Richie Campbell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Richie Campbell
Richie no Ruhr Reggae Summer Festival em 2014
Nome completo Ricardo Dias de Lima Ventura da Costa
Nascimento 25 de novembro de 1986 (36 anos)
Caxias, Portugal
Nacionalidade portuguesa
Ocupação
Gênero literário
Carreira musical
Instrumento(s) Vocal
Gravadora(s)
Afiliações
Página oficial
https://bridgetown.pt/ritchie/

Ricardo Dias de Lima Ventura da Costa, mais conhecido por Richie Campbell (Caxias[1], 25 de novembro de 1986), é um cantor português de música do gênero Reggae, Dancehall e R&B. É um dos artistas portugueses mais bem-sucedidos da década de 2010 e o seu repertório consiste de canções em inglês, normalmente com sotaque jamaicano, e em patoá jamaicano.

Reconhecido como o primeiro fenómeno musical da Internet em Portugal[carece de fontes?], Richie Campbell fez história quando, em 2011, se tornou o primeiro artista sem editora em Portugal a esgotar uma sala da dimensão do Campo Pequeno.

O primeiro álbum de originais do artista foi lançado em 2012 e obtém grande sucesso. Focused foi gravado na Alemanha e conta com um leque de colaborações jamaicanas de peso, como a cantora Ikaya, Anthony B ou Turbulence. É também neste álbum que figura o hit “That’s How We Roll”, nomeado para um Globo de Ouro em 2013.

Em maio de 2015, Richie Campbell foi o primeiro artista portugueês a lançar um álbum sem aviso prévio. In The 876 foi produzido pelo jamaicano Niko Browne e gravado entre Kingston (Jamaica) e Lisboa. O álbum foi n.º 1 do top do digital em apenas dois horas. O lançamento-surpresa foi um inédito em Portugal e deu o mote para um ano imparável de Richie Campbell. A tour In The 876, feita juntamente com a 911 Band, decorreu entre 2015 e 2016 e passou por países como Alemanha, Polónia, Inglaterra, França, Suíça, Suécia, Itália, Áustria, Luxemburgo e ainda pela Jamaica e Barbados.

Paralelamente à In 876 Tour, 2016 marcou um ano de reinvenção da música de Richie Campbell, no qual se destacam: a colaboração inesperada com o cantor cabo-verdiano-neerlandês Nelson Freitas, o single “Break of Dawn”, que foi o vídeo musical mais visto do ano em Portugal e que à data de janeiro de 2023 conta com mais de 20 milhões de visualizações; a remistura do hitWork”, de Rihanna; e o aclamado “Do You No Wrong”, produzido por Lhast, ao qual foi atribuída a distinção de single de platina.

Em 2017, Richie regressou à estrada, num ano marcado pelo lançamento de novas músicas e pelo regresso às sonoridades R&B e Dancehall que marcaram o início da carreira do artista.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Começou na banda Stepacide em 2010 e fez parte do projeto No Joke Sound System, tendo abandonado ambos os projetos em 2010 para se focar na sua carreira a solo. Ainda no ano de 2010, lançou o seu primeiro álbum My Path, disponível só em forma de download gratuito, e viu lançado um EP seu na série 6 da Optimus Discos, dirigida por Henrique Amaro. Ficou no top 1000 mundial, com a mesma pontuação de Alessia Cara, Anne-Marie e Ariana Grande.[carece de fontes?]

Em 2012, iniciou a Tour Focused, cujos últimos concertos da tour tiveram lugar no Porto e em Lisboa. Nesta última cidade, gravou Live at Campo Pequeno, que foi lançado em 2014 em CD e DVD.

No dia 4 de maio de 2015, lançou sem aviso prévio o disco In the 876, que em duas horas chegou ao top de vendas do ITunes. Este disco foi gravado em Kingston e Lisboa. O seu nome é uma referência ao indicativo telefónico da Jamaica.

Em 2016, lançou o single "Do You no Wrong", que, devido ao grande sucesso, chegou a single de platina.

The 911 Band[editar | editar código-fonte]

911 Band, Ruhr Reggae Summer 2014

Richie Campbell trabalha e atua ao vivo com uma banda chamada The 911 Band, que foi já destacada por várias pessoas como a melhor "backing band" de Reggae de Portugal. A banda contém elementos que já passaram por projetos como One Sun Tribe, Kussondulola, One Love Family, entre outros. The 911 Band é composta por um baterista, um baixista, um guitarrista, três backvocalists, dois teclistas e um saxofonista.

Discografia[editar | editar código-fonte]

EP[editar | editar código-fonte]

  • Richie Campbell (2010)
  • Come quarantine w me (2020)

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Blame It On Me" (2009)
  • "Everytime I Cry" (2010)
  • "From The Heart" ft. Dengaz (2011)
  • "That's How We Roll" (2012)
  • "Love is An Addiction" ft. Ikaya (2012)
  • "Get With You" (2013)
  • "True Believer In Love" ft. Richie Stephens (2013)
  • ''Man Don't Cry'' (2014)
  • ''420'' (2014)
  • "Best Friend" (2015)
  • "I Feel Amazing" (2015)
  • "Better Than Today" (2015)
  • "Do You No Wrong" (2016)
  • "Heaven" (2017)
  • "Midnight In Lisbon" (2017)
  • "Water" ft. Slow J, Lhast (2017)
  • "Slowly" (2018)
  • "23:23" (2018)
  • Just One of Those Days Freestyle Prod. Dj Dadda (2019)


Referências

  1. Saraiva, Mafalda (14 de dezembro de 2013). «Uma voz portuguesa com sotaque jamaicano: Entrevista a Richie Campbell». musicfest.pt 
  2. «Richie Campbell lança disco surpresa e conquista o top de vendas». Sol.pt. 4 de maio de 2015. Consultado em 6 de maio de 2015 
  3. «Músico Richie Campbell lança hoje novo álbum reggae, "In the 876″». Observador.pt. 4 de maio de 2015. Consultado em 6 de maio de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Richie Campbell