1956-1962).[1]

Outros interpretes[editar | editar código-fonte]

Cultura popular[editar | editar código-fonte]

Na Grã-Bretanha, a canção é associada ao ex-chanceler do Partido Conservador Norman Lamont que declarou ter ouvido a canção enquanto tomava banho na noite em que o país se retirou do Mecanismo Europeu de Taxas de Câmbio, em 1992.[2]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Foi ouvida em várias trilhas sonoras, entre elas:

Links Externos[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. Cooke, James J. (1990). "Alexander Harrison, Challenging de Gaulle: The O.A.S. and the Counterrevolution in Algeria, 1954–1962". The International Journal of African Historical Studies. Boston: Boston University African Studies Center.
  2. Johnston, Philip (16 Mar. 2004). "It ain't over till the Home Secretary sings". The Daily Telegraph.