Rubens José de França Bomtempo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Rubens José França Bomtempo (Petrópolis, 24 de janeiro de 1962) é médico e político brasileiro. Foi prefeito de Petrópolis por dois mandatos (2001-2004) e (2005-2008).

Em 2006 recebeu o Prêmio Prefeito Empreendedor, realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), na categoria Tratamento Diferenciado para as Micro e Pequenas Empresas. A premiação foi o resultado do conjunto de soluções adotado para fomentar e fortalecer as micro e pequenas empresas da cidade de Petrópolis durante os dois mandatos, a partir da implantação da lei de incentivos fiscais, que facilitou a abertura de empresas e gerou empregos na cidade.[1] [2]

Em janeiro de 2010 o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro denunciou o ex-prefeito por fraude em processo licitatório da Administração Pública durante o ano de 2007.[3] . Em resposta, o ex-prefeito alegou perseguição política. Em 28 de outubro de 2012 Rubens Bomtempo (PSB) recebeu 87.317 votos e foi eleito para seu terceiro mandato como prefeito de Petrópolis para o período entre 1º de janeiro de 2013 e 31 de dezembro de 2016, derrotando o candidato Bernardo Rossi (PMDB) no segundo turno das eleições municipais.

Bomtempo ficou conhecido por acabar com os desfiles de escolas de samba do Carnaval de Petrópolis, alegando destinar verbas para a saúde, em 2013,[4] o que se repetiu nos anos seguintes.

No dia 30 de abril de 2016, Bomtempo foi condenado em segunda instância a perder o mandato e ter seus direitos políticos suspensos, por improbidade administrativa.[5]

Referências

Precedido por
Paulo Mustrangi
Prefeito de Petrópolis
2013 — atualidade
Sucedido por
nenhum
Precedido por
Leandro Sampaio
Prefeito de Petrópolis
20012008
Sucedido por
Paulo Mustrangi
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.