Sergio Vargas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vargas
Informações pessoais
Nome completo Sergio Bernabé Vargas Buscalia
Data de nasc. 17 de agosto de 1965 (54 anos)
Local de nasc. Chacabuco,  Argentina
Altura 1,82 m
Apelido Superman
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Goleiro
Clubes de juventude
1984-1987 Argentina Independiente
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1988-1991
1991
1992
1993-2002
2003
2004-2005
Argentina Independiente
Equador Emelec
Argentina Independiente
Chile Universidad de Chile
Chile Unión Española
Indonésia PSM Makassar
86 (0)
- (-)
15 (0)
253 (0)
26 (0)
- (-)
Seleção nacional
2001 Flag of Chile.svg Chile 10 (0)

Sergio Bernabé Vargas Buscalia (Chacabuco, 17 de agosto de 1965) é um ex-futebolista e treinador de futebol chileno nascido na Argentina, que jogava como goleiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Vargas, conhecido por "Superman" graças à sua impulsão, Começou sua carreira no Independiente, de seu país natal, em 1984, mas só ganharia suas primeiras chances como titular três anos depois.

Deixou o Independiente pela primeira vez em 1991 para defender o Emelec, mas não teve sucesso na equipe equatoriana, regressando aos Diablos Rojos no ano seguinte. Após uma temporada, deixou de vez o Independiente no final de 1993, ao ser contratado pela Universidad de Chile, onde viveu seus melhores momentos na carreira, chegando a ser escolhido o melhor goleiro do Campeonato Chileno em sete oportunidades.

Em 2002, René Orozco, presidente da Universidad, anunciou a rescisão do contrato de Vargas, que assinaria com a Unión Española, tendo atuado pelo clube por apenas um ano. O goleiro encerraria a carreira em 2005, quando jogava pelo time indonésio PSM Makassar, aos quarenta anos de idade.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Vargas disputou dez partidas pela Seleção Chilena de Futebol, todas em 2001[1].

Participou da despedida de Iván Zamorano da Roja, contra a França, além da Copa América de 2001, sendo titular em quatro jogos, barrando o então titular, Nelson Tapia.

"Superman" realizaria sua última partida pelo Chile em novembro de 2001, contra o Equador. Ironicamente, este foi o primeiro jogo dele como capitão da Roja.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]