Riachão (Maranhão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Riachão
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 29 de abril de 1835
Gentílico riachãoense/ riachoense
Prefeito(a) Joab Da Silva SantosErro de citação: Elemento de fecho </ref> em falta para o elemento <ref>
Localização
Unidade federativa {{{estado}}}
Microrregião Gerais de Balsas IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Balsas, Carolina, Feira Nova, Nova Colinas e Campos Lindos - TO
Distância até a capital 920 km
Características geográficas
Área 6 373,153 km² [2]
População 35,206 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 0,01 hab./km²
Altitude 383 m
Clima semi árido de transição
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,591 baixo PNUD/2000 [4]
PIB R$ 139 128,490 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 6 433,39 IBGE/2008[5]
Página oficial

Riachão é um município brasileiro do estado do Maranhão. Localiza-se a uma latitude 07º21'43" sul e a uma longitude 46º37'02" oeste, estando a uma altitude de 383 metros. Sua população é de 21.672 habitantes, segundo estimativa do IBGE em 2009. Possui uma área de 6154,84 km².

Tem diversos locais turísticos, como as cachoeiras mais conhecidas como Cocal, onde há um poço azul com águas cristalinas. Também tem o clube Flutuoso, lugar que tem piscinas naturais e restaurantes, com quadras de vôlei e futebol. É visitada principalmente em julho, quando turistas vão conhecer a Chapada das Mesas (Riachão/Carolina) e suas belezas naturais.

História[editar | editar código-fonte]

O município teve seu primeiro registro com a fixação das Famílias dos fazendeiros, Elias Ferreira Barros e Manoel Coelho Paredes, em 1808, vindos da cidade de Pastos Bons, que fundaram o povoado que mais tarde receberia o nome de Riachão. Pastos Bons de onde vieram os bandeirantes era localidade mais próxima. Elias Ferreira Barros, proclamador e fundador do povoado denominou-lhe de Riachão, por ficar situado às margens de um riacho de águas cristalinas, sendo conhecido atualmente por Riachão velho.

Em 1813 foi iniciado a transladação do povoado com o título de vila para um lugar a quatro quilômetros do local primitivo onde hoje é a cidade de Riachão.

Em 19 de abril de 1833 um ato oficial do governo imperial, conferia a categoria de vila e estabelecia a freguesia de Nossa Senhora de Nazaré de Riachão, naquele ato constava a doação de uma área de terras com a configuração descrita em raio de meia légua partindo do local em que assenta atualmente a Igreja Matriz. Esse ato foi extraviado e em 29 de abril de 1835 o governo da província confirmava com a Lei nº 7 de 29 de abril de 1835, ao povoado de Riachão a condição de vila . Data esta que é comemorado o aniversário da cidade.

Riachão, antigo distrito de Carolina, foi elevado à categoria de vila em 19 de abril de 1833 e instalado em 29 de abril de 1835.[6]

Referências

  1. Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome IBGE_DTB_2008
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  6. «IBGE - cidades@ - Histórico - RIACHAO (ma)». ibge.gov.br. Consultado em 9 de junho de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Maranhão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.