Paquimé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pix.gif Zona Arqueológica de Paquimé, Casas Grandes *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Paquime.jpg
Panorâmica de Paquimé
País México
Critérios (iii) (iv)
Referência 560 en fr es
Coordenadas 30° 22′ N 107° 57′ W
Histórico de inscrição
Inscrição 1998  (22.ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

Paquimé localiza-se em Casas Grandes, Chihuahua, no México. Paquimé, no norte do México, tinha edifícios de sete andares, climatizados, e um sofisticado sistema hidráulico, em pleno século XIII. A cidade de barro é um mistério que até hoje os arqueólogos não sabem explicar. É um Património Mundial da Unesco desde 1998.

Paquimé, que atingiu o seu apogeu nos séculos XIV e XV, teve um papel fundamental no comércio e nos contactos entre a cultura de Pueblo (que viviam no noroeste dos Estados Unidos e norte do México) e as culturas mais avançadas da Mesoamérica. As ruínas são uma clara prova da vitalidade de uma cultura que foi perfeitamente adaptada ao seu ambiente físico e económico, mas que desapareceu no tempo da Conquista Espanhola.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]