Paranatama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Paranatama
"Serrinha"
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 2 de fevereiro
Fundação 1943
Gentílico paranatamense
Lema Semeando Paz e Desnvolvimento
Prefeito(a) José Teixeira Neto (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Paranatama
Localização de Paranatama em Pernambuco
Paranatama está localizado em: Brasil
Paranatama
Localização de Paranatama no Brasil
8° 55' 15" 36° 39' 29" 8° 55' 15" 36° 39' 29"
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Agreste Pernambucano IBGE/2008 [1]
Microrregião Garanhuns IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes norte: Caetés (Pernambuco); sul: Saloá; leste: Garanhuns, e oeste: Pedra (Pernambuco).
Distância até a capital 218 km
Características geográficas
Área 230,878 km² [2]
População 11 449 hab. estatísticas IBGE/2014[3]
Densidade 49,59 hab./km²
Altitude 879 m
Clima Tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,537 baixo PNUD/2010 [4]
PIB R$ 68 835 mil IBGE/2012[5]
PIB per capita R$ 6 201 39 IBGE/2012[5]
Página oficial

Paranatama é um município brasileiro do estado de Pernambuco. O município é composto pelo distrito-sede, pelos povoados de Brejo Velho e Alto da Serra, e também pelos sítios Olho D'aguinha, Mocós, Mulungu, Baixa Dantas, Baixa Fechada, Cachoeira, Passagem do Uruçu, Brito dos estevâo, Nambi, entre outras dezenas de sitios, sendo esse citados os mais populosos.

História[editar | editar código-fonte]

O nome do município provém dos índios Itacoatiara, primitivos habitantes da região. Antigo distrito de Garanhuns, Paranatama inicialmente era chamada de Serrinha do Catimbau, devido à serra do Catimbau. Ao ser elevada à condição de vila pelo decreto-lei nº 92, de 31 de março de 1938, passou a ser denominada Itacoatiara. Em 1943, teve seu nome trocado para Paranatama. Tornou-se município autônomo em 20 de dezembro de 1963 e sua instalação deu-se em 4 de fevereiro de 1964. Segundo Roberto Harrop Galvão, o nome Paranatama foi uma invenção do tupi, e quer dizer região dos rios (paraná: rio + retama: terra, lugar). No dia 20 de julho de 1935, o local onde hoje se encontra a cidade que ainda era um distrito de Garanhuns, foi sede de uma batalha entre os moradores e o grupo de cangaceiros de Lampião, Maria bonita foi baleada por João Caxeado, na praça João Correia de Assis, fazendo com que o bando de Cangaceiros tivesse que bater em retirada, como saldo negativo desta invasão ficou a morte de José Gomes, mas como saldo positivo a cidade ficou pra historia por ter expulsado o grupo de cangaceiros. Hoje em dia um grupo de teatro local coordenado por Amauri dos Santos conta a historia da invasão em forma de xaxado, dança típica da região.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 08º55'15" sul e a uma longitude 36º39'29" oeste, estando a uma altitude de 879 metros. Sua população estimada em 2004 era de 9.801 habitantes.

Possui uma área de 272,79 km².

O município está inserido no Planalto da Borborema, com relevo suave e ondulado.

A vegetação é composta por Florestas Subcaducifólica e Caducifólica, próprias das áreas agrestes.

Paranatama encontra-se localizado nos domínios da bacia hidrográfica do rio Ipanema e do Grupo de Bacias de Pequenos Rios Interiores e tem como principais tributários são os riachos da Brava, do Limitão, Seco, Riachão, do Exu, das Lajes e Baixo do Mocó, todos de regime intermitente.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  3. «Estimativa Populacional 2014». Estimativa Populacional 2014. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). agosto de 2014. Consultado em 29 de agosto de 2014. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 01 de outubro de 2013. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2012». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.