República Democrática Federativa Transcaucasiana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2008)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Закавказская демократическая Федеративная Республика
República Democrática Federativa Transcaucasiana

Federação

Flag of Russia.svg
1918 Flag of Georgia (1918–1921).svg
 
Flag of the First Republic of Armenia.svg
 
Flag of Azerbaijan.svg

Bandeira de Federação Transcaucasiana

Bandeira

Localização de Federação Transcaucasiana
Transcáucaso russo imediatamente antes da formação da República Democrática Federativa Transcaucasiana.
Continente Eurásia
Capital Tbilisi
Língua oficial Georgiano
Armênio
Azeri
Governo República
Período histórico Período entre-guerras
 • 24 de fevereiro de 1918 Independência
 • 26 de maio de 1918 Secessão da Geórgia
 • 28 de maio de 1918 Dissolução
Moeda Rublo transcaucasiano

A República Democrática Federativa Transcaucasiana (RDFT, em russo Закавказская демократическая Федеративная Республика (ЗКДФР), transl. Zakavkazskaya Demokratitcheskaya Federativnaya Respublika), também conhecida como Federação Transcaucasiana, foi um Estado federativo de pouca duração (de fevereiro de 1918 a maio do mesmo) formado pelos territórios que compõem os atuais países do Transcáucaso (Armênia, Azerbaijão e Geórgia).

Depois da Revolução de Fevereiro, o Governo Provisório Russo instalou o Comitê Especial Transcaucasiano (ОЗАКОМ, особый Закавказский Комитет, transl. OZAKOM - osobyy Zakavkazskiy Komitet) para governar a área. Depois da Revolução de Outubro, foi instalada a República Transcaucásica e o Comissariado Transcaucásico, que por sua vez foram substituídos pela RDFT.

A Sejm Transcaucasiana foi reunido no dia 10 de fevereiro de 1918, encabeçado pelo menchevique georgiano Nikolay Chkheidze. A Sejm proclamou o Transcáucaso uma república democrática federativa independente em 24 de fevereiro. A federação terminou quando a Geórgia declarou a sua independência em 26 de maio daquele ano; a Armênia e o Azerbaijão fizeram o mesmo em 28 de maio.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Azerbaijão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.