Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rocam)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Motos do modelo Yamaha XT 660R no pátio do 2.º Batalhão de Polícia de Choque.
Braçal ROCAM

A Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas, mais conhecida pelo acrônimo ROCAM, é um programa de policiamento que utiliza a moto como meio de deslocamento.[1] Foi criada em 5 de novembro de 1982 no 1º Batalhão de Polícia de Choque (ROTA) da Polícia Militar do Estado de São Paulo com a finalidade principal de auxiliar no combate à criminalidade nos centros comerciais e bancários no intenso trânsito da cidade de São Paulo junto com as viaturas da ROTA. O programa teve tal êxito que foi expandido e adotado por outras instituições policiais em diferentes estados do Brasil.[2][3][4]

A ROCAM iniciou suas operações em 12 de novembro de 1982. Na época, o 1º Batalhão de Polícia de Choque contava com 134 policiais militares, doze viaturas (VW Gol) e cem motocicletas Yamaha RX 180. Em 7 de abril de 1986 a ROCAM foi transferida para o 2º Batalhão de Polícia de Choque passando a executar, além das atividades próprias de policiamento ostensivo, o controle de distúrbios civis e o policiamento externo de eventos artísticos, desportivos e culturais.[5]

Rocam praticando wheelie.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Programa Policiamento com Motocicletas - ROCAM». Polícia Militar de São Paulo. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  2. «Nem rezando o crime escapa da Rocam». Último Segundo - iG. 29 de setembro de 2017. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  3. «A ROCAM paulista completa 35 anos de sua existência e criação». Mil Notícias. 10 de novembro de 2017. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  4. Camolesi, Leandro Ademar Haddad (2014). «MOTOCICLISMO POLICIAL: UMA ANÁLISE DE SUA APLICABILIDADE NAS RODOVIAS FEDERAIS DE MT». Revista Científica de Pesquisa em Segurança Pública: Homens do Mato. 13 (1): 62. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  5. Telhada, Paulo Adriano L. L. (2011). Quartel da Luz: mansão da Rota : histórias do Batalhão "Tobias de Aguiar". [S.l.]: Just. ISBN 9788564861091. Consultado em 3 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]