Sarah Harrison

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Harrison no Congresso de Comunicação Chaos, Hamburg, dezembro 2013

Sarah Harrison (nascida em 1982 ) é a jornalista britânica, pesquisadora legal, e editora de WikiLeaks. Ela trabalha com a equipe de defesa legal de WikiLeaks. Foi Sarah Harrison quem, em 23 de junho de 2013, acompanhou Edward Snowden no vôo de Hong Kong para Moscou, enquanto Edward Snowden estava sendo perseguido pelo governo dos Estados Unidos.[1] [2]

O Caso Snowden[editar | editar código-fonte]

Apoio a Snowden em Hong Kong

A saída de Edward Snowden de Hong Kong envolvia grandes riscos, considerando o fato de ele haver decidido tornar publica sua identidade após revelar a posse dos documentos que começaram a ser publicados em 5 de junho de 2013, enquanto ele ainda estava em Hong Kong e sua identidade já havia sido revelada, conforme ele desejava. Os documentos foram inicialmente publicados pelo The Guardian, Der Spiegel, The Washington Post e The New York Times, O Globo, Le Monde e alguns jornais na Suécia, Canada, Itália, Holanda, Noruega, Espanha Austrália.[3]

Snowden pôde chegar na Rússia em segurança sob orientação de Sarah e finalmente recebeu asilo político na Rússia e pode deixar o aeroporto de Moscou, sob os cuidados de Harrison.[4] [5] [5]

O Caso WikiLeaks[editar | editar código-fonte]

Ela classificou os arquivos sobre a Guerra do Iraque[6] [7] [8] [9] a serem publicados e também foi pessoa chave nas publicações dos documentos e classificacao para documentários de televisão futuras.Teve papel importante tambem na publicação dos telegramas diplomáticos e continua envolvida na luta legal de Julian Assange.[10] [1] [1]

Ela trabalha na defesa legal de WikiLeaks liderada por Baltasar Garzón.[11]

O caso Chelsea E. Manning[editar | editar código-fonte]

Em 29 de dezembro de 2013, 30° Congresso de Comunicação Chaos[12] , Sarah Harrison, fez uma apresentação sobre o caso Chelsea E. Manning onde ela explicou a situação a que Manning foi submetida. Ela foi ovacionada no 30° Congresso de Comunicação Chaos por longo tempo por ser considerada como tendo salvo a vida de Edward Snowden bem como por sua participação ativa em tentar proteger os direitos básicos de Manning.[13]

Refúgio na Alemanha[editar | editar código-fonte]

Sarah nasceu na Inglaterra mas devido as situações de intimidação de que vem sendo vitima, semelhante aos casos de Laura Poitras, Jacob Appelbaum[14] [15] e Glenn Greenwald[3] , entre outros, decidiu refugiar-se em Berlin em Novembro de 2013.[16]

Veja de também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c notícias em Mundo: G1 - Conheça Sarah Harrison, militante do WikiLeaks que ajuda Snowden - O Globo
  2. Avião onde viaja Snowden já aterrou em Moscovo - Globo - DN
  3. a b Carta Maior: Um terremoto chamado Snowden - Carta Maior
  4. Jornal O Globo: Snowden pedirá asilo à Rússia até poder viajar para a América Latina - Jornal O Globo
  5. a b CNN.com: Feds start building case against NSA leaker - CNN.com
  6. [1] Wikileaks revela que EE UU permitió torturas sistemáticas en Irak.
  7. [2] Wikileaks - documentos denunciam crimes de guerra no Afeganistão - internacional - europa - Estadão
  8. [3] Wikileaks- Video mostrando soldados americanos atirando civis no Iraqi The Guardian
  9. [4] Vazamento eleva pressão sobre estratégia de Obama no Afeganistão - Estadão]
  10. Democracy Now!: WikiLeaks Founder Julian Assange: "Transparent Government Tends to Produce Just Government" | Democracy Now!
  11. EL PAÍS: Garzón visita un centro de tortura en Argentina | Edición impresa | EL PAÍS
  12. CCC-TV - Through a PRISM, Darkly
  13. CCC-TV - Congresso de Comunicação Chaos - Assita o Video da Palestra de Sarah Harrison - Sysadmins of the world, unite!
  14. Estadão: Funcionário do Wikileaks é interrogado em aeroporto dos Estados Unidos - internacional - euaecanada - Estadão
  15. 21.12.2013: Snowden ally Appelbaum claims his Berlin apartment was invaded | News | DW.DE | 21.12.2013
  16. 08.11.2013: Snowden aide Harrison takes refuge in Berlin | Germany | DW.DE | 08.11.2013
  17. CBS News: NSA can spy on offline computers wirelessly, says security expert - CBS News NSA tem recursos para espionar em computadores sem conexão à Internet e [Online|offline] - Jacob Apelbaum - Chaos Communication Congress, 28 de Dezembro de 2013, Hamburg, Alemanha
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.