Siegfried Ellwanger Castan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Siegfried Ellwanger Castan
Capa do livro "Holocausto judeu ou alemão?
Nascimento 30 de setembro de 1928
Candelária
Morte 11 de setembro de 2010
Cidadania Brasil
Ocupação escritor, Negacionismo do Holocausto
Siegfried Castan
Nome Siegfried Ellwanger Castan
Local de nascimento Candelária
Local de morte Porto Alegre
Ocupação Industrial, livreiro
Crime(s) Racismo[1]

Siegfried Ellwanger Castan (Candelária, 30 de setembro de 1928 - 11 de setembro de 2010) foi um industrial, escritor e livreiro brasileiro. Negador do Holocausto, ele fundou a Editora Revisão, que publicava livros que distorciam a história do genocídio dos judeus, afirmando que ele não foi real. Seus livros são considerados antissemitas e neonazistas.[2][3][4]

Ele foi condenado por racismo pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Recorreu ao Supremo Tribunal Federal, que manteve a condenação.[1]

Livros[editar | editar código-fonte]

  • Holocausto: Judeu ou Alemão? Nos Bastidores da Mentira do Século[5]
  • Acabou o Gás!... O Fim de um Mito[5]
  • S.O.S para Alemanha[5]
  • O Catolicismo Traído: A Verdade sobre o Diálogo Católico-Judaico no Brasil[5]
  • Inocentes em Nuremberg[carece de fontes?]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Supremo Tribunal Federal (2003). «STF nega Habeas Corpus a editor de livros condenado por racismo contra judeus». Supremo Tribunal Federal. Consultado em 4 de julho de 2015 
  2. Neto, Odilon Caldeira (2009). «Memória e justiça: o negacionismo e a falsificação da história». Antíteses. 2 (4): 1097–1123. ISSN 1984-3356. doi:10.5433/1984-3356.2009v2n4p1097 
  3. Jesus, Carlos Gustavo Nóbrega de; Gandra, Edgar Avila (16 de dezembro de 2020). «O negacionismo renovado e o ofício do Historiador». Estudos Ibero-Americanos (3): e38411–e38411. ISSN 1980-864X. doi:10.15448/1980-864X.2020.3.38411. No Brasil tal leitura tortuosa do passado chegou no final dos anos 1980, com a Editora Revisão. Criada no Rio Grande do Sul, em 1987, teve seu primeiro livro editado e escrito pelo próprio fundador, Siegfried Ellwanger, que adotou o pseudônimo de Castan. Holocausto judeu ou Alemão? Nos Bastidores da Mentira do Século, foi lançado em fevereiro de 1988. Nos anos 1990 o livro entrou na lista dos livros mais vendidos entre as publicações negacionistas e Castan envolveu-se em vários processos legais, pelo conteúdo racista dos livros impressos e veiculados por sua editora. Diante disso viu-se obrigado a valer-se de artifícios para contornar proibições legais e passou a divulgar seus escritos na internet. 
  4. Jesus, Carlos Gustavo Nóbrega de. Anti-semitismo e nacionalismo, negacionismo e memória: Revisão Editora e as estratégias da intolerância (1987-2003). São Paulo: Editora UNESP, 2007. 243 p. ISBN 9788571397132
  5. a b c d Editora Revisão (7 de julho de 2008). «Lista de Livros da Revisão Nº 1». Site Oficial da Editora Revisão. Editora Revisão. Consultado em 4 de março de 2020. Arquivado do original em 12 de setembro de 1999 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.