Santa Isabel (Lisboa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portugal Santa Isabel  
—  freguesia portuguesa extinta  —
Bandeira de Santa Isabel
Bandeira
Santa Isabel está localizado em: Portugal Continental
Santa Isabel
Localização de Santa Isabel em Portugal Continental
Coordenadas 38° 43' 07" N 9° 09' 30" O
Concelho primitivo Lisboa
Concelho (s) atual (is) Lisboa
Freguesia (s) atual (is) Campo de Ourique
Fundação 1741
Extinção 2013
Área
 - Total 0,63 km²
População (2011)
 - Total 6 875
    • Densidade 10 912,7/km2 
Orago Santa Isabel

Santa Isabel é uma antiga freguesia portuguesa do concelho de Lisboa, com 0,63 km² de área e 6 875 habitantes (2011). Densidade: 10 912,7 hab/km².

Foi criada em 1741. Em 1959, a parte correspondente ao bairro de Campo de Ourique foi-lhe desanexada, passando a constituir a freguesia de Santo Condestável.[1]

Como consequência de nova reorganização administrativa, oficializada a 8 de novembro de 2012 e que entrou em vigor após as eleições autárquicas de 2013, foi determinada a extinção da freguesia, que se agregou novamente a Santo Condestável e passou a integrar a nova freguesia de Campo de Ourique.[2] Assim, na prática, esta reorganização veio restaurar, sob designação diferente, a freguesia de Santa Isabel existente antes de 1959.

População[editar | editar código-fonte]

População da freguesia de Santa Isabel [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
12 186 16 181 25 767 31 957 41 759 44 176 59 020 67 535 72 377 14 950 12 155 11 683 9 249 7 270 6 875

No censo de 1864 figura Santa Isabel (intra-muros) no concelho de Lisboa e Santa Isabel (extra-muros) no concelho de Belém. Os seus limites actuais foram fixados pelo decreto-lei nº 42.142, de 07/02/1959

História da freguesia[editar | editar código-fonte]

A Freguesia de Santa Isabel foi criada a 14 de maio de 1741 pelo Cardeal D. Tomás de Almeida, com o objectivo de integrar no aro de uma freguesia as zonas de expansão da cidade que se desenvolviam para Norte.

A construção da igreja paroquial iniciou-se em 4 de Julho – festa litúrgica de Santa Isabel, com o patrocínio do Rei D. João V. Em 14 de Agosto de 1768, é inaugurada a Capela de Nossa Senhora de Monserrate, construída por iniciativa da "Irmandade dos Fabricantes de Seda".

Após a cidade ser atingida por um surto de cólera morbus, em 1833, foi urgente criar um cemitério, nascendo assim o Cemitério dos Prazeres.

A Casa de D. Bosco dos Salesianos, fundada em 1896, destinada à educação dos meninos pobres, tomou-se numa escola profissional.

Património[editar | editar código-fonte]

Esta lista é uma sublista da Lista de património edificado no distrito de Lisboa para a freguesia de Santa Isabel, baseada nas listagens do IGESPAR de Março de 2005 e atualizações.

ID Designações Categoria Tipologia Freguesia Grau Ano Coordenadas Imagem
72355 Antigo Jardim Cinema, zona do monumental salão de jogos, na Avenida Álvares Cabral, 33 a 37 Arquitectura civil Cinema Santa Isabel IIP 2002 38.71828362° N 9.15640154° O
72356 Panificação Mecânica Limitada Arquitectura civil Edifício Santa Isabel IIP 1983 38.72038° N 9.161451° O
70216 Aqueduto das Águas Livres, seus aferentes e correlacionados (concelho de Lisboa: freguesias de Benfica, São Domingos de Benfica, Campolide, São Sebastião da Pedreira, Santo Condestável, Prazeres, Santa Isabel, Lapa, Santos-o-Velho, São Mamede, Mercês ou Aqueduto das Águas Livres e Mãe de Água (antiga designação constante do Decreto de 16 de Junho de 1910) Arquitectura civil Aqueduto Campolide MN 38.729852° N 9.17029° O
Aqueduto Mae de Agua.JPG

Legenda: PM - Património Mundial · MN - Monumento Nacional · IIP - Imóvel de Interesse Público · MIP - Monumento de Interesse Público · CIP - Conjunto de Interesse Público · SIP - Sítio de Interesse Público · IIM - Imóvel de Interesse Municipal · MIM - Monumento de Interesse Municipal · CIM - Conjunto de Interesse Municipal · SIM - Sítio de Interesse Municipal · VC - Em vias de classificação · SPL - Sem protecção legal

    • Museu e Jardim-Escola João de Deus (Monumento de Interesse Público)[4]

Património Arquitectónico[editar | editar código-fonte]

Esta é uma lista do Inventário do Património Arquitectónico baseado nas listagens do SIPA (Setembro de 2011)

Outros[editar | editar código-fonte]

Arruamentos[editar | editar código-fonte]

A freguesia de Santa Isabel continha 51 arruamentos.[5] Eram eles:

  • Avenida Álvares Cabral
  • Avenida Engenheiro Duarte Pacheco[6]
  • Beco de Santa Quitéria
  • Beco do Batalha
  • Beco do Casal
  • Beco do Julião
  • Beco do Paiol
  • Largo do Paiol
  • Largo do Rato[7]
  • Largo Dr. António Viana
  • Praça das Águas Livres
  • Praça Ginásio Clube Português
  • Rua Carlos Alberto da Mota Pinto
  • Rua Custódio Vieira
  • Rua da Arrábida
  • Rua da Estrela[8]
  • Rua da Páscoa
  • Rua das Amoreiras[7]
  • Rua de D. Dinis (O Lavrador)
  • Rua de Infantaria 16[9]
  • Rua de Santa Isabel
  • Rua de Santo Amaro[8]
  • Rua de São Bento[10]
  • Rua de São Bernardo[8]
  • Rua de São João Nepomuceno
  • Rua de São Joaquim
  • Rua de São Jorge[8]
  • Rua do Cabo
  • Rua do Campo de Ourique[9]
  • Rua do Sol ao Rato
  • Rua Dom João V
  • Rua Ferreira Borges[9]
  • Rua Gorgel do Amaral
  • Rua João Anastácio Rosa[8]
  • Rua José Gomes Ferreira
  • Rua Joshua Benoliel
  • Rua Maria Ulrich
  • Rua Saraiva de Carvalho[11]
  • Rua Silva Carvalho[9]
  • Rua Tierno Galvan
  • Travessa da Arrábida
  • Travessa das Terras de Sant'Ana
  • Travessa de Cima dos Quartéis
  • Travessa de Santa Quitéria
  • Travessa de Santo Aleixo
  • Travessa de Santo Ildefonso
  • Travessa de São Caetano
  • Travessa de São Plácido
  • Travessa Debaixo dos Quartéis
  • Travessa do Barbosa
  • Travessa do Cabo

Notas e referências

  1. Câmara Municipal de Lisboa: Santo Condestável — Enquadramento Histórico. Acedido a 07/12/2012.
  2. Diário da República, 1.ª Série, n.º 216, Lei n.º 56/2012 (Reorganização administrativa de Lisboa). Acedido a 25/11/2012.
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  4. Lusa (21.11.2012). "Convento de Arroios, liceus e Torre do Tombo classificados como monumentos de interesse público". Jornal Público. Consult. 21.11.2012. 
  5. Câmara Municipal de Lisboa (CML) - Toponímia de Lisboa
  6. Partilhada com as freguesias de Alcântara, Campolide e Santo António (São Mamede) e com a antiga freguesia de Santo Condestável.
  7. a b Partilhado/a com a freguesia de Santo António (São Mamede).
  8. a b c d e Partilhada com a freguesia da Estrela (Lapa).
  9. a b c d Partilhada com a antiga freguesia de Santo Condestável.
  10. Partilhada com as freguesias de Santo António (São Mamede), Estrela (Lapa) e Misericórdia (Santa Catarina e Mercês).
  11. Partilhada com a freguesia da Estrela (Lapa) e com a antiga freguesia de Santo Condestável.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santa Isabel (Lisboa)