Prémio Rómulo Gallegos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Prémio Internacional de Novela Rómulo Gallegos
Descrição Produção literária em língua castelhana
Organização Centro de Estudos Latinoamericanos Rómulo Gallegos
País  Venezuela
Primeira cerimónia 1967
Sítio oficial

O Prémio Internacional de Novela Rómulo Gallegos foi criado no dia 1 de Agosto de 1964 através do decreto 83 promulgado pelo então Presidente da República da Venezuela Raúl Leoni. Tem por objectivos honrar o escritor e político venezuelano Rómulo Gallegos e promover a produção literária em língua castelhana.

É atribuído pelo governo da Venezuela através do Centro de Estudos Latinoamericanos Rómulo Gallegos. A primeira edição do prémio ocorreu em 1967.

Em 2013, o escritor Ricardo Piglia, integrante do júri, criticou os autores venezuelanos antichavistas que se recusaram a disputar o prêmio por questões políticas[1].

Obras galardoadas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Escritores del antichavismo “actúan como los estalinistas”. Correo del Orinoco, 07/07/2013 (em espanhol)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]