Pero de Góis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pero de Góis
Governador da Capitania de São Tomé
Consorte de Catarina de Andrade e Aguilar
Sucessor Gil de Góis da Silveira
Título(s) Capitão-mor da costa do Brasil
Nome completo Pero de Góis da Silveira
Morte 1554

Pero de Góis (século XVI) foi um administrador colonial português. A Capitania de São Tomé lhe foi doada pelo Rei João III de Portugal em 28 de Janeiro de 1536. Em 1549 foi nomeado pelo Capitão-Mor da costa do Brasil.

Sua primeira vinda ao Brasil foi em 1532 onde ele acompanhou uma expedição liderada por Martim Afonso de Sousa.

Góis partiu de Lisboa, desembarcando no Brasil em 1538, fundou a Vila da Rainha (atualmente em São Francisco de Itabapoana) no ano seguinte e desde o início sofreu diversas dificuldades incluindo problemas com a Capitania vizinha de Espírito Santo onde expedições foram enviadas ao seu território para a captura de indígenas, o que gerou reações negativas dos nativos.

Em seu território começou uma plantação de cana-de-açúcar que trouxera da Capitania de São Vicente, Pero voltou a Portugal para buscar ferramentas para a construção de engenhos porém ao voltar encontrou a Capitania abandonada devido a conflitos com tribos indígenas hostis como os Goitacases e os Puris..[1]

Seu irmão, Luís de Góis que morou alguns anos na capitania vizinha de São Vicente, foi o primeiro a levar tabaco à Europa.

No ano de 1554 durante a Guerra de Iguape liderou uma força portuguesa contra o Entrincheiramento de Iguape estabelecido pelos espanhóis de Ruy Garcia de Moschera, suas forças foram derrotadas e ele foi ferido gravemente, vítima de um tiro de arcabuz, a derrota levou ao ataque e saque da cidade de São Vicente.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Paulo Paranhos. «Controvérsias sobre os primeiros tempos da capitania de São Tomé da Paraíba do Sul» (PDF). asbrap.org.br. Consultado em 1 de junho de 2020 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.